"Este Espaço pode ser seu"

"Este Espaço pode ser seu"

Constantinos - Oficina de Artesanato

cpbombarral@gmail.com

 
 

Esta é uma crónica que pretende ter alguns traços de humor. Os artigos e ou opiniões, não expressam e ou vinculam a Secção de Xadrez da Casa do Povo do Bombarral, nem qualquer um dos seus jogadores ( Sai ás 4ªs Feiras)

 

Zé Bomba – Episódio 55

Feliz 2015 para todos!!!

 

2014 Já lá vai, foi mais do mesmo, os Campeões á mesa fartaram-se mais uma vez de levantar canecos. Foi mais um Triplete Distrital, mais uma vitória no derby e a marca histórica de sermos a 1ª equipa do distrito a disputar a Taça Nacional das Associações.

Para 2015 deixamos os nossos mais sinceros votos para que os rivais se esforcem por dar um pouco mais de luta sem a qual o xadrez perde algum do seu interesse e beleza. Deixo aqui algumas dicas, são as últimas inovações ao nível das mais modernas técnicas de aprendizagem e evolução xadrezista!

  

1º Pratica de um jogo mais simples

Comprova-se de que devemos começar por jogos mais fáceis antes de chegarmos aos mais complicados. É a evolução natural das coisas, não há que tentar ultrapassar etapas.

2º Mudar de Hobbie

Não levar o jogo muito a sério, caso não exista grande apetência pela modalidade, deve-se …não diria mudar de hobbie, mas pelo menos introduzir mais um hobbie nas nossas vidas. Assim caso não tenhamos grande queda para um deles sempre poderemos futuramente seguir o outro. Trata-se nem mais nem menos da aplicação do famoso provérbio dos grandes investidores aplicado ao xadrez “Não ponha os ovos todos no mesmo cesto”!

3º Treinos Individualizados e personalizados

Um jogador que não tenha ainda evoluído, não deve misturar-se com os companheiros ao contrário do que se pensa. Esta comprovado de que a média da equipa baixa consideravelmente ao termos de dividir a inteligência por todos, o jogador com mais apetência pelos tempos de Neandertal deve treinar-se contra si próprio, analisar sozinho os seus erros, a táctica do espelho é neste caso o ultimo grito da inovação.

 

Ainda dizem que os homens não evoluem?

Directamente do Baú dos meus pais, deixo-vos com algumas fotos da minha infância. Não é para me gabar mas já se notavam traços de uma supra inteligência, a diversidade dos temas, o poder da conquista, enfim … ficam a saber como nasce um génio do xadrez.

 

 

 

 

  

   

 

 

  

 

 

Bom Ano, até Breve!!!

 

 



Home page
 | Calendário de Provas | Organismos e Informativos | Associações e Clubes de Xadrez | Galeria de fotografias | Jogadores | Jogar online |
Ver partidas |

000webhost logo