"Este Espaço pode ser seu"

"Este Espaço pode ser seu"

Constantinos - Oficina de Artesanato

cpbombarral@gmail.com

Seja Muito Bem Vindo!!!

 
 
 
Vencedores da Série E da 3ª Divisão 2011/2012

Vencedores da 3ª Taça AX Leiria

Campeões Nacionais 3ª Divisão 2011/2012

Campeões Distritais de Rápidas 2011/2012

Campeões Distritais de Semi Rápidas 2011/2012

Menus Actualizados 23/02/2014

  Sexy Chess

 

112 Episódios Publicados Próximo: 6ª Feira 52 Episódios Publicados

Próximo: 2 Abril 2014

 

 

12 Entrevistas Publicadas Próxima: 2014 137 Episódios Publicados Próximo: Brevemente

 

2013/2014 Selecções Distritais

No Campeonato Nacional de Jovens destaque para o campeonato sub 12 onde José Veiga (1680 – A.X. Gaia) voltou a brilhar com o pleno dos pontos, Constança Rodrigues (1267- Benedita) foi 8ª entre 54 participantes e a 2ª feminina!

No 1º Campeonato Nacional de Seleções Distritais Absoluto e de Jovens o primeiro destaque vai obviamente para a realização da prova, a primeira! Foi pouco participada mas estamos em crer que será um sucesso a médio prazo, esta portanto de parabéns a FXP. O segundo destaque este pela negativa, vai para a Associação de Xadrez de Leiria que primou pela sua ausência, não dando sequer qualquer explicação aos seus associados. E o terceiro destaque vai para a vitória da AX Braga que venceu nas duas categorias, ficando assim na história desta recente competição.

Nas meias finais Coimbra passou á tangente frente a Aveiro, bem como  Braga frente ao Porto, o 2-2 em ambos os jogos mostra como foi equilibrada a competição, o desempate deu-se por tabuleiro superior.

Porto vence Aveiro e alcança o pódio, na final Braga vence de forma clara a Seleção de Coimbra.

Bruno Gomes Paulo Pinho Khodorov Bolhari José Monteiro

 

Diário da Crise na Associação de Xadrez de Leiria

    

Começou muito bem a atual direção da AXL … Sediou-se no Bombarral, local onde estão sediados dois dos três clubes que iriam representar o distrito na 2ª Divisão, por sinal os dois que conseguiram a manutenção.

Para a Direção captava-se a motivação do momento, existem sempre situações assim ao longo dos tempos e há que as incentivar e aproveita-las, refiro-me á equipa dos Corvos do Lis, um sempre dinâmico Carlos Baptista, um presidente “prestigiado”, e com o “decano” do distrito a mostrar o seu contentamento e esperança de que se tinha tudo para correr bem.

De fora ficaram clubes carismáticos como a CPB, o SOM, a Benedita onde mora o ex presidente e o grande “mouro” de trabalho do distrito, as Caldas da Rainha com o 2º clube com mais filiados no país … no fundo o actual presidente reuniu-se com uma equipa de confiança, e nós também achamos que é assim que deve de ser.

O mandato começou em grande nível, a Taça AXL começa por disputar-se por forma a permitir a preparação para os clubes para os nacionais que se avizinham, e disputa-se com a excelente presença de 6 clubes … começo a grande nível.

Durante o primeiro dia concentrado da Taça AXL, Carlos Baptista anuncia com grande pompa e circunstancia a oferta de folhas de anotação de jogos para todos os clubes, e o presidente Carlos Dias solicita aos clubes o envio dos comprovativos das verbas pagas em inscrições á FPX, já que a FPX devolve 50% desse valor á AXL que por sua vez se comprometeu a dar 50% da quantia recebida, ou seja 25% aos clubes. Anuncia-se ainda a candidatura da AXL com o patrocino da Academia de Xadrez do Bombarral para a realização do último concentrado das 2ª e 3ª divisões a realizar no Bombarral.
Começo em grande da Taça, três boas medidas anunciadas, a AXL segue em Alta!

A Etapa do Circuito Nacional de Lentas a disputar no Bombarral, na sede da Academia de Xadrez do Bombarral com alto patrocínio da AXL é cancelada por falta de jogadores inscritos … dia de festa e de demonstração de trabalho realizado que foi ao ar …. O que já começa a ser uma tradição nas provas organizadas pela Academia.

A AXL apresenta um novo modelo para os campeonatos distritais de rápidas e semi rápidas individual e coletivo, desta feita um dia será dedicado aos campeonatos individuais e outro aos coletivos … uma medida inovadora que permitirá poupanças aos clubes, mas que provavelmente fará com que participem menos jogadores a nível individual … para a CPB a medida agrada!

Carlos Dias e Carlos Baptista assinam em conjunto um comunicado publicado no site da Academia de Xadrez do Bombarral onde atacam forte e feio no ex presidente José Cavadas. Ridículo, inexplicável, e motivo mais do que suficiente para se demitirem. É completamente descabido o ataque feito e publicitado num site de um clube, quando tem os canais próprios da AXL para o fazerem, escudarem-se num site de um clube é demonstrativo de falta de coragem e de que tinham a consciência de que este filme poderia vir a dar, desculpem-me a expressão, “Merda”. Algo que se resolveria pessoalmente, inadmissível!!! … … soam as primeiras campainhas da crise!

José Cavadas pensa em responder, mas a bem do distrito decide não emitir qualquer comunicado, a própria AXL já se queimou o suficiente, há que serenar os ânimos.

2ª Jornada da Taça AXL, o clube do actual presidente Carlos Dias apresenta-se com apenas dois jogadores, também a Benedita e a equipa Caldense não conseguem apresentar um 4 completo … nada que a AXL possa controlar, e anuncia a aquisição de 2 Placard´s ou como se queira chamar … algo com muito mérito e demonstrativo de trabalho realizado caso tenha sido patrocinado, algo de supérfluo caso tenha sido adquirido.
As folhas de jogo passam de “para todos clubes” para “Apenas para os que solicitarem” … sobre o dinheiro prometido para os clubes … nem uma palavra
Soa novo e forte sinal de alarme!

A FPX atribui o concentrado á candidatura da Benedita e gera nova frustração a uma candidatura fortemente apoiada pela AXL, a da Academia de Xadrez do Bombarral. A AXL queixa-se de falta de solidariedade da sua filial da Benedita, que não a informou. A FPX limitou-se a escolher a melhor opção, esta derrota soa a “A vingança serve-se a frio”

Caiu por completo o estado de graça da AXL, ao comum xadrezista que assiste á distancia ao desenrolar destes acontecimentos, a AXL esta a cair a pique.

Adia-se o campeonato distrital absoluto para data a confirmar.
Marca-se o campeonato distrital absoluto com uma semana de antecedência para a data onde estava marcada o campeonato distrital de rápidas e semi rápidas individual e coletivo.
A CPB mostra internamente o seu descontentamento, André Pinto envia email de descontentamento para a AXL pela marcação “em cima do joelho”

A FPX informa de que a prova não poderá ser homologada em tempo útil e portanto o campeão distrital não poderá beneficiar de qualquer regalia na fase de apuramento, dando plena razão ao descontentamento de André Pinto.

A AXL cancela a prova adiando-a para Setembro, assim como os campeonatos distritais de rápidas e semi rápidas, apresenta a sua demissão mas assegura que ficará até ao fim da época 15 de Outubro.

Correm rumores de fortes divergências entre presidente e vice-presidente.
A CPB mostra o seu descontentamento público.

A AXL não participa no 1º Campeonato Nacional de Selecções distritais de Seniores e de Jovens, perdeu-se uma oportunidade de fazer história, a crise não pode ser mais “mascarada”, é o culminar da queda abrupta do prestigio da AXL na corrente época.

Fonte não oficial da FPX (Junho 2014) informa de que a AXL ainda não solicitou o reembolso de 50% do valores das inscrições... a confirmar-se a AXL não cumpre mais um promessa feita, deixa os seus associados obviamente descontentes já que poderiam estar a contar com as verbas para algo,.. é mais do mesmo, resumidamente é o fim da Linha para a atual direção.

A CPB endereça os agradecimentos pelo trabalho efectuado, resta agora á AXL o mínimo de dignidade para os penosos tempos que restam do atual mandato.

Esta é apenas uma parte da crise, aquela que nos chegou, não andamos nos “corredores do poder” nem tão pouco tentamos saber mais do que nos foi voluntariamente e publicamente transmitido, por isso será sempre uma visão parcial dos factos.

Relembramos porque nunca é demais, a CPB estará como sempre esteve disponível para colaborar, não querendo fazer parte de qualquer lista nem tão pouco apresentando qualquer lista ou qualquer intenção de assumir a presidência ou outro qualquer órgão. Qualquer que seja o candidato que venha a suceder ao actual presidente, terá o nosso respeito pela disponibilidade demonstrada, e preferiremos sempre um mau presidente a uma associação sem direção.

Aguarda-se assim com serenidade mas também com curiosidade pela formal explicação que a atual direção da AX Leiria dará para justificar a sua demissão.

 

José Bray (Presidente da Assembleia Geral) publica o texto que se transcreve:

http://brayxadrez.blogspot.pt/

Xadrez - Crise na Associação de Xadrez de Leiria

Xadrez – Em busca da solução perdida!

Em vinte e oito de Julho de 2013 escrevi no meu blogue um texto sobre a gestão da Associação de Xadrez de Leiria. A minha mensagem levantou uma certa polémica, e alguém sentiu-se atingido. Ela foi escrita para alertar consciências. Dias depois, a dois de Agosto, coloquei nova mensagem no blogue dando alguns esclarecimentos relativamente aos meus pontos de vista.

Nas minhas mensagens ao contrário de que muita gente pensou, não era para atingir ninguém. Era sim para criticar certos procedimentos com que não concordo. Coisa que faço sem papas na língua no sitio certo.

Pois é! Alguém ficou ferido e demitiu-se das suas funções de presidente.

Após isso, foi eleita uma nova Direcção para a Associação de Leiria que apoiei. Nessa altura coloquei uma nova mensagem no blogue no dia vinte e um de Setembro. Duas semanas depois, a seis de Outubro nova mensagem no blogue considerando que a Associação estava no bom caminho.

E agora? Agora, ainda não passado um ano, sinto-me na obrigação de voltar escrever uma mensagem no blogue. E porquê? Porque a coisa está feia.

Não quero que ninguém se ofenda, nem tenho a intenção de atacar seja quem for. Ao fim e ao cabo como nas mensagens anteriores.

Há dias a direcção enviou-me uma carta de demissão em que quatro directores a subscreveram. Quer isto dizer que a coisa está negra. Conclusão! Nesta estória, falhámos todos, inclusive a minha pessoa.
Nunca pensei ser possível, tantas clivagens, inclusive no seio da própria direcção gestora.

Não vou lavar aqui roupa suja, mas parece impossível que numa modalidade em que a mente é soberana, haja tantas picardias. Tantos feudos, tantos inimigos de estimação, tanta falta de educação e tanta falta de tolerância. Isto é só xadrez meus senhores!

Apelo ao bom senso de todos. Tentem não pôr as miudezas à frente dos interesses do colectivo e da modalidade.

Um Distrito com tanto para dar, em todas as frentes, não se entende que andem nestas guerras do Alecrim e da Manjerona.

Da minha parte como Presidente da Assembleia Geral, tentarei ajudar no que puder. Reunirei com os membros da Mesa, depois tentaremos falar com todos os intervenientes responsáveis do xadrez do Distrito, para auscultar opiniões e possíveis soluções.

Peço a todos que façam jogo limpo!

José Bray, 29/6/2014

 

PS: O Bold foi de nossa autoria

 

Assim foi o Mundial do Brasil em Cartoons

 

http://surfaratendencia.blogspot.pt/

 

A Metro do Porto é alvo de chacota internacional.

Mais uma vez...

Como estamos próximos do fim de semana, deixo um post mais político. Vamos criticar um pouco as empresas públicas nacionais! Se o "The Independent" pode fazê-lo, eu tenho o dobro do direito, já que elas também são minhas! Ora, o jornal Britânico, num artigo com o título "Como os banqueiros Londrinos do Goldman Sacks e Nomura fazem milhões à custa dos contribuíntes", os gestores da Metro do Porto são literalmente chamados de idiotas. Vejam uma passagem do artigo: "The sucker that bought the product was a Portuguese state-owned train and subway company, Metro do Porto." Sem comentários...

 

O que despoletou esta reacção? Ora, por motivos ainda desconhecidos, os gestores desta (e não só) empresa pública aceitaram fazer contratos swaps realmente absurdos! Leiam este artigo do económico, muito esclarecedor relativamente ao grau de absurdo a que chegou a gestão de dinheiros públicos. 

Deixem-me assumir que esta pesada factura que todos nós teremos de pagar foi provocada por simples incompetência... é, ainda assim, o cenário menos grave! É bom que sejamos motivo internacional de chacota, talvez isso mostre a todos os gestores - sobretudo aos que têm responsabilidades públicas - que complicar para parecer inteligente raramente é bom resultado. Fazer um contrato swap não é mau, pelo contrário... fazer uma protecção de risco é fundamental para quem gere um negócio com alguma dimensão. Mas se eu quero proteger a minha dívida de 100 mil euros de sofrer um agravamento nas taxas de juro, não vou expor-me ao risco de pagar um swap que me custe 200 mil euros só para poder dizer à mesa do restaurante que fechei um contrato swap!

É tão simples fazer cobertura de risco nos dias de hoje que qualquer dono de uma padaria consegue cobrir o risco de falir porque o preço do trigo sobe sem parar... por que hão-de então os gestores - que são pagos com o meu dinheiro - pagar a pessoas que só se interessam com a sucção de dinheiro, para fazerem algo que eles próprios deveriam saber fazer??

Eu tenho um sonho... o meu sonho é que um dia todas as pessoas que gerem dinheiro que é meu, e património que é meu, saibam realmente o que estão a fazer. E sejam responsabilizadas e penalizadas se não o fizerem adequadamente...

 

Margarida Coimbra conquista 3ª norma de Mestre Internacional Feminina

         

A Margarida Coimbra, jogadora do Palma e Arredores, conquistou a sua 3ª norma de Mestre Internacional Feminina no XXXVII Open Internacional de Barberà del Vallès que decorreu de 4 a 12 de julho, depois de ter conquistado em 2007 e 2011, respetivamente no Gib Telecom Master e no Campeonato Nacional por Equipas - 1ª Divisão. A Margarida é atualmente Mestre FIDE Feminina.

Neste torneio em Barcelona, a Margarida fez parte do Grupo A e realizou uma prova muito interessante, sendo no início do torneio a 65ª jogadora mais cotada em 87, mas classificando-se em 45º lugar com uma performance de 2279 (o seu Elo atual é de 2071) e com mais de 44 pontos ganhos de Elo. De referir que esta foi uma prova fortíssima, com quase metade dos jogadores a serem titulados internacionais com nada mais nada menos que 5 Grandes Mestres, 18 Mestres Internacionais e 17 Mestres FIDE.

Todos os resultados e classificações em http://chess-results.com/.

Fica assim a um passo de conquistar o seu título de Mestre Internacional Feminina, faltando apenas ultrapassar a barreira dos 2200 pontos de Elo. Recordamos que a Margarida estará presente na Seleção Feminina Nacional de 1 a 14 de agosto de 2014 nas Olimpíadas de Xadrez, que se realizam na Noruega.

Fonte FPX

 

Federação Portuguesa de Xadrez publica nova Newsletter

http://www.fpx.pt/web/comunicacao/newsletter

 

  

Campeonato Nacional Individual – Fase de Apuramento

Vinte e sete jogadores, bem menos do que o ano passado quando a eliminatória se disputou em Lisboa, apuraram-se os 3 primeiros classificados. Vitória para Luís Silva (na foto), destaque ainda para a caminhada ascendente do sub José Veiga (+54)

Os 3 primeiros classificados garantiram acesso direto á fase final que disputará o titulo de campeão nacional, juntando-se aos já apurados Rui Dâmaso, Sérgio Rocha e Paulo Dias, por via do 1º ao 3º lugar na Fase Final de 2012/2013, e Hugo Lima Santos, depois de vencer o Torneio Nacional de Mestres 2013/2014.

 

 

Jorge Ferreira vence etapa do CNL em Gaia

 

… Coisas que não passam na TV

 

 

 

Vamos de Férias, weeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeee!!!

 

Mantêm-se os testes e problemas diários

Contamos voltar a 15 de Setembro!!! São só dois mesitos e meio … as crianças tem três!!! E nós somos a favor da igualdade de tratamento entre homens e mulheres, entre homens e crianças e tudo o mais que nos dê jeito!

 

A CPB deseja a todos os leitores e amigos umas férias fantásticas!!!


Ps: Publicaremos um resumo mensal em Julho e outro em Agosto

 

Caldas da Rainha – Caldas Internacional Hotel

Realização da 1ª Divisão e Fases Finais da 2ª e 3ª Divisão

 

A 1ª Divisão da edição de 2013/2014 do Campeonato Nacional por Equipas terá lugar nos dias 17 a 23 de Agosto de 2014, juntamente com as Fases Finais da 2ª e 3ª Divisão que terão lugar entre 16 e 17 de Agosto de 2014, sendo realizados nas Caldas da Rainha, no Caldas Internacional Hotel.

 

 

 

 

Campeonato Distrital Absoluto Cancelado!!!

Dado as datas não permitirem que esta prova seja contabilizada para ELO, deliberou a Direcção da AXL não efectuar a prova nos dias 27, 28 e 29 de Junho. As novas datas serão anunciadas brevemente. Esta alteração todavia não nos remete para a situação anterior que contemplava as rápidas e semi-rápidas neste próximo fim-de-semana. Estas provas serão realizadas em Setembro.


A Direcção da A.X. Leiria

 

A. X. Leiria pede a Demissão

Digníssimo Presidente da Assembleia-geral da A. X. Leiria Sr. José Manuel Bray

Carlos Oliveira Dias, Presidente da Direcção da AXL, Carlos Baptista, Vice-Presidente da Direcção da AXL, Mário Canaverde, Tesoureiro da AXL e Jorge Gonçalves Silva, Vogal da Direcção da AXL, vêm mui respeitosamente pedir a demissão dos cargos que ocupam na AXL, solicitando a V. Exa se digne marcar eleições. Mais informamos que até final da época estaremos em função e cumpriremos o calendário associativo.

Respeitosamente, Carlos Oliveira Dias, Carlos Maximiano Baptista, Mário Canaverde, Jorge Gonçalves Silva.

 

Hou Yifan muito perto de ultrapassar Judit Polgar!!!

http://lopota2014.fide.com/

 bandeira lopota 

Hou Yifan (China 2629) segue com 6-2-0 (2846 de performance) e com 1,5 pontos de avanço sobre as segundas classificadas a 3 rondas do fim… se o torneio terminasse agora o seu rating seria de 2647 … Judit Polgar com 2676 estará á beira de ser destronada!

 

 

 

Campeonato Distrital de Rápidas e Semi Rápidas adiado para Setembro

Comunicado 002/2014
CAMPEONATO DISTRITAL ABSOLUTO
Dada a proximidade do Nacional Absoluto, e porque o Campeão Distrital tem direitos que lhe advêm via Distrital, a AXLeiria deliberou em reunião de 20 de Junho, realizada em São Martinho do Porto, levar a efeito o Distrital nos dias 27, 28 e 29 de Junho, passando as provas agendadas para estas datas para o mês de Setembro.
Junto anexamos regulamento da prova.
A Direcção da AXLeiria

 

CAMPEONATO DISTRITAL ABSOLUTO

27,28 e 29 de Junho de 2014 - S. Martinho do Porto

6 ª feira 1 ª Sessão - 20,30 Horas
Sábado 2 ª Sessão - 10,00 Horas 
Sábado 3 ª Sessão - 15,30 Horas 
Domingo 4 ª Sessão - 10,00 Horas
Domingo 5 ª Sessão - 15,30 Horas

 

CPB manifesta o seu desagrado

André Pinto que gostaria de participar no campeonato distrital mostrou-se extremamente descontente com esta decisão da AXL por ser muito próxima da data de início do torneio, … é que as pessoas têm a sua vida programada, não a fazem em cima do joelho. Há muito que eram conhecidos os direitos de um campeão distrital e as datas que a FPX tinha programado para a fase preliminar…

Também a CPB se sente obviamente frustrada depois de ter realizado o interno de rápidas e de semi rápidas no fim-de-semana passado com vista á preparação da equipa para estas provas e vê agora as provas distritais adiadas para Setembro.

A AX Leiria não divulgou qualquer decisão relativamente á sua participação ou não, nem sobre os critérios de selecção para a prova “Campeonato Nacional de Selecções Distritais” cuja inscrição termina a 2 de Julho.

 

André Pinto termina em 4º!!!

André Pinto coleccionou mais um jogo para o seu “Best Of”
Posição Base d4
… – Bxd4 Dxd4
cxd4 Bf6++

André Pinto (1992 na ultima lista) era o nº8 do ranking inicial e terminou em 4º lugar com os mesmos pontos do 2º, segundo lugar que teria obtido isolado caso vencesse na última sessão. A juntar á boa classificação, juntou mais 7,90 pontos de elo o que lhe permite regressar aos 2000, obtendo uma performance de 2041. Andou sempre nas mesas da frente sendo um dos grandes animadores do torneio, boa prova sem dúvida!

Pedro Rodrigues (2008 na última lista) era o nº9 do ranking inicial e terminou em 6º, a juntar á boa classificação, juntou mais 3,20 pontos de elo, com uma performance de 1861 terminando sem qualquer derrota.

Ricardo Pais (1870 na última lista) era o nº20 do ranking inicial e terminou em 40º, com uma performance de 1833 disputou apenas 3 jogos não obtendo qualquer derrota, perdendo 0,6 pontos.

Na Ronda Final Carlos Carneiro venceu conquistando o torneio com 6-1-0, cedendo um único empate face a Alberto Eggert. André Pinto e Pedro Rodrigues empataram falhando assim o pódio.

Carlos Carneiro +15,8; Bolhari +5,3; Paulo Cruz +14,1; André Pinto +7,9; Rudolfo Bento +8,4; Pedro Rodrigues +3,2; Eggert +1,4; Vítor Morais -6,60; Rui Marques -14,7; Pedro Marques -17,5, Ricardo Pais -0,6.

 

 

http://lopota2014.fide.com/

 

Mais um Woman Grand Prix com 12 jogadoras no sistema de todos x todos a uma volta. No final da ronda 6 Hou Yifan (2629 - China) liderava com 5 pontos, mais meio do que Nana Dzagnidze (2541 – Geórgia), seguia-se a decisiva ronda 7 disputada esta 5ª feira com o confronto entre ambas, e com a campeã do mundo a actuar de peças pretas … e venceu, tendo agora 1,5 pontos de avanço!

 

  

Anna Muzychuk (2561) voltou a representar a Ucrânia tal como a sua irmã … abandonando a Eslovénia

Caligrafia Hou Yifan x Humpy Koneru

Alexandra Kosteniuk ainda faz vibrar corações!

 

Campeão do Mundo visita a Arménia

 

 

Época 2013/2014 quase a chegar ao fim…

  

  

  

Vem aí o fim de época para muitas equipas, depois dos Campeonatos Nacionais por Equipas, da Taça de Portugal e da Taça da AXL, os títulos em rápidas e semi rápidas encerram para a esmagadora maioria das equipas a época desportiva a titulo colectivo, á excepção da Casa do Povo do Bombarral que ainda terá esta época, em Outubro, o direito a participar na 1ª Taça das Associações, a disputar entre os vencedores das Taças Distritais.

Para este fim-de-semana duplo a CPB tem como objectivo a conquista de um dos dois troféus em disputa, não tendo qualquer preferência pelo ritmo a conquistar.

IMPORTANTE: Á data da elaboração deste artigo ainda não eram conhecidos os regulamentos da AXL para as provas do próximo fim-de-semana, fazemos fé no calendário de que se realizarão nas datas indicadas

 

Campeonato Distrital Individual – Associação de Xadrez de Leiria

Rápidas e Semi Rápidas

Sábado – 28 Junho

 

Campeonato Distrital por Equipas – Associação de Xadrez de Leiria

Rápidas e Semi Rápidas

Domingo – 29 Junho

 

Campeões em Titulo

Rápidas Semi Rápidas
Daniel Bray (AXB) Daniel Bray (AXB)

 

Taça de Portugal – Surpresa!!!

Jorge Ferreira bate Korneev e oferece a Taça ao GD Dias Ferreira

logotipo tacaportugal 1314  not taca1314 ff 2

Nas Meias-finais uma “final antecipada” com a equipa do Sporting a apresentar-se estranhamente desfalcada, em resultado disso foi goleada pelo detentor da Taça.

Estimava-se que fossem favas contadas, mas Jorge Ferreira e David Martins impuseram-se frente a jogadores bastante mais cotados, causando sensação na Taça de Portugal!

 

Triplete para Magnus Carlsen!!!

http://www.dubai2014wrb.com/en/

  

Magnus Carlsen (2837 Noruega) venceu o campeonato do Mundo de rápidas com um ponto de avanço sobre Ian Nepomniachtchi (2816 Rússia) e Hikaru Nakamura (2879 USA) (Ratings de rápidas), com 17 em 21 possíveis sagrando-se campeão FIDE nos três ritmos, rápidos, semi rápido e clássico.

  

 

 

 Sexy Chess 112

 

 

 

Torneio Xeque-Matemática 2014

(Próxima 2ª Feira – Última Ronda)

André Pinto e Pedro Rodrigues em luta pelo pódio!!!

  

André Pinto (1992 na ultima lista) segue com 5-0-1 com uma vitória por falta de comparência, em jogos efectivamente jogados 4-0-1.

Apenas a derrota ofuscará a sua participação, o empate ou a vitória fará com que André Pinto independentemente da classificação final sobe pontos Elo, e segue neste momento a ganhar 8 pontos, … a quantia exacta que lhe falta para regressar aos 2000.

Pedro Rodrigues (2008 na última lista) segue com 4-2-0 com três vitórias por falta de comparência, em jogos efectivamente jogados 1-2-0.

Obteve a sua segunda vitória consecutiva por falta de comparência do adversário, e terminará o torneio com apenas 4 jogos efectivamente jogados em 7, e para já sem qualquer derrota.

Tal como André Pinto, apenas a derrota na última sessão ofuscará a sua positiva participação, o empate ou a vitória fará com que Pedro Rodrigues independentemente da classificação final sobe pontos Elo, segue neste momento a ganhar 3 pontos.

Ricardo Pais (1870 na última lista) praticamente terminou o torneio, já que defrontará na última ronda um jogador sem cotação internacional.

Segue com 3-1-2 com uma vitória e duas derrotas por falta de comparência, em jogos efectivamente jogados 2-1-0. Apesar de não ter qualquer derrota no presente torneio em jogos jogados, terminará a perder 1 ponto FIDE, numa prestação normalíssima.

Emparceiramento nas primeiras 5 mesas para a última sessão

1

5

 

Cruz Paulo

2095

 

NM

Carneiro Carlos

2195

1

2

9

 

Rodrigues Pedro

2005

5

 

5

 

Pinto André Filipe Tempero

2011

8

3

4

 

Pires João

2100

 

5

 

Bolhari Orfeh

2121

2

4

16

 

Bento Rudolfo

1871

 

 

Roxo Agostinho José

1894

13

5

22

 

Parreira André

1855

 

4

 

Sousa Ricardo Miguel Morais

2110

 

Para além do “derby distrital” com provável acesso direto ao pódio em caso de vitória para algum dos jogadores, destaque para o embate na mesa 1, entre o favorito á vitória final Carlos Carneiro e Paulo Cruz que apenas cedeu meio ponto, curiosamente frente a Pedro Rodrigues.

 

 

   

CPB – Torneios Internos de Rápidas e Semi Rápidas

Decorreu este Domingo mais um convívio entre os elementos da secção de xadrez da Casa do Povo do Bombarral, com dois torneios e a já habitual e indispensável almoçarada. O Mestre João Santos em grande forma foi o diretor e árbitro dos torneios, destaque ainda para o regresso de Ricardo Evangelista e para a ausência por motivos familiares de Guilherme Gaboleiro (tivemos que comer a tua parte, o que foi um enorme sacrifício!!!)

 

 

Torneio Interno Rápidas 2013/2014

Com ritmo de 3 minutos + 2 segundos de acréscimo, no sistema de todos x todos a duas volta, vitória para André Pinto que na última ronda defrontava Rui Batalha no jogo do título onde bastava o empate a André Pinto, que venceu. Ricardo Evangelista foi o único a conseguir “roubar” o ponto completo ao campeão.

Destaque também para a excelente prestação de “El Capitan” com um brilhante 2º lugar, Artur Bernardes também surpreendeu e Paulo Constantino quase que fazia o pleno, valeu o meio ponto conquistado frente a Ricardo Pais.

 

 

Torneio Interno Semi rápidas 2013/2014

 

Com ritmo de 9 minutos + 2 segundos de acréscimo, no sistema de todos x todos a uma volta, vitória incontestável de Ricardo Evangelista que cedeu apenas meio ponto face a Ricardo Pais

 

http://norwaychess.com/

Sergey Karjakin triunfa na Noruega

Fabiano Caruana - Sergey Karjakin 0-1

Sergey Karjakin obteve um dos troféus mais relevantes da sua carreira ao vencer um super cotado torneio. Ao entrar para a última ronda com 0,5 pontos de vantagem mas tendo de enfrentar Fabiano Caruana com peças pretas, não se adivinhava tarefa fácil. Karjakin que dependia de si próprio venceu e conquistou assim brilhantemente este torneio, e de uma forma muito especial … é que Karjakin e Caruana são apontados a médio prazo como os candidatos mais sérios a “roubar” o trono a Magnus Carlsen.

 

Torneio Nacional de Mestres e de Honra 2013-2014

http://www.chess-results.com/tnr134926.aspx?lan=10

No Torneio de Mestres vitória para Hugo Santos fruto do desempate e vitória face a Paulo Dias, e começa assim a afastar algumas duvidas que foram surgindo pela sua convocatória para a Selecção Nacional. A vitória rendeu mais 32 pontos, rumo ao título de Mestre FIDE!

O Sub 18 David Martins conquistou mais 25 pontos passando a cotar 2217 e deverá ser o próximo Mestre Nacional, Miguel Silva com mais 24 pontos também fica perto desse objetivo (2184), assim como Henrique Aguiar que somou 14 pontos passando a cotar 2187 … nova “formada” de mestres a caminho. No sentido contrário o Mestre Fide Vasco Diogo perdeu 48 pontos e já “cota” quase que abaixo da categoria de Mestre Nacional com 2208.

No Torneio de Honra “A” vitória para Luís Ferreira, um sub 16 que continua a acumular rumo ao Titulo de Mestre Nacional.

Ainda referente a jogadores que já participaram no Torneio João Santos”, Paulo Fanha ganhou 5 pontos e Vítor Morais perdeu 4 pontos.

No Torneio de Honra “B” excelente prestação de Pedro Marques com 8-1-0 e mais 55 pontos para o ranking!!!

Ainda referente a jogadores que já participaram no Torneio João Santos”, Miguel Belo cedeu 6 pontos

 

 

 Sexy Chess 111

  

      

 

 

Torneio Interno CPB - Rápidas e Semi Rápidas 2014

 

Domingo dia 15 de Junho ás 10.30h

 

Torneio Xeque-Matemática 2014

(Próxima 2ª Feira – Ronda 6 de 7)

André Pinto não resistiu a Orfeh Bolhari (2121) que passa a liderar isolado com 5-0-0. Para a próxima ronda, Bolhari defronta o MN Carlos Carneiro e André Pinto na mesa 3 tem jogo decisivo frente a David Cadeirinhas (1871).
Pedro Rodrigues que viu o adversário faltar na última ronda, é favorito na mesa 4 frente a José Santos (1870), mas o jogo não se adivinha fácil.

Ricardo Pais é favorito face a Vítor Vieira (1469).

 

Sergey Karjakin

 

Anish Giri

http://norwaychess.com/

Acaba hoje, 6ª feira o “Norway Chess 2014” sob o signo do equilíbrio, aqui fica a classificação a uma ronda do final, liderada por Karjakin.

Round 9, sexta-feira 13 de junho
Magnus Carlsen - Simen Agdestein
Anish Giri - Peter Svidler
Vladimir Kramnik - Alexander Grischuk
Fabiano Caruana - Sergey Karjakin
Veselin Topalov - Levon Aronian

 

Torneio Nacional de Mestres 2013-2014

http://www.chess-results.com/tnr134926.aspx?lan=10

O Torneio de Mestres de 2014 conta apenas com 4 titulados, com o Mestre Internacional Paulo Dias a comandar a lista do rating inicial a larga distância do segundo. Outras curiosidades: Hugo Santos (2229) convocado para a selecção nacional terá aqui prova de fogo face ás duvidas que se levantaram pela sua convocatória, os sub´s David Martins e Henrique Aguiar estarão também sob os “holofotes” dos apaixonados pela modalidade; Bolhari que acaba de vencer André Pinto (CPB) e José Ribeiro (ex: SOM) são outras das curiosidades da prova. Existia a esperança de participação de Daniel Bray, mas tal não veio a concretizar-se.

O novo Formato dos Torneios de Honra que permite provas fortes e equilibradas, não teve a anuência dos praticantes da modalidade, apenas 20 inscrições e dois grupos formados. Curiosidades: Vítor Morais (1983) e Paulo Fanha (1974) que já participaram no Torneio João Santos participam no grupo A, Miguel Belo (1856), Pedro Marques (1852) participam no grupo B

 

 

A Arte dos Tabuleiros de Xadrez 137

Xadrez Cruzados

Xadrez Dragões

Bolo de Xadrez / Torneio

 

 

  

http://norwaychess.com/

 

3ª Divisão – Apuramento do Campeão

Vencedores das 6 séries:

Série A:

GDR Amigos Urgeses

Série B:

GX 113

Série C:

CX Montemor-o-Velho / CTGA 'B'

Série D:

CECSSAC

Série E:

Sporting Clube Portugal

Série F:

Vale Formoso FC

 

Eliminatória - 7 de Junho

 

O GX 113 deu “Chapa 4”, nem a presença do MN Paulo Pinho por parte da equipa Vimaranense conseguiu o meio ponto de Honra.

A equipa de Santo António dos Cavaleiros fez valer o seu favoritismo, apesar de mais uma vez João Saltão ter dado esperança á equipa de Montemor.

O favorito á vitória final igualou em todos os tabuleiros deixando a decisão para o seu MI Paulo Dias que não falhou.

As Fases Finais a três equipas da 2ª e da 3ª Divisão, no sistema de todos x todos a uma volta serão realizadas no local da 1ª Divisão, sendo previsível que sejam jogadas a 16 e 17 de Agosto de 2014 (Fonte FPX)

 

II Torneio de Xadrez Leiria - 7 junho 2014

 

https://www.facebook.com/pages/Corvos-do-Lis/269468993168949

Torneio de semi rápidas em 7 sessões, contou com a excelente participação de 52 jogadores, vitória para Paulo Marçal (S.C. Abrantes 1799) com 7-0-0, seguido de Paulo Costa (C.C.T. Novas 2125) com 6-1-0 e a completar o pódio José Bray (AXB 1906) com 5-1-1

Daniel Brray (AXB 2171) e Luis Ferreira (Sporting C.P.2087) dois dos favoritos ficaram fora do pódio.

 

 

Torneio Xeque-Matemática 2014

André Pinto segue com 4-0-0!!!

Dos nove jogadores que seguiam com 100% de vitórias ao fim de três rondas, passaram apenas a dois no final da quarta ronda. Destaque para a cedência de meio ponto por parte do nº 1 do Torneio, o Mestre Nacional Carlos Carneiro (2195) face a Alberto Eggert (2080). O Bombarralense André Pinto deslocou-se de São Martinho do Porto para Lisboa e não teve adversário, Ricardo Sousa fica muito mal na fotografia, caso não tenha existido esquecimento por parte da organização do torneio em avisar. As deslocações ficam muito caras, e pagar cerca de 40€ por jogo merece outro tipo de respeito, nomeadamente ao ouvirem-se os rumores de que o adversário estaria na Alemanha … não custava nada ter avisado!

Ricardo Pais não conseguiu concretizar aquilo que foi uma abertura com clara vantagem, acabando por empatar, já Pedro Rodrigues esteve em dificuldades ao sair da abertura mas deu a volta e obteve um bom empate frente a um jogador com mais cotação.

Para a 5ª ronda de 7, André Pinto chega á mesa 1 e defrontará Orfeh Bolhari (2121), ambos a liderarem a classificação com 4 vitórias em outros tantos jogos.

Pedro Rodrigues é favorito face a Márcio Catarino (1852) e Ricardo Pais dará falta de comparência anunciada desde a 3ª sessão.

Pedro Rodrigues, Ricardo Pais, André Pinto e Amadeu Solha Santos na foto

 

A. X. Leiria vai participar?

4 Distritos (Braga, Porto, Aveiro e Coimbra) já aderiram ao desafio para esta interessante prova que será uma estreia nesta época! A 19 e 20 de Julho, no Luso, teremos o 1º Campeonato Nacional de Selecções Distritais, Absoluta e Jovens.

Todas as informações emhttp://www.fpx.pt/web/nacional/historico/20132014/selecoes-distritais.

(Fonte FPX)

Para a Selecção Distrital Absoluta e segundo o critério de ranking e disponibilidade poderemos ter:

  • Daniel Bray (AX Bombarral – 2169)
  • Pedro Rodrigues (AX Benedita – 2008)
  • André Pinto (CP Bombarral – 1992)
  • Guilherme Gaboleiro (CP Bombarral – 1978)

Poderá vir a ser um “rombo” no orçamento de uma Associação a participação nesta prova, mas os orçamentos e as prioridades servem para isso mesmo. A ausência da AX Leiria seria desmotivadora para os seus atletas de topo e jovens, e certamente encarada no meio da comunidade xadrezista como uma fraqueza face á concorrência …. E a 1ª prova é sempre a 1ª!!! O registo histórico ninguém apagará!

 

 

 

Zé Bomba – Episódio 52

Campeonato Nacional – 2ª Divisão Época 2013/2014 

   

A Matança do Borrego!

Nasceu um borrego na Taça de Portugal 2012/2013 (Casa do Povo do Bombarral 1,5 – 2,5 Assembleia Figueirense), como todos sabemos os borregos nascem, crescem (Casa do Povo do Bombarral 1,0 – 3,0 Assembleia Figueirense - Campeonato 12/13), e morrem … assim foi mais uma vez, soube bem e foi servido na altura certa! Assembleia Figueirense 1,0 – 3,0 Casa do Povo do Bombarral (Campeonato 13/14).

… Mas logo se criou outro!

Casa do Xadrez 2,5 – 1,5 Casa do Povo do Bombarral (Campeonato Nacional 13/14)

Casa do Povo do Bombarral 0,0 – 4,0 Casa do Xadrez (Taça de Portugal 13/14)

… e já vai na fase da engorda! Não sabemos se teremos oportunidade de o saborear na época 2014/2015 em virtude da equipa de Alpiarça ter descido de divisão, mas estamos desejosos por uma repescagem!

  

Ps: A propósito, como os meus pupilos já sabem … levar “Chapa 4” dá direito a companhia!!! 

   

Academia de Xadrez Pedro Hispano (2,0 – 2,0) Casa do Povo do Bombarral

Os vencedores da 2ª Divisão Zona Centro passearam toda a sua categoria durante a época em curso, terminando com um espetacular e indiscutível score de 6-1-0. Até no empate cedido foram inteligentes, estudaram bem a tradição e verificaram que campeão que é campeão não vence a equipa do coração! Estarão algumas equipas a pensar “Como é que aqueles nabos cederam um empate á CPB, ai ai o que seria da classificação sem esse empate?“ Mas não fiquem desiludidos, já sabem que se a CPB precisasse de pontuar noutro jogo … assim seria, We are CPB!!!

    

Outro Resultado de elementar interesse!

   

5ª Taça da Associação de Xadrez de Leiria

Casa do Povo do Bombarral 4,0 – 0,0 Academia de Xadrez do Bombarral

E como sei que nem todos os meus leitores estão a par das novidades no xadrez, aproveito o episódio de hoje para responder a um email de um amigo leitor.

Olá, meu amigo! 
Em resposta ao e-mail onde me perguntavas como eu estava,  digo-te que tenho sido afectado pela crise igual a todos, mas continuo batalhando por dias melhores...

Só compro queijo podre...

...carne seca...

...bebo vinho velho... 

...o meu carro não tem capota ...

...a minha banheira está ao ar livre... 

...e a minha companheira nem roupa tem !

 

 Vamos por aí, lutando...
Temos que fazer alguns sacrifícios para que
venham dias melhores!
Mas espero que possamos aguentar
um pouco mais assim como está!

 

Da minha parte despeço-me já … Boas Férias voltarei em Setembro!

 

 

Ranking FIDE A. X. Leiria

          

jun/14   out/13

Daniel Bray

A. X. Bombarral

2169 8 2161

Ricardo Evangelista

C. P. Bombarral

2129 0 2129

Pedro Rodrigues

A. X. Benedita

2008 -5 2013

André Pinto

C. P. Bombarral

1992 -24 2016

Guilherme Gaboleiro

C. P. Bombarral

1978 -3 1981

Paulo Fernandes

S. O. Marinhense

1948 -22 1970

José Bray

A. X. Bombarral

1885 -22 1907

Daniel Silva

S. O. Marinhense

1871 -4 1875

Ricardo Pais

C. P. Bombarral

1870 3 1867
10º

Carlos Dias

X. M. São Martinho

1859 -3 1862

 

 

11º

António Severino

C. P. Bombarral

1846 15 1831
12º

Mário Canaverde

X. M. São Martinho

1809 -1 1810
13º

José Monteiro

S. O. Marinhense

1805 -4 1809
14º

Carlos Nobre

S. O. Marinhense

1805   Novo

 

 

15º

Pedro do Mar

S. O. Marinhense

1799 17 1782
16º

Jorge Bastos

A. X. Benedita

1797 -45 1842
17º

Rui Batalha

C. P. Bombarral

1795 -11 1806
18º

Alberto Negrão

C. D. C. Corvos Lis

1768   Novo
19º

Rui Silva

X. M. São Martinho

1763 -90 1853
20º

José Lopes

X. M. São Martinho

1721 -23 1744
21º

Jorge Barrento

ADAC Pombal

1716 -39 1755
22º

Francisco Cavadas

A. X. Benedita

1708 33 1675

 

 

23º

André Belo

A. X. Benedita

1679 0 1679
24º

Fernando Sena

A. X. Bombarral

1672 36 1636
25º

Rui Rogado

A. X. Bombarral

1637 0 1637
26º

Samuel Rebelo

A. T. C. Caldas Rainha

1633 46 1587
27º

Paulo Constantino

C. P. Bombarral

1619 -8 1627
28º

Ricardo Oliveira

S. O. Marinhense

1617 -43 1660
29º

José Cavadas

A. X. Benedita

1603 -24 1627

 

 

30º

Diogo Corte Real

A. T. C. Caldas Rainha

1537 -20 1557
31º

Carlos Baptista

A. X. Bombarral

1534 -1 1535
32º

Francisco Gonçalo

C. D. C. Corvos Lis

1523   Novo

 

 

33º

Eurico Fonseca

A. X. Benedita

1466   Novo
34º

Gonçalo Abreu

C. D. C. Corvos Lis

1465   Novo
35º

Tomás Oliveira

A. X. Benedita

1434 52 1382

 

 

36º

Raquel Vinagre

A. X. Benedita

1358   Novo

 

 

37º

João Santos

A. X. Benedita

1281 -34 1315
38º

Alfredo Pereira

ADAC Pombal

1207   Novo

 

Destaques: (Desde a nossa última análise em Outubro 2013)

  • Na Liderança Daniel Bray somou mais 8 pontos;
  • André Pinto (C. P. Bombarral) cai dos 2000 e passa do 3º para o 4º lugar por troca com Pedro Rodrigues (A. X. Benedita);
  • António Severino (C. P. Bombarral) é agora o candidato mais bem colocado para entrar no Top 10;
  • Carlos Nobre (S. O. Marinhense) atinge o seu primeiro raking com 1805
  • Jorge Bastos (A. X. Benedita), Rui Silva (S. M. Porto) e Rui Batalha (C. P. Bombarral) saem do grupo dos 1800;
  • Alberto Negrão (Corvos do Lis) inicia o seu rating com 1768;
  • Francisco Cavadas (A. X. Benedita) entra no grupo dos 1700;

 

Maiores Subidas

Tomás Oliveira

(A. X. Benedita)

+52

Samuel Rebelo

(A. T. Cores)

+46

Fernando Sena

(A. X. Bombarral)

+36

Francisco Cavadas

(A. X. Benedita)

+33

Pedro do Mar

(S. O. Marinhense)

+17

 

Maiores Descidas

Rui Silva

(X. M. S. M. Porto)

-90

Jorge Bastos

(A. X. Benedita)

-45

Ricardo Oliveira

(S. O. Marinhense)

-43

Jorge Barrento

(ADAC Pombal)

-39

João Santos

(A. X. Benedita)

-34

 

Ainda dizem que não existem casas perfeitas…

Água, Basket, Futebol e o cantinho para o xadrez!

 

Sporting C.P. Vence Taça AX Lisboa com 7-0-0

http://www.chess-results.com/tnr133217.aspx?lan=10&art=0&wi=821

 

 

A Arte dos Tabuleiros de Xadrez 136

 Xadrez Inca

Xadrez Senhor dos Anéis 3

Xadrez Indiano 3

                     

 

Torneio Xeque-Matemática 2014

Destaque para o regresso a Portugal e entrada no torneio do Mestre Nacional Vítor Morais (2004 – Clube EDP) que entra no torneio à 3ª ronda depois de frequentar mais um Open no estrangeiro, desta feita em Espanha.

Oitenta e dois jogadores num torneio sem prémios monetários, impressionante!!! Só mesmo o nosso amigo Solha Santos!

Ainda são 9 os jogadores que totalizam 3-0-0

André Pinto venceu o jogador de Alverca com quem tinha perdido recentemente para o campeonato nacional da 2ª divisão, Ricardo Pais finalmente conseguiu estrear-se na prova, e Pedro Rodrigues vai ter excelente oportunidade ao defrontar um dos líderes, Paulo Cruz (2095 – C. Operário) que não joga desde 2012!

 

André Pinto (2011 – CPB) x José Santos (1870)

30. Te7 (1-0)

       

Um bonito desvio … segue-se Ricardo Sousa (2110 - Santoantoniense) um jogador que tem sensivelmente o mesmo ranting desde 2007 e que tem jogado pouco, … boa oportunidade! 

 

José Assunção (1550) x Ricardo Pais (1865 – CPB)

26. … - Dd1 (0-1)

        

Terá escapado a defesa Bc2 ao adversário que ainda ofereceria resistência em posição inferior, segue-se Dirk Glawe (1662 – GD Ramiro José) que está a bater o seu recorde pessoal de ranting.

 

 

36ª Taça de Portugal 2013/2014

http://chess-results.com/tnr118597.aspx?lan=10&art=2&rd=4&wi=821

A grande surpresa da Ronda foi a eliminação do FC Barreirense que sem contar com o MI Rui Dâmaso, e com Sérgio Rocha (MI 2400) a perder face a Vasco Diogo (MF 2271). No derby do distrito de Santarém, venceu a equipa teoricamente favorita.

     logotipo tacaportugal 1314     

 

Quartos de Final 2013/2014

Nos Quartos de Final o favorito á vitória final aplicou “Chapa 4” e soma e segue, a equipa de Torres Novas quase que causava surpresa e o Sporting CP aparenta ser a única equipa com potencial para uma causar surpresa frente á Academia de Xadrez de Gaia.

 

VI Torneio Aberto Xadrez FIDE Externato Cooperativo da Benedita

 

http://www.chess-results.com/tnr130191.aspx?lan=10

Vitória para Armando Marçal (1799 – SC Abrantes) com 3-2-0 e mais 4 pontos de rating, tantos quantos Alberto Negrão (0000 - Corvos do Lis) que com uma performance de 1872 deverá sair com um Elo digno de respeito na casa dos 1800 na próxima lista fide. Participaram 14 jogadores.

 

IV Torneio Xadrez Jovem Externato Cooperativo da Benedita

Sub 08; 10;12:14 Elo inferior a 1350  

22 Jogadores – 5 sessões de semi rápidas vitória para Rodrigo Basílio (Corvos do Lis) com 4 pontos juntamente com mais 4 classificados.

 

 

Cama de Água – Não experimentar!

 

Previsão 2ª Divisão 2014/2015 

A amarelo estão as equipas “B”, cujas equipas “A” se encontram na 1ª Divisão, e que serão automaticamente despromovidas á 3ª Divisão caso as suas equipas “A” desçam para a 2ª divisão.

Será muito improvável subirem equipas da zona sul para a zona centro, seria preciso que duas das 3 equipas que venham a descer sejam (FC Barreirense, Mata de Benfica, Clube TAP, Clube EDP)

Se nenhuma dessas 4 equipas descer, a(s) equipa(s) que descem da zona centro para a zona sul, serão por esta ordem: CECSSAC, GXP Alverca e depois as equipas do Bombarral (não sabemos precisar qual delas está mais a Sul).

Caso desçam várias equipas da zona norte, a maior candidata a trocar da zona norte para a zona centro será a AA Coimbra “B”

Outras fortes hipóteses para a Zona Centro serão através da repescagem, exatamente as equipas que desceram este ano, a Casa do Xadrez e o Sport Operário e Marinhense que lideram a classificação dos “repescáveis”.

Recorde-se que 2-1-4 (12 pontos) foi suficiente para manutenção em todas as zonas da 2ª e 3ªs divisões, excepto para uma equipa na 2ª Divisão – Série B, a equipa da Casa do Xadrez.

Serie muito para a CPB as equipas da Académica e de Montemor não descerem da 1ª para a 2ª divisão!

  

Aqui fica uma primeira análise á próxima época partindo do principio que todas estas equipas se irão federar …

 

 

Vem a CPB manifestar publicamente o seu agrado pelo concentrado realizado na Benedita, dando os parabéns ao organizador José Cavadas e fazendo votos para que a candidatura a mais um concentrado em 2014/2015 seja uma realidade!

As mesas, cadeiras e peças eram excelentes, o espaço entre jogos e o da própria sala era abundante, o WC encontrava-se bem localizado, não existia ruído externo, a luz estava excelente … para obter 20 valores faltaram apenas umas garrafinhas de água!

 

 

Torneio de Xadrez “XEQUE-MATEmática 2014”

http://www.chess-results.com/tnr131125.aspx?lan=10

      

Disputa-se hoje a 2ª ronda do Torneio de Xadrez Xeque-Matemática 2014 em mais uma iniciativa de Amadeu Solha Santos integrado no circuito de clássicas do distrito de Lisboa. Participam 3 jogadores do Distrito: André Pinto (nº 8 – 2011 – CPB); Pedro Rodrigues (nº 9 – 2005 – APC Benedita) e Ricardo Pais (nº 20 – 1865 – CPB) entre 81 inscritos entre os quais o Mestre Nacional Carlos Carneiro (nº 1 - 2195 – Profigaia) e a WCM e jogadora da selecção nacional Sara Monteiro (nº 29 – Mata de Benfica - 1793). Aqui fica o quadro dos 10 primeiros entre 81 inscritos!

 

Campeonato Nacional de Semi-Rápidas por Equipas - 2013-2014

http://www.chess-results.com/tnr133270.aspx?lan=10

FC Barreirense Campeão
GX 113 “Estraga” o sonho do Pleno Leonino

No final da 3ª Ronda FC Barreirense e Sporting CP lideravam com 3-0-0, com a equipa leonina a fazer o pleno de 12-0! Na 4ª Ronda o confronto que poderia vir a revelar-se decisivo entre ambas as equipas com o empate 2-2 a acontecer o que favorecia os interesses leoninos.

Para a última ronda partiam ambos com 5-1-0 com clara vantagem leonina nos pontos de tabuleiro, bastaria uma vitória por 2,5-1,5, só que a equipa do GX 113 (que viria a classificar-se em 3º lugar) venceu surpreendentemente o Sporting CP por 2,5-1,5 e retirou assim a possibilidade do Sporting vencer o titulo de semi rápidas depois de o conquistar nas rápidas e de ser o mais forte candidato á vitória no titulo de campeão nacional da 3ª divisão.

Outros destaques:

  • Rafael Teixeira (1738 – AAC) 6-0-1 (+58)
  • Vladimir Ulyanovskyy (2094 – FCB ) 6-1-0 (+21)

Prova Pouco participada – Apenas 18 equipas

O Campeonato Nacional de Semi Rápidas 2013/2014 foi muito pouco participado, tenho ficado muito aquém das expetativas. Serão vários os motivos dos quais destacamos alguns onde pode estar a “chave” para este insucesso:

1- Falta de acordo entre o Memorial Vareda e a FPX, a tradição ainda chamava muitas equipas, assim os dois torneios estão a tornar-se banais.

2- As Associações Distritais deveriam realizar os campeonatos distritais de semi rápidas, pelo menos por equipas, em datas anteriores e próximas desta prova. Assim motivariam e preparariam os seus clubes para esta prova.

3- A data escolhida parece muito, mas mesmo muito má … quando muito beneficiaria com a hipotética participação dos clubes da 1ª divisão que aproveitariam o aproximar da prova máxima do calendário nacional para irem adquirindo ritmo. Só que as equipas da 1ª divisão são apenas 10 … e as da 2ª e 3ªs divisões são 72 equipas … que praticamente acabaram a sua época coletiva no fim-de-semana passado, estando assim obviamente indiferentes a esta prova.

… Foram apenas umas dicas, sem qualquer pretensão. O somatório de várias opiniões será sempre de boa leitura para quem decide.

 

3rd International LLucmajor Open

http://www.chess-results.com/tnr133618.aspx

Vitória para Sergey Fedorchuk (2638 – Ucrânia) com 7,5 pontos (6-3-0 + 15 pontos), tantos quantos Aleksander Delchev (2628 – Bulgária) (6-3-0 + 10 pontos), entre 182 participantes

Luís Galego (GM 2462 – nº22) terminou em 26º com 5-2-2, performance de 2379, perdeu 5 pontos
Paulo Felizes (2098 – nº78) ganhou 2 pontos
Paulo Ferreira (2078 – nº80) perdeu 14 pontos
Vítor Morais (2004 – nº90) perdeu 21 pontos

Galego, Luis Felizes, Paulo Ferreira, Paulo
Luís Galego Paulo Felizes Paulo Ferreira Vítor Morais

 

Rescaldo Final 2ª e 3ªs Divisões

Na série A a equipa de São João da Madeira venceu incontestavelmente fruto do seu espetacular 4-0 contra o Grupo de Xadrez do Porto.

O 4 tipo dos vencedores foi Henrique Aguiar (2139) subiu 35 pontos, Gustavo Pires (2111) perdeu 25 pontos, Stephane Silva (2139) perdeu 7 pontos e Francisco Castro (2127) subiu 6 pontos.

As equipas de Estarreja e de Cucujães que militaram a época passada na mesma série da CPB são as equipas despromovidas.

A vencedora da série da CPB no ano passado, a AA Coimbra “B” ficou em 4º lugar.

Outros destaques: Francisco Mateus (Profigaia – 2062) subiu 40 pontos.

Na série C a equipa do Santoantoniense venceu e sobe assim á primeira divisão (derrota frente ao GD Cavadas).

O 4 tipo dos vencedores foi Ricardo Sousa (2100) subiu 11 pontos, Hélder Figueiredo (1981) subiu 14 pontos, André Parreira (1836) subiu 37 pontos e André Fidalgo (1788) subiu 38 pontos.

As equipas do Operário dos Açores (de Luís Ascenso ex: SOM) e a carismática equipa do Grupo de Xadrez Alekhine (de Alberto Eggert, Rui Marques e Manuel Curado) desceram de divisão, … a equipa Lisboeta contra todas as expetativas.

Outros destaques: Raul Guerreiro (GD Carris – 2013) subiu 64 pontos.

Campeões

3ª Série A
Campeão: GDR Amigos Urgeses (6-1-0)
Outras notas: 2º CX Braga também com (6-1-0)
Jogador: José Monteiro (1882 – Urgeses) com 6-0-0 e mais 18 pontos
Ana Silva (1445 – NXVS Cosme “B”) com 6-0-0 e mais 43 pontos

3ª Série B
Campeão: GX 113 (7-0-0)
Jogador: Nuno Sousa (GX 113 1967) com 7-0-0 e mais 19 pontos

3ª Série C
Campeão: CX Montemor-o-Velho “B “(6-1-0)
Outras Notas: O campeão poderá não poder subir caso a sua equipa “A” desça á 2ª divisão.
2º Clube Galitos (5-1-1)
3º Gafanha da Encarnação (o ano passado jogou na série da CPB)
5º CCD Corvos do Lis (3-1-3) excelente estreia e manutenção de uma equipa do distrito leiriense.
8º ADAC Pombal (0-0-7) com duas faltas de comparência nas duas ultimas rondas onde ainda era possível sonhar, será o fim?
Jogador: João Saltão (1757 – CXMV) com 6-1-0 e mais 15 pontos … já o ano passado tinha estado em destaque!

3ª Série D
Campeão: CECSSAC Santo António dos Cavaleiros (7-0-0) finalmente!
Outras notas: AT Vedras em 3º em mais uma época tranquila, será para o ano a promoção ao fim de tantos pódios seguidos?
APC Benedita termina tranquilamente com 2-3-2 em 4º lugar.
Descem: O carismático Sporting Clube de Abrantes e CC Torres Novas “B”
Jogador: Vítor Guerra (MN 2169) com 6-1-0 e mais 7 pontos

3ª Série E
Campeão: Sporting Clube de Portugal (7-0-0)

3ª Série F
Campeão: Vale Formoso FC (5-2-0)
Jogador: António Fortunato (1640 – CR Leões de Porto Salvo) com 5-1-1 e mais 59 pontos para o rating

 

 

Reportagem Final sobre a 2ª Divisão – Série B

Campeonato Nacional da 2ª Divisão – Série B

                            

      

Academia de Xadrez Pedro Hispano (6-1-0)

Partiram como “outsiders”, com a pior média dos primeiros 6 tabuleiros do grupo, e com uma tática duvidosa de “dar á morte” o segundo tabuleiro, mas a verdade é que resultou e sagraram-se incontestavelmente como os vencedores da série só não conseguindo o pleno dos 100% porque cederam um empate frente á equipa da Casa do Povo do Bombarral, … e logo na sua época de estreia na 2ª Divisão.

Apenas duas vitórias tangenciais frente ao segundo e terceiros classificados, com os restantes resultados a serem esclarecedores.

O inicio da campanha ditou o que poderia vir a ser a gloriosa caminhada deste clube, ao estrearem-se como vitoriosos frente á equipa da Assembleia Figueirense que se apresentou na máxima força com dois Mestres Fide nos dois primeiros tabuleiros, seguindo-se vitória frente ao outro candidato o CC T Novas. Á 3ª Ronda já eram lideres isolados e não mais largaram essa posição até ao final da prova.

Utilizaram 5 jogadores – Destaque para:

Pupo Lorente (MF Cuba 2243)

com 6-1-0

+21 pontos

João Vicente (2069)

com 5-1-0

+ 14 pontos

José Catarro (1738)

com 5-1-1

+ 40 pontos

 

G. X. Peões de Alverca (4-1-2)

Começaram por ser os grandes animadores do campeonato ao liderarem juntamente com a equipa de Soure com 2 vitórias em 2 jogos, mas foram começando a perder gás, primeiro com o empate frente á AX Bombarral, seguiu-se derrota frente á Assembleia Figueirense e frente aos líderes. Cedo alcançaram a manutenção, numa época bastante positiva.

Utilizaram 6 jogadores – Destaque para:

Gonçalo Esteves (1981)

com 2-1-1

+19 pontos

João Rebelo (1962)

com 5-0-2

+ 7 pontos

 

Assembleia Figueirense (4-0-3)

Poderá considerar-se o terceiro lugar uma má prestação quando a equipa foi 6ª classificada na edição anterior da prova, tendo sido repescada “por milagre”?

A verdade é que a aquisição de um Mestre Fide de prestigio, Fernando Ribeiro (2306) colocava a equipa da Figueira da Foz como a mais forte da série e demonstrava bem as intenções da equipa. Mas ao perderem o confronto direto frente aos vencedores da prova e ao apresentarem “segundas linhas” frente á CPB com a consequente derrota, ficaram desde muito cedo afastados dessa corrida. É difícil de opinar sobre se a época foi positiva (6º lugar em 2011/2012) ou negativa (subir de divisão).

Utilizaram 7 jogadores – Destaque para:

João Marques (1795) com 2-1-1 + 32 pontos ainda a beneficiar de K=30

 

Cine Clube de Torres Novas (3-1-3)

Um dos mais fortes candidatos á subida, vinha de um incrível falhanço na reta final da época anterior, onde já se anunciava a subida, mas o impensável aconteceu e viriam a terminar em segundo lugar. Para este ano renovada a esperança com uma alteração tática de colocar Paulo Costa (2141) a primeiro tabuleiro e Diogo Alho (2301) a segundo tabuleiro. Correu mal, muito mal mesmo, com 2 derrotas seguidas os “Cineastas” passaram de candidatos á subida para candidatos á descida. Seguiu-se empate no derby na 3ª ronda. Na 4ª ronda renasce a esperança ao vencerem os Marinhenses mas na 5ª ronda novo balde de água fria com uma derrota frente á AX Bombarral na única “Chapa 4” da série e as contas estavam complicadíssimas (1-1-3). O quarto lugar final é bastante enganador estiveram em “All in mode” nas duas últimas rondas e uma escandalosa descida de divisão esteve bem perto de acontecer…foi sem duvida uma má época face ás expetativas iniciais.

Utilizaram 6 jogadores – Destaque para:

António Reis (1834) com 2-1-0 +10 pontos
Paulo Costa (2141) com 1-2-4 - 32 pontos

 

Academia de Xadrez do Bombarral (2-1-4)

A manutenção poderá considerar-se uma boa época ao nível do campeonato nacional da 2ª divisão, em ano de estreia.
Começou mal a equipa com 2 derrotas em dois jogos perdendo o derby local e outro derby distrital frentes a duas equipas que lutavam para não descer … e tudo parecia indiciar que a AXB passaria a ser o mais forte candidato á descida. Na 3ª ronda surpreendem os até então 100% vitoriosos de Alverca com um empate e já a contar com o seu tabuleiro nº 1, venceram a Casa do Xadrez e o CC Torres Novas arrumando praticamente de vez a questão da permanência fruto do score elevado conquistado frente aos cineastas 4-0!

Utilizaram 6 jogadores – Destaque para:

Fernando Silva (1636) com 4-1-2 + 63 pontos ainda a beneficiar de K=30
Daniel Bray (2157) com 4-0-2 + 15 pontos

 

 

Casa do Povo do Bombarral (2-1-4)

Depois de perder em Alpiarça, os Bombarralenses confirmaram de que teriam de suar muito para se manterem de divisão, sendo um dos mais fortes candidatos á descida. Seguiu-se a vitória no derby e vitória na Figueira da Foz (sem os dois Mestres FIDE), ás ausências de titulares das equipas adversárias a CPB respondeu com duas vitórias e aproximou-se espectacularmente da manutenção, chegando mesmo a ocupar a 3ª posição. Seguiu-se nova surpresa, o incontestado líder cedeu o primeiro empate e a CPB continuava a brilhar. Depois veio o clássico, frente ao SO Marinhense com diversas oportunidade de empatar e selar em definitivo a manutenção a CPB decide arriscar pelo direito a poder sonhar com mais altos voos e o clássico correr mal … depois de 3 madrugadores empates o tabuleiro da esperança perdeu e a CPB voltava a ter de “fazer pela vida” para assegurar a manutenção. Seguiram-se os “Cineastas” onde o empate praticamente atiraria o adversário para o escalão terciário, … 1,5-2,5 ao poste! Para a ronda final com as contas bem feitas, a CPB obteve nova derrota mas nunca esteve verdadeiramente em perigo.

Se é verdade que a CPB foi a única equipa de toda a série que perdeu com os dois clubes que desceram, não é menos verdade de que também foi a única equipa da série a conseguir pontuar conta o todo poderoso vencedor da série … aliás já começa a ser uma tradição o campeão não “passar” frente á CPB, também no ano passado a equipa da Académica venceu a série e perdeu no Bombarral.

Julgamos, apesar de podermos estar a ser parciais, de que não existe qualquer dúvida no mérito da equipa e na sua permanência, basta verificar que as suas 4 derrotas foram todas por 1,5-2,5!!! Ou seja, estivemos sempre muito perto de pontuar em qualquer um dos jogos.

Quanto ás vitórias, foram todas elas especiais, o derby e a “matança do borrego” na Figueira da Foz depois de duas derrotas consecutivas frente á mesma equipa.

Manutenção conseguida, mais uma Taça AXL na vitrina a época será sem dúvida positiva!

Utilizaram 6 jogadores – Destaque para:

António Severino (1831) com 2-3-2 + 13 pontos

 

João Santos, Rui Batalha e Paulo Constantino acompanharam em direto a última ronda

 

Casa do Xadrez de Alpiarça (2-1-4)

Com uma equipa experiente e com um terceiro lugar obtido na época anterior esperava-se uma época tranquila para a equipa de Alpiarça. Mais tranquila parecia depois de na ronda inaugural terem vencido a CPB um dos candidatos á descida, mas as contas complicaram-se, os maus resultados surgiram e os candidatos á descida foram surpreendentemente pontuando e subindo na tabela. Depois da derrota que até parecia natural frente a Alverca e do empate que se supunha excelente frente á equipa de Torres Novas, surge o primeiro sinal de alarme com a 4ª ronda e a derrota frente á AX Bombarral, e novo alarme frente á Equipa da Figueira da Foz. A equipa parte para o concentrado final nos lugares de descida (1-1-3), onde teria de defrontar o líder e o decisivo jogo frente ao Sport Operário Marinhense... a vitória sobre o SOM revelou-se insuficiente, mas quiçá muito importante já que o 7º não é o mesmo do que o 8º … e a repescagem está aí á porta. A brilhante manutenção na Taça de Portugal não escamoteia aquilo que terá de ser considerada uma má época depois de falhado o objetivo primordial.

Utilizaram 5 jogadores – Destaque para:

António Vinagre (2002) com 2-2-3 + 6
Vítor Ferreira (2040) com 1-1-3 - 31 pontos

 

Sport Operário Marinhense (2-0-5)

Considerados como o mais sério candidato ao 8º lugar da tabela e depois de uma descida de divisão na época anterior com 0-0-7 os homens da Marinha Grande vieram dispostos a provar que tinham valor para a segunda divisão e de que os prognósticos estavam errados. Venceram os dois concorrentes diretos e pertencentes ao mesmo distrito, os dois clubes do Bombarral, mas não mais pontuaram contra outro adversário … pelo que foi insuficiente e projeta a equipa para duas descidas em dois anos consecutivos … obviamente mau!

Utilizaram 9 jogadores – Destaque para:             

Pedro do Mar (1782) com 1-1-2 + 18 pontos ainda a beneficiar de K=30

 

Os melhores Jogadores Por Pontos

Os melhores Jogadores Por Percentagem

Os melhores Jogadores Por performance

 

O melhor 4 do Campeonato por Tabuleiros

Melhor 1º Tabuleiro:

Pupo Lorente

(2243) AXPH

Melhor 2º Tabuleiro:

João Rebelo

(1962) Peões Alverca

Melhor 3º Tabuleiro:

João Vicente

(2069) AXPH

Melhor 4º Tabuleiro:

José Catarro

(1738) AXPH

Dos Bombarralenses apenas Ricardo Pais conquistou o “Bronze” ao atingir o terceiro lugar no 4º tabuleiro por pontos, e a “Prata” com os segundos lugares por performance e por percentagem.

 

 

A CPB vem por este meio manifestar o seu pesar por esta irreparável perda. Foram muitos os jogos de convívio e sempre com uma disposição cativante, um exemplo para todos os xadrezistas, obrigado!

 

 

Campeonato Nacional da 2ª Divisão – Série B

                            

CPB alcança manutenção e faz a festa!!!

Casa do Povo do Bombarral 1,5 – 2,5 Grupo de Xadrez Peões de Alverca
Artur Bernardes (0000) André Pinto (2016) António Severino (1831) Ricardo Pais (1867)
0 0 0,5 1
(-0,00) (-10,65) (+1,05) (+3,90)
João Rebelo (1962) José Santos (1855) Manuel Rocha (1878) Augusto Dias (1681)

 

“ O Filme do Jogo”

A CPB parte para a ronda decisiva com as contas bem estudadas, deixa de fora destas contas a equipa da AX Bombarral (desce se o SOM vencer e tiver pior desempate com a CPB) e a equipa do Cine Clube de Torres Novas fazendo já contas ao pior, ou seja, que empata ou vença a respetiva partida, já que se perder a CPB permanece automaticamente.

Tudo se centra no jogo Sport Operário Marinhense x Casa do Xadrez … em caso de vitória do SOM a CPB só alcançara a manutenção caso empate o seu jogo … e o SOM não poderá vencer por 4-0 (o que também não parece crível).

Em caso de empate a CPB precisará apenas e só de fazer meio ponto de tabuleiro, bastando a derrota por 0,5-3,5.

Se a vitória sorrir aos favoritos da Casa do Xadrez a CPB permanecerá caso mantenha a distancia de 2,5 pontos … ou seja, se a Casa do Xadrez vencer por 4-0 a CPB pode perder por 1,5-2,5 … se 3,5-0,5 basta á CPB 1-3, … se 3-1 bastará á CPB 0,5-3,5 … se a Casa do Xadrez vencer por 2,5-1,5 a CPB alcançará automaticamente a manutenção.

Feitas as continhas nada como tentar o 2-2 que só colocaria a CPB na 3ª divisão por manifesta infelicidade e a equipa orgulha-se da época realizada até ao momento dependendo exclusivamente de si para alcançar a manutenção e não precisando de qualquer resultados noutros jogos desde que vença o seu.

Confirma-se que Ricardo Evangelista como tínhamos anunciado anteriormente não se estreará no campeonato nacional, o capitão Rui Batalha também não … factos que atestam como esta a ser difícil este final de época, e o que custa aos “titulares” desperdiçarem oportunidades.

Para a próxima época na 2ª ou na 3ª precisaremos de um GG e de um El Capitan em forma, com torneios realizados antes do campeonato se iniciar, caso contrário o plantel revela-se curto e andará sempre com o “credo na boca”.

15 Horas
No Tabuleiro 1 estreia para o Campeonato Nacional de Artur Bernardes. Sem ritmo, a CPB estará nitidamente a “queimar” um tabuleiro... tudo o que vier para lá da derrota será um estrondoso êxito.

No tabuleiro 2 André Pinto que já não contava jogar este Domingo defronta José Santos (1855), será dificil mas o jogador da CPB é favorito.

No Tabuleiro 3 António Severino a atravessar um péssimo momento de forma, vai ter de jogar já que Guilherme Gaboleiro está indisponível e Rui Batalha não está minimamente em forma.
Existe algum pessimismo no seio da CPB mas António Severino costuma aparecer quando menos se espera.

No Tabuleiro 4 Ricardo Pais que também já tinha “feito as malas” irá ter de sacrificar mais uma vez a sua vida pessoal em prol da equipa. A diferença de ranting parece “obrigar” o Bombarralense a ganhar, mas a verdade é que ambos os jogadores já se defrontaram num torneio de clássicas o ano passado e RP perdeu.

Feita a primeira análise confirma-se o favoritismo apontado anteriormente aos Alverquenses de (20-30-50) mas melhoramos ligeiramente as nossas chances para (30-30-40) o que nos dá boas perspetivas de podermos alcançar o objetivo de não perder.

17.00 Horas
Ricardo Pais vence numa miniatura de 19 lances está feito o 1-0 a CPB começa bem!

18.00 Horas
António Severino empata e a CPB conquista o primeiro objetivo da tarde … com 1,5 pontos a Casa do Xadrez já não ultrapassará a CPB nem que vença por 4-0 … as contas agora serão entre a Casa do Xadrez e a equipa rival do Cine Clube de Torres Novas … a CPB pode desde já fazer a festa já que agora apenas descerá caso o SOM vença e pelo andar da carruagem só mesmo por milagre.

18.30 Horas
Artur Bernardes cede na sua estreia, bom esforço, está agora o resultado em 1,5-1,5, André Pinto decidirá o desfecho do encontro.

19.00 Horas
André Pinto cede, a CPB perde o encontro mas faz a festa!

Os Alverquenses conseguem um distinto segundo lugar no pódio

Ps: Horas não obrigatoriamente corretas, apenas dão uma ideia do desenrolar dos acontecimentos

 

Série B – 7ª Jornada

11-05-2014 (Domingo)

Assembleia Figueirense 1,5 – 2,5 C. C. Torres Novas
A. X. Pedro Hispano 3,0 – 1,0 Academia X. Bombarral
Sport Operário Marinhense 1,0 – 3,0 Casa do Xadrez
Casa do Povo do Bombarral 1,5 – 2,5 G. X. Peões de Alverca

 

S. O. Marinhense e Casa do Xadrez despromovidos

Assembleia Figueirense

1,5

2,5

C. C. de Torres Novas 

Fernando Ribeiro

2306

0,5

0,5

2141

Paulo Costa

António Ferreira

2193

0,5

0,5

2301

Diogo Alho

Miguel Babo

1889

0,5

0,5

1860

Rui Silva

Artur Azul

1592

0

1

1834

António Reis

Jogo decisivo para os “Cineastas” que safam-se assim in extremis da descida depois de uma época muito aquém das expetativas. Cedo se concretizou os empates nas duas primeiras mesas e António Reis foi o herói do dia para a equipa de Torres Novas.

Com esta derrota os Figueirenses não seguraram o segundo lugar e terminam assim num meritório terceiro e último lugar do pódio.

A. X. Pedro Hispano

3

1

Academia X. Bombarral  

Ramon Pupo

2243

1

0

2157

Daniel Bray

João Gonçalves

1556

0,5

0,5

1899

José Bray

Joana Branco

1569

0,5

0,5

1636

Fernando Silva

José Catarro

1738

1

0

1535

Carlos Baptista

Vitória dos Campeões mesmo com a mais fraca composição apresentada durante este campeonato e terminam quase com o pleno 6-1-0 (empate cedido frente á CPB). Daniel Bray a fazer excelente temporada voltou a ceder frente a mais um MF, está de parabéns a AXB pela manutenção em época de estreia na 2ª divisão.

S. Operário Marinhense 

1

3

Casa do Xadrez 

Pedro do Mar

1782

0

1

2002

António Vinagre

Carlos Nobre

1511

1

0

1852

Luís António

Paulo Ruivo

1554

0

1

2040

Victor Ferreira

José Monteiro

1809

0

1

1928

Carlos Nascimento

“Jogo de Morte” que acabou por despromover as duas equipas. O SOM necessitava de vencer e esteve longe de o conseguir, a Casa do Xadrez precisava vencer e que os “Cineastas” perdessem, ou tentar vencer por 4-0 desde que a CPB só fizesse 1 ponto de tabuleiro … cedo a CPB se desenvencilhou … e Torres Novas concretizou. Se os Marinhenses eram apontados como a mais forte candidata á descida, assim se veio a confirmar embora com muita luta, já a excelente equipa de Alpiarça não se esperava ver nesta situação … é provável que ainda surja uma repescagem caso alguma equipa não se inscreva.

 

Classificação – 2ª Divisão – Série B

 

2ª Divisão - Série B - 2013/2014

 

 

 

Pontos Pontos

 

 

Clasf. Clubes Vitórias Empates Derrotas A favor Contra Sessões Pontos

Academia de Xadrez Pedro Hispano

6 1 0 19,5 8,5 7 20

Grupo de Xadrez Peões de Alverca

4 1 2 15 13 7 16

Assembleia Figueirense   

4 0 3 15 13 7 15

Cine Clube de Torres Novas

3 1 3 12 16 7 14

Academia de Xadrez do Bombarral

2 1 4 14 14 7 12

Casa do Povo do Bombarral

2 1 4 13,5 14,5 7 12

Casa do Xadrez

2 1 4 12 16 7 12

Sport Operário Marinhense 

2 0 5 11 17 7 11

 

 

Campeonato Nacional da 2ª Divisão – Série B

                            

CPB vai sofrer até ao fim!!!!

Cine Clube de Torres Novas 2,5 – 1,5 Casa do Povo do Bombarral
André Pinto (2016) António Severino (1831) Guilherme Gaboleiro (1981) Ricardo Pais (1867)
1 0 0 0,5
Paulo Costa (2141) Diogo Alho (2301) Hugo Ribeiro (1893) Francisco Cruz (1880)
(+10,05) (-1,20) (-9,30) (+0,30)

“ O Filme do Jogo”

Ricardo Evangelista não chegou a tempo de participar, e não participará no campeonato nacional da 2ª divisão Época 2013/2014. Um duro golpe face á convocatória anunciada anteriormente que parecia ser a estratégia perfeita para este jogo. A CPB joga cartada decisiva mas não definitiva, em caso de vitória ou empate assegurará a manutenção e colocará os “Cineastas” em forte pressão de despromoção. Em caso de derrota a CPB dependerá apenas e só de si própria para a última ronda, sendo que uma derrota por 0-4 colocará a CPB em “maus lençois”. Importante também será acompanhar os outros resultados da série, a vitória da equipa de Alverca sobre o SOM e a vitória da AX Pedro Hispano sobre a Casa do Xadrez seriam noticias tanto ou mais importantes do que o nosso próprio jogo.

15 Horas
No Tabuleiro 1 André Pinto medirá forças frente ao ritmado Paulo Costa. Apesar do ligeiro favoritivismo do “Cineasta” foi tambem de pretas que André Pinto conquistou precioso empate frente a Paulo Costa no embate que consagrou os Bombarralenses como campeões nacionais da 3ª divisão. Prespectiva-se por isso um jogo equilibrado.

No tabuleiro 2 António Severino defronta o Mestre Fide Diogo Alho. O perder de forma demonstrado pelo Bombarralense nos últimos jogos e a valia do adversário não nos permite sequer sonhar com um empate.

No Tabuleiro 3 Guilherme Gaboleiro deverá ter jogo equilibrado frente a Hugo Ribeiro. Apesar da ligeira diferença de 88 pontos, jogará de pretas e não tem apresentado grande forma. Será um jogo de tripla e importantissimo para as aspirações da CPB.

No Tabuleiro 4 Ricardo Pais defronta Francisco Cruz a curta diferença de ranting entre ambos e os resultados recentes nas duas ultimas épocas (uma vitória para cada lado) prespectivam um jogo equilibrado e muito importante para o desfecho do resultado final das equipas.

Feita a primeira análise aos confrontos diretos, confirma-se o favoritismo previsto para o Cine Clube de Torres Novas. Talvez estejamos a jogar um (45-35-20)... dificil, mas existem hipoteses.

16.45 Horas
António Severino cede e é o primeiro jogador da 2ª Divisão a acabar a sua partida … 0-1 nada que não se prespectiva-se, o adversário tem muito valor.

18.15 Horas
GG está perdido, é o 0-2. Restam pouquissimas chances da equipa pontuar, há que livrar  a “chapa 4” pelo menos.
André Pinto está tentado a empatar, mas a equipa não permite.
Ricardo Pais parece confortável.

18.45 Horas
André Pinto dá a volta ao texto e vence quando todos apontavam para um empate! A CPB livra a “Chapa 4” e ainda luta pelo empate! 1-2

19.15 Horas
Ricardo Pais resigna-se com o empate, o seu Cavalo e dois peões não conseguiram bater a Torre adversária … esteve perto é o 1,5-2,5 a CPB perde e parte para a última ronda numa razoável posição para alcançar a manutenção.

Com esta vitória a equipa do CCTN livra-se de uma descida antecipada e parte numa razoável posição para a última ronda, a CPB parte ligeiramente melhor colocada do que os seus adversários de hoje.

Ps: Horas não obrigatoriamente correctas, apenas dão uma ideia do desenrolar dos acontecimentos

 

Série B – 6ª Jornada

10-05-2014 (Sábado)

C. C. Torres Novas 2,5 – 1,5 Casa do Povo do Bombarral
G. X. Peões de Alverca 2,5 – 1,5 Sport Operário Marinhense
Casa do Xadrez 1,0 – 3,0 A. X. Pedro Hispano
Academia X. Bombarral 1,0 – 3,0 Assembleia Figueirense

 

A. X. Pedro Hispano sagra-se Campeã – Luta pela Descida ao Rubro!

 

G. X. Peões de Alverca

2,5 1,5

S. Operário Marinhense 

João Rebelo

1962

1 0

1782

Pedro do Mar

José Santos

1855

0 1

1861

Daniel Silva

Manuel Rocha

1878

0,5 0,5

1511

Carlos Nobre

Augusto Dias

1681

1 0

1661

Ricardo Oliveira

Se aos Alverquenses parecia bastar um empate para garantir a permanência, aos Marinhenses convinha não perder. Mesmo sem jogar na máxima força os Alverquenses garantiram a vitória e a permanência ao passo que os Marinhenses terão agora obrigatóriamente que vencer o último jogo caso não queiram descer de divisão.

Casa do Xadrez 

1 3

A. X. Pedro Hispano 

António Vinagre

2002

0 1

2243

Ramon Pupo

Luís António

1852

0,5 0,5

1556

João Gonçalves

Víctor Ferreira

2040

0 1

2069

João Vicente

Carlos Nascimento

1928

0,5 0,5

1738

José Catarro

A Academia de Xadrez Pedro Hispano venceu e sagrou-se campeã da 2ª divisão – Série B, garantindo a disputa do titulo e a participação na 1ª Divisão Nacional da próxima Época. Os líderes somam por vitórias os jogos disputados, á excpção de um empate cedido frente á Casa do Povo do Bombarral. A equipa da Casa do Xadrez não conseguiu surpreender e afunda-se na tabela, podendo a vitória por 4-0 na última ronda não ser suficiente para a manutenção.

Academia X. Bombarral

1 3

Assembleia Figueirense 

Daniel Bray

2157

0 1

2306

Fernando Ribeiro

José Bray

1899

0 1

2193

António Ferreira

Fernando Silva

1636

1 0

1889

Miguel Babo

Carlos Baptista

1535

0 1

1495

Tito Portugal

Já tranquilos na tabela classificativa a AXB provavelmente não acreditou numa escorregadela do líder e não jogou com nenhum dos espanhois que compoem a equipa. A descansadissima equipa da Figeuria alinhou quase na máxima força o que foi suficiente para vencer e manter o segundo lugar provisório.

 

Classificação – 2ª Divisão – Série B

 

2ª Divisão - Série B - 2013/2014

 

 

 

Pontos Pontos

 

 

Clasf. Clubes Vitórias Empates Derrotas A favor Contra Sessões Pontos

Academia de Xadrez Pedro Hispano

5 1 0 16,5 7,5 6 17

Assembleia Figueirense   

4 0 2 13,5 10,5 6 14

Grupo de Xadrez Peões de Alverca

3 1 2 12,5 11,5 6 13

Academia de Xadrez do Bombarral

2 1 3 13 11 6 11

Casa do Povo do Bombarral

2 1 3 12 12 6 11

Cine Clube de Torres Novas

2 1 3 9,5 14,5 6 11

Sport Operário Marinhense 

2 0 4 10 14 6 10

Casa do Xadrez

1 1 4 9 15 6 9

Para a ronda final:

Assembleia Figueirense x C. C. Torres Novas
Os Figueirenses tentarão manter o segundo lugar até porque nunca se sabe como funcionam as repescagens, os “Cineastas” tentarão assegurar a manutenção.

Academia de Xadrez Pedro Hispano x Academia de Xadrez do Bombarral
Um já se sagrou campeão, outro já assegurou a manutenção salvo complicadissimas contas.

Sport Operário Marinhense x Casa do Xadrez
O jogo da jornada, quem perder desce automaticamente de divisão e provavelmente ocupará o último posto da tabela. O empate poderá condenar ambos. A vitória do SOM deverá assegurar-lhe a manutenção mas não é certo, e a vitória da Casa do Xadrez também podrá não ser suficiente para a manutenção.

Casa do Povo do Bombarral x Grupo de Xadrez Peões de Alverca

Os Bombarralenses tentarão evitar a despromoção, os Alverquenses seguem num tranquilissimo terceiro lugar da classificação.

 

 

Allez CPB!!!

 

 

 

Zé Bomba – Episódio 51 

“Tabuleiro Colorido”

O episódio de hoje é dedicado a um dos baluartes do distrito e do xadrez nacional!

Não estamos a falar de um clube qualquer, estamos a falar apenas e só do clube com maior número de filiados do país, e já vai pelo segundo ano consecutivo com semelhante distinção! Prevê-se que pelo ritmo das inscrições toda a população Caldense esteja devidamente filiada por volta de 2019 a manter-se o ritmo alucinante das inscrições.

Fui por isso investigar este fenómeno, com o intuito de poder importar este conceito para a Academia Zé bomba, nada como aprender com os melhores!

Decidi começar por algo fácil, a observância dos resultados da equipa.

Os Coloridos terminaram a época transacta em 6º lugar da sua série da terceira divisão, tendo sido despromovidos ao campeonato distrital … mas desenganem-se aqueles que pensam que este foi um momento negativo na vida do clube! Não! Foi um puro momento de gestão, há que guardar recursos, não interessa estar a despender verbas em deslocações quando ainda existe uma forte percentagem de habitantes na cidade por filiar!

 

O primeiro tabuleiro da equipa transferiu-se esta época para o Sporting Clube de Portugal, o que atesta a excelência da formação que se pratica neste clube! Em breve teremos alguém a ser transferido para o Real Madrid... sugere-se por aí que algumas entidades locais já escolheram o nome do jogador que querem exportar rapidamente … peço desculpa mas não me ocorre de momento o nome!

    

Na corrente época disputaram o campeonato distrital e também a Taça da Associação de Xadrez de Leiria, onde obtiveram uma performance que atesta a consistência do projecto. Nada mais, nada menos do que 5 resultados iguais, não me recordo momentaneamente qual o resultado em questão, mas isso também não interessa! Até porque enquanto decorria o campeonato já o clube filiou mais 17 jogadores!

Na 4ª Ronda da Taça AXL o clube apresentou aquilo a que se pode chamar, dificuldade na escolha! Dos 151 jogadores federados havia que seleccionar um bom primeiro tabuleiro, face á dificuldade da escolha pelos inúmeros candidatos, a escolha não chegou a tempo... (precisa-se urgentemente de reforços nas áreas técnicas), como consequência desta dificuldade a equipa apresentou falta de comparência no seu primeiro tabuleiro. Os clubes do distrito roem-se de inveja perante tamanha quantidade.

Vamos continuar a nossa análise e passemos agora para mais um momento que demonstra a vitalidade do clube, a realização do I Torneio FIDE de Caldas da Rainha, com prémios monetários e tudo!

Atente-se ao regulamento

O I Torneio FIDE Hotel Internacional de Caldas da Rainha, por convite a um mínimo de 25 jogadores pré-determinado

Sendo confirmada a presença de jogador por entrega de 20 € (preferencialmente em cheque cruzado não à ordem, que será devolvido em caso de inscrição insuficiente em número de jogadores) à Associação Tabuleiro de Cores.

A entrega de valor é requerida pela disponibilidade de sala gratuita por parte do
patrocinador Hotel Internacional a I Torneio FIDE em Xadrez, (que tem valor de
serviço associado) e em que é necessária vinculação estrita dos participantes a
actividade desportiva.

Cada clube deverá apresentar um relógio digital por cada dois jogadores inscritos

 Taxa de inscrição: 20 € (vinte euros) com direito a Jantar em 30 de Março de 2014
no Salão Millenium do Hotel Internacional.
Terão direito a participação cinco jogadores da Associação Tabuleiro de Cores com
isenção de pagamento de taxa de inscrição
Todas as taxas de inscrição serão redistribuídas como prémios monetários ao I Torneio
de Xadrez FIDE Hotel Internacional de Caldas da Rainha.

Será à Direcção do Hotel Internacional e à equipa de arbitragem em 15 de Março de
2014, a disponibilidade de todos os intervenientes na participação do I Torneio FIDE de
Caldas da Rainha e em que não existindo disponibilidade de organização da prova serão
devolvidos sob compromisso de honra o valor das inscrições recebidas em carta
registada aos jogadores inscritos pagantes.

Perceberam? Não? Pois … por isso jogam num clube de pequena dimensão e não nos “Coloridos”!!! É muito á frente!

O Torneio será fechado a 25 jogadores. A direcção da prova lamenta mas não existe capacidade logística na cidade para suportar um clube desta dimensão. Assim participarão 5 jogadores locais e 20 convidados… a pagar. Suspeita-se que poderá existir alguma dificuldade na escolha de 5 entre 151, por este facto poderão não existir mais do que 3, mas como devem perceber o tempo não dá para tudo!

A propósito entretanto acabou de se filiar o Manuel Risoto, o arrumador de carros da zona hospitalar.

Estamos agora em directo deste grande torneio, mais um sucesso do xadrez nacional, do clube e da cidade, as bancadas estão completamente esgotadas, o calor humano é impressionante, vamos então entrevistar algumas pessoas que se encontram na bancada:

Repórter ZB: Bom Dia! Esta a gostar do Torneio?

Dona Gertrudes: Estou estou! Estou impaciente, os rapazinhos estão a pensar muito, isto esta muito demorado

Repórter ZB: Está a torcer por que jogador?

Dona Gertrudes: Por aquele menino ali de amarelo, é meu neto, aliás lá em casa somos 17 jogadores de xadrez, todos filiados!

Repórter ZB: Ena!!! Que família apaixonada pelo xadrez, e eles não vem assistir?

Dona Gertrudes: Devem estar a chegar mas isto nunca mais acaba…

Repórter ZB: Mas é suposto eles virem depois do torneio terminar?

Dona Gertrudes: Sim, mas estou cada vez mais impaciente, isto está demorado, vou enviar-lhes uma sms a dizer isso mesmo, é que mal acabe o jogo o diretor do torneio oferece o jantar!

Repórter ZB: Ora viva, esta a gostar do torneio?

Lurdes Pimpolho: É muito bonito, as letras, os números nos tabuleiros, os quadradinhos são iguais em todas as mesas, ora jogam as brancas ora jogam as pretas, eu nem sei como eles não se enganam, eu por exemplo de certeza que ao fim destas horas todas acabava por jogar duas vezes seguidas com uma cor ou outra. E os cavalinhos? São cavalinhos não são? Acho que não são burros! Aí são tão giros, já os relógios não concordo muito com isso!

Repórter ZB: Não concorda com os relógios? Então porquê?

Lurdes Pimpolho: Noto agressividade nos miúdos, torna-os violentos, ora veja a força com que eles batem nos relógios, acho que isso está mal, para alem disso bastava um relógio gigante colocado no meio da sala por onde todos se pudessem guiar.

Repórter ZB: Tem familiares a jogar o torneio?

Lurdes Pimpolho: Não, mas lá em casa até o Bobby está federado, adora xadrez! Aquele malandro tem a mania de roer a Rainha, é uma tara que o bicho tem, vá lá saber-se o porquê!

Enquanto eu finalizei este artigo mais 6 filiações ocorreram, a FPX e a AXL obviamente agradecem.

Aguarda-se com expectativa a vinda do presidente da FPX que deve estar curiosíssimo para poder vir observar este caso de sucesso e para o poder expor á comunidade xadrezista nacional. O Governo não quererá abrir o noticiário com esta notícia de mais um caso de sucesso no nosso país?

Entretanto …

O GD Dias Ferreira atingiu o primeiro lugar. Aproveitaram-se da nossa distracção com o torneio FIDE, ai… mas não esperam pela demora! Deixem-me conquistar o patrocínio do Toffee Crisp e vão ver, até fazem bicha para se federarem!

Ps: O Episódio 50 será muito especial para mim, pelo que passei do 49 para o 51 … o 50 há-de chegar com grande pompa e circunstância, até lá!

 

 

 

Campeonato Nacional da 2ª Divisão – Série B

                            

  

Sob Pressão!!!

 

Cine Clube de Torres Novas x Casa do Povo do Bombarral Ronda 6 (10 Maio 2014)

 

Paulo Costa

(2141) segue com 1-1-3

Diogo Alho

(2301) segue com 2-1-1

Hugo Ribeiro

(1893) segue com 0-0-2

Francisco Cruz

(1880) segue com 0-2-2

Rui Silva

(1860) segue com 0-1-2

António Reis

(1834) segue com 1-1-0

P. Constantino

(1627) segue com 0-0-2

André Pinto

(2016) segue com 2-1-2

Ant. Severino

(1831) segue com 2-2-1

G. Gaboleiro

(1981) segue com 3-1-1

Ricardo Pais

(1867) segue com 1-1-1
Equipas prováveis:
Paulo Costa (2141) x Ricardo Evangelista (2129)
Diogo Alho (2301) x Paulo Constantino (1627)
Hugo Ribeiro (1893) x André Pinto (2016)
Francisco Cruz (1880) x Guilherme Gaboleiro (1981)

 

Classificação – 2ª Divisão – Série B

 

2ª Divisão - Série B - 2013/2014

 

 

 

Pontos

Pontos

 

 

Clasf.

Clubes

Vitórias

Empates

Derrotas

A favor

Contra

Sessões

Pontos

Academia de Xadrez Pedro Hispano

4

1

0

13,5

6,5

5

14

Assembleia Figueirense   

3

0

2

10,5

9,5

5

11

Academia de Xadrez do Bombarral

2

1

2

12

8

5

10

Casa do Povo do Bombarral

2

1

2

10,5

9,5

5

10

Grupo de Xadrez Peões de Alverca

2

1

2

10

10

5

10

Sport Operário Marinhense 

2

0

3

8,5

11,5

5

9

Casa do Xadrez

1

1

3

8

12

5

8

Cine Clube de Torres Novas

1

1

3

7

13

5

8

Confronto decisivo para ambas as equipas com a maior pressão a estar do lado dos “Cineastas” já que a classificação não permite qualquer deslize. Em caso de vitória a equipa de Torres Novas igualará em número de pontos a CPB, mas em termos da tabela classificativa será necessária uma vitória por 4-0 para que a equipa de Torres Novas ultrapasse os Bombarralenses na tabela. Só mesmo a “Chapa 4” colocará os “Cineastas” á frente com 11 pontos e 11-13, contra 11 pontos e 10,5-13,5 para a CPB.

Em 2011/2012 ambas as equipas encontraram-se na finalíssima da 3ª Divisão Nacional, em jogo para apurar o campeão de entre 64 equipas que disputaram a 3ª divisão nacional, título ganho pela CPB por 2,5-1,5. Nessa altura a equipa de Torres Novas era a grande favorita, mas inesperadamente a CPB viria a conquistar em Matosinhos o seu maior feito na modalidade.

Na época 2012/2013 voltaram as equipas a encontrarem-se, desta feita no Bombarral, para o campeonato Nacional da 2ª Divisão. Mais uma vez os “Cineastas” eram claros favoritos á vitória no encontro e na série (viriam a terminar em 2º), e aplicaram “Chapa 4” aos locais (que viriam a terminar em 4º).

2013/2014 Nova época, novo confronto e novamente com o favoritismo a pertencer á equipa de Torres Novas, que só por mero acaso ocupa o último lugar da tabela classificativa, tendo sido apresentada no início da época mais uma vez com uma grande candidata á vitória na série. Desta vez o jogo realiza-se na Benedita e ambas as equipas procuram evitar a descida de divisão.

 

 

 

Campeonato Nacional da 2ª Divisão – Série B

                             

Ronda 6 de 7 (10 Maio 2014) - Antevisão

Cine Clube de Torres Novas

50

30

20

Casa do Povo do Bombarral

Grupo de Xadrez Peões de Alverca

40

30

30

Sport Operário Marinhense

Casa do Xadrez

30

30

40

Academia Xadrez Pedro Hispano

Academia de Xadrez do Bombarral

30

40

30

Assembleia Figueirense

Jogo decisivo para ambas as equipas com a maior pressão a estar do lado dos “Cineastas”. Para a CPB o empate deverá garantir desde logo a permanência, e o “perder por poucos” também poderá vir a revelar-se muito importante.
Para a equipa de Torres Novas o empate deverá será o mínimo, dependendo dos resultados da série, segue-se a equipa da Assembleia Figueirense.

Os Alverquenses tem aqui excelente chance de carimbar a permanência e livrar-se do sufoco da ronda final.
Para o Sport Operário e Marinhense que jogará tudo na última ronda, convém amealhar nesta jornada para evitar os dissabores da última ronda.

Frente ao líder os jogadores de Alpiarça tentarão surpreender, o que está ao seu alcance, até porque a vitória na última ronda poderá vir a revelar-se insuficiente.
Para a equipa de Soure este é um jogo chave, a vitória poderá dar-lhes desde já o título, dependente do confronto entre Figueirenses e a Academia. Caso não vençam poderão vir a entrar “sobre brasas” para a ronda final.

AXB e Assembleia Figueirense decidem grande parte do seu campeonato neste jogo. Caso a AXB vença e os líderes “escorreguem” poderão tentar a subida na última ronda. Caso percam os dois jogos finais deverão conseguir a manutenção fruto do seu ultimo 4-0! Para os Figueirenses tranquilíssimos na tabela classificativa só lhes resta vencer e esperar por uma escorregadela do líder … no fundo este é o jogo pelo direito a poder sonhar.

 

Ronda 7 de 7 (11 Maio 2014) - Antevisão

Assembleia Figueirense

20

30

50

Cine Clube de Torres Novas

Academia Xadrez Pedro Hispano

30

40

30

Academia Xadrez Bombarral

Sport Operário Marinhense

20

30

50

Casa do Xadrez

Casa do Povo do Bombarral

20

30

50

Grupo de Xadrez Peões de Alverca

Muito dependente dos resultados da véspera, caso a Assembleia Figueirense não tenha hipóteses matemáticas de subida poderá apresentar um “segunda Linha” favorecendo a equipa de Torres Novas. Teriam os líderes de ter cedido na ronda anterior e os Figueirense ganho á AXB … não acreditando nestas duas casualidades, apostamos numa equipa de “segundas linhas” para este jogo. Dependendo do resultado da véspera os “Cineastas” poderão concretizar aqui a permanência.

Caso a AX Pedro Hispano tenha atingido a subida na ronda anterior, poderá fazer “descansar” alguns dos seus habituais titulares, caso contrario será aqui que terão de garantir a subida. Com os 4 principais apresentados até á data os líderes parecem favoritos, caso optem por outra constituição serão os jogadores da Academia os favoritos.

SOM e Casa do Xadrez deverão proporcionar o jogo da jornada com contornos dramáticos para o vencido. Muito provavelmente a equipa derrotada neste confronto descerá de divisão, o empate poderá relegar ambos para a 3ª divisão, e a vitória até poderá não vir a revelar-se suficiente … Dramático!

Alverca por esta altura deverá estar descansadíssima, a CPB depende dos resultados da véspera, quer o que obteve quer o dos seus concorrentes directos.

 

Carlsen precisava de ganhar e … ganhou!!!

 

 

Magnus Carlsen ou Fabiano Caruana?

http://www.shamkirchess.az/

A uma ronda do fim o detentor do título de campeão do mundo esta igualado com Fabiano Caruana no topo da tabela classificativa … estamos em crer que um dia também será este o duelo pelo título de campeão do mundo. Na ronda final defrontam-se ambos, na 1ª volta Caruana venceu … é já hoje e a doer! Para já o desempate favorece Caruana e Magnus surpreendentemente já leva duas derrotas.

 

 

Vem aí a caminho uma crise no Xadrez?

Resultados Finais:

Num universo de 82 clubes que compõem as 1ª, 2ª e 3ªs divisões nacionais, os nossos leitores acreditam (61%) que mais de 10 destes clubes não se inscreverão nos campeonatos nacionais. A ser verdade representaria uma baixa muito próxima dos 15%, o que seria uma notícia muito má para o xadrez nacional. Se os clubes continuarão a existir e apenas não se inscreverão nos campeonatos nacionais, se morrerão de vez, se nascerão outros para os substituir, essas são questões que só mais tarde saberemos. Não quisemos mais do que alertar para esta situação, a verdade essa só saberemos lá mais para o fim do ano, mas talvez não fosse má ideia a FPX ser proactiva e não reactiva perante esta possibilidade.

 

 

 

http://www.chess-results.com/tnr128856.aspx?lan=10

Jorge Ferreira vence – Distrito Leiriense sofre razia

Vitória para o Português Jorge Ferreira (2375) em igualdade pontual com o Polaco Lukasz Butkiewicz (2424) ambos com 5-2-0. André Pinto da CPB esteve muito perto de brilhar mas a ronda 6 onde perdeu com uma melhor posição deixou marcas e terminou com 3-1-3 a perder 18 pontos, mas certamente com o ritmo necessário para enfrentar as duas últimas e decisivas rondas do campeonato nacional da 2ª divisão.

O Distrito Leiriense perdeu neste torneio o incrível número de 241 pontos de elo!!! Mais de 1/3 desse valor foi para Rui Silva (XMS Martinho do Porto) ex Figueiró dos Vinhos que ainda a beneficiar do seu K=30 somou a um rating sobrevalorizado o facto de ter estado muito tempo ausente dos tabuleiros, afastando-se assim de forma clara do Top 10.
Daniel Bray a caminho do título de Mestre Nacional somou mais 7 pontos e Eurico Fonseca com mais 6 pontos foram os únicos a não perderem elo. Destaque ainda para os “Blocos” interessantes de Alberto Negrão, João Sousa e Constança Rodrigues.

 

CUCA INTERNATIONAL TOURNAMENT 2014

http://www.chess-results.com/tnr130320.aspx?lan=10&art=0&wi=821

WOMEN CUCA INTERNATIONAL TOURNAMENT 2014

http://www.chess-results.com/tnr130321.aspx?lan=10&art=14&wi=821

  

Ana Baptista (2128)                        Carlos Dias (AI)                          Sérgio Rocha (2405)

 

   

No Torneio Masculino Alexandr Fier (2587 Brasil) venceu com 6-3-0 e mais 6,10 pontos; em segundo também com 6-3-0 ficou Vasily Papin (2518 Rússia) e mais 12,7 pontos, e em terceiro Aleksandr Karnatchev (2442 Rússia) com 4-4-1 e mais 4,4 pontos. Sérgio Rocha (2405) terminou com 3-4-2 e menos 2,5 pontos.

Na prova feminina Anna Zozulia (2349 Bélgica) venceu com 8-1-0 e ganhou mais 5 pontos, em segundo Nino Maisuradze (2265 França) com 8-0-1 e mais 7,7 pontos, e em 3º lugar a Portuguesa Ana Baptista com 7-1-1 e mais 9,6 pontos, a única a conseguir “roubar” meio ponto á vencedora.

 

 

http://www.chess-results.com/tnr128856.aspx?lan=10

     

 

24 a 27 de Abril 2014 Hotel D. Luís Coimbra

Integrado no Circuito Nacional de Lentas da FPX 2013/2014

“Romaria” do distrito – André Pinto da CBP presente

Com o incrível número de cento e dezassete jogadores inscritos, arrancou na passada 5ª feira a segunda etapa do circuito nacional de lentas. A localização, a tradição e os titulados inscritos serviram de chamariz naquele que provavelmente será o mais concorrido torneio de todo o circuito. O distrito leiriense não ficou indiferente, uma autêntica romaria de jogadores: Daniel Bray (2171), André Pinto (2010), José Bray (1906) Rui Silva (1853), José Lopes (1751), Jorge Barrento (1735), Francisco Cavadas (1706), Ricardo Oliveira (1651), José Cavadas (1615) Alberto Negrão, Francisco Gonçalo (1514), Paulo Maximiliano, Gonçalo Abreu (1482) Eurico Fonseca (1453) Constança Rodrigues, Raquel Vinagre, Alfredo Pereira, João Sousa e Rodrigo Basílio são o contingente Leiriense.

Na 1ª Ronda o jogador da CPB enfrentou um jogador sem cotação internacional que venceu, segue-se um 1760.

 

 

 

http://khantymansiysk2014.fide.com/

Hou Yifan vence a uma ronda do fim!

Mais um Grand Prix Feminino sob o domínio da campeã do Mundo Hou Yifan (2618 – China) que se aproxima cada vez mais do rating da Rainha do Xadrez Judit Polgar (2685 – Hungria)

 

Taça de Portugal 2013/2014 – 1/8 final a 24 Maio

Sorteio ditou Derby Ribatejano

 logotipo tacaportugal 1314 

1/8 de Final, ditou derby no distrito de Santarém entre as duas equipas que estão integradas na 2ª Divisão – Série B. Após saberem a sua sorte a 10 e 11 de Maio no que respeita a manutenção, segue-se um jogo de grande emoções, recorde-se que para o campeonato nacional houve um empate 2-2 com empate nos quatro tabuleiros. Uma coisa parece certa, … a 2ª Divisão – Série B vai ter um representante nos oitavos de final da Competição.

Os Quartos de final disputam-se no dia imediatamente a seguir (25 de Maio). O Local do concentrado está dividido em duas zonas, a norte disputa-se em Santo Tirso e a Sul em Lisboa, pelo que para as meias-finais serão apuradas duas equipas da Zona Norte e duas equipas da Zona Sul.

 

Campeonato Nacional Feminino

O Campeonato Nacional Feminino contou com a presença de 13 jogadoras, e sem os grandes nomes da modalidade a nível feminino. Maria Inês Oliveira (1954 – NX Vale São Cosme) com (5-2-0) sagrou-se campeã nacional renovando o titulo em igualdade com Ariana Pintor (2030 – GX Porto) (6-0-1). Rita Jorge (1683) e a grande surpresa da convocatória da selecção nacional obteve um excelente 3º lugar e mais 28 pontos para a sua conta pessoal.

Semi rápidas (Ariana Pintor – Inês Santos – Maria Inês Oliveira)

Rápidas (Maria Inês Oliveira – Ariana Pintor – Sara Monteiro)

 

 

“Magnifico” está de volta aos tabuleiros

http://www.shamkirchess.az/

Torneio A

Torneio B

 

Torneios a seguir:

http://www.fpx.pt/web/nacional/torneios/historico/436-14-05-12-a-14-06-23-xeque-matematica-2013-2014

http://www.chess-results.com/tnr131125.aspx?lan=10

 

http://openqueima.xadrez64.com/

http://www.chess-results.com/tnr128856.aspx?lan=10

14/05/23 a 14/05/25 - VI Torneio FIDE Externato Coop Benedita

http://www.fpx.pt/web/nacional/torneios/historico/432-14-05-23-a-14-05-25-vi-torneio-fide-externato-coop-benedita

http://www.chess-results.com/tnr130191.aspx?lan=10

 

 

http://khantymansiysk2014.fide.com/

Hou Yifan (2618) Ushenina Anna (2501) Kosteniuk Alexandra (2527) Muzychuk Anna (2560)

Mais um Grand Prix Feminino, com Hou Yifan a ser claramente favorita Kosintseva Tatiana,  Stefanova Antoaneta, e Zhao Xue são outras das estrelas presentes.

 

Convocatória para a Selecção Nacional provoca reacções

Diogo Alho Só podem estar a gozar. Falta o bom senso. Acabem com estes regulamentos que só dão nestes resultados. Neste lote até eu seria convocável o que é absurdo! Qualquer uma das duas selecções estão ao nível dos regulamentos! Rapaziada convocada vão e divirtam-se. Bom xadrez.

Pedro Martins Oi? Qé isto? Minha Nossa Senhora...

Daniel Preto Country TOP 4: Diogo Fernando, Luís Galego, Ruben Pereira, António Vítor. Quando não se vê nenhum dos 4 nomes principais do país na lista, penso que se deve questionar os critérios que são usados para determinar a equipa e se esses critérios estarão ajustados à realidade nacional. Certamente que os jogadores acima na imagem, farão o seu melhor e serão prestigiantes para Portugal, mas... nem sei como concluir. Só tenho de desejar sorte a todos os participantes e que vou incondicionalmente apoiá-los!

Fernando Ventura Hummmm.... será que foram estes os convocados? Não serão os "convocados disponíveis"...?

Ps: Retirado do facebook da FPX.

 

Torneio "DAGOBERTO MARKL" em sua memória (2014)

http://www.chess-results.com/tnr115221.aspx?lan=10

Mais um torneio a cargo do incansável Solha Santos, com 34 Jogadores a marcarem presença. Destaque para a presença do Mestre Internacional e campeão nacional de veteranos Fernando Silva (2280 - Sporting C. P.) que venceu com 6-1-0 somando 4,1 pontos. Um Mestre Nacional Vítor Morais (2033 - Clube EDP), ainda acima dos 2000,  Orfeh Bolhari (2119) e Alberto Eggert (2081).
 
Vários jogadores que já passaram pelo Torneio João Santos (Alberto Eggert (+3,3), Vítor Morais (+8,3), Paulo Fanha (+21,6), Pedro Marques (-30,1), Manuel Curado (-3,6) e Ricardo Pais).

Ricardo Pais da CPB teve uma prestação regular, vencendo aos jogadores com menos cotação e perdendo com os de cotação superior, acrescido de um empate face a Manuel Curado (1901), era o 17º á partida e terminou em 17º com 3-1-2 e ainda uma falta de comparência, somando +3,8 pontos de cotação.

D A G O B ER T O M A R K L

6123792_rdl4n

O Mestre sem cátedra

Dagoberto Markl foi acima de tudo um sábio, desses que vão rareando nos dias de hoje, sabia de tudo.

Claro que isto não fazia dele um generalista, um diletante, bem pelo contrário havia assuntos em que ele era um dos maiores especialistas nacionais. A questão dos Painéis de São Vicente, a iconografia e iconologia do século XVI, a pintura portuguesa do renascimento, Camões e a pintura, Damião de Góis e o primeiro coleccionismo em Portugal, o xadrez e a arte foram assuntos que o ocuparam em elaboradas teorias. No trabalho que desenvolveu e publicou nota-se o gosto pela descoberta, pelos enigmas, pelo jogo. Xadrezista eminente soube cruzar a lógica deste jogo de inteligência com a investigação histórica, a que juntou a componente cultural que lhe veio da formação em literatura germânica.

Acima de tudo era um amigo, um amigo de todos os investigadores, fossem eles quem fossem, sempre que precisassem de ajuda no campo da arte do século XVI ou da iconologia. Pela sua mão, no seu gabinete do Museu Nacional de Arte Antiga, deram os primeiros passos muitos dos historiadores de arte das novas gerações.

Anísio Franco

Conheci o Dagoberto Markl algures nos anos 80.
Porém, a partir de 2000, foi a questão das escritas que nos aproximou.
Contribuiu sem dúvida para aumentar o meu gosto pela escrita, e ajudar-me a ter a noção da responsabilidade de “ tentar “ não escrever ao acaso.
Dagoberto Markl foi diretor da Revista “Peão Distante” da Comissão Nacional de Xadrez por Correspondência e teve colaboração ativa nas várias séries da RPX (anos 70 e depois recentemente na RPX do tempo da direção de António Bravo (creio que 2005/2010).
A preciosa colaboração dele nos Manuais de formação da FPX no capítulo da História do xadrez, fez-me perceber da sua enorme paixão pelo jogo, bem como do seu conhecimento da História do nosso jogo.
Fizemos uma boa parceria numa conferência num Dia Mundial do Xadrez em que ele falou da História de José Raul Capablanca, e eu comentei a parte técnica das partidas.
A partir de certa altura, sempre que tinha dúvidas sobre temas históricos tinha a sua autorização e estima para ligar e lhe perguntar aquilo que eu não sabia!
As suas respostas eram sempre muito ricas em pormenores e dadas com enorme prazer.
Parafraseando Anísio Franco, “Dagoberto Markl era sobretudo um amigo, um amigo de todos os investigadores, fossem eles quem fossem, sempre que precisassem de ajuda no campo da Arte do Séc XVI ou da iconologia “.
Dagoberto Markl não dispensava jogar o seu torneio sempre que podia e falava-me de pormenores ou de reações dos seus adversários.
Dagoberto Markl foi um “profissional“ na atitude de seriedade com que tratou todos os temas que aprofundou.
Penso que num momento que a sociedade vai perigosamente acelerada e pouco profunda, recordar e homenagear Dagoberto Markl, além de um dever elementar, é um bom momento para, recordando uma pessoa de uma enorme profundidade de raciocínio, alertarmos os nossos jovens para a necessidade de reflexão sobre todos os temas importantes da nossa sociedade.


Gaia, 14 de Fevereiro de 2014
António Fróis (IM)
Diretor do Torneio

17 de ABRIL de 2014, pelas 19h30m

haverá uma reunião para uma conversa sobre

Dagoberto Markl e a História do Xadrez

Junta de Freguesia de Alcântara

 

 

Hoje é dia de Bandeira!!!

 

 

CPB conquista a sua 4ª Taça AXL consecutiva!

5ª Taça AXL e quarta vitória da CPB que é assim o único clube que a conquistou, já que a primeira edição da prova foi ganha por uma selecção jovem da AXL no ritmo semi rápido.

http://www.chess-results.com/tnr121264.aspx?lan=10

V TAÇA DISTRITAL DE EQUIPAS – ÉPOCA 2013-2014

     

Xeque Mate S. Martinho do Porto (2,0 – 2,0) Casa do Povo do Bombarral
André Pinto (2016) António Severino (1831) Guilherme Gaboleiro (1991) Ricardo Pais (1867)
1 0 0 1
Mário Canaverde (1810) José Lopes (1746) Pedro Rodrigues (0000) Hélio Sousa (0000)
(+3,60) (-9,30) (-0,00) (+0,0)

“ O Filme do Jogo”

A CPB vai tentar mais uma vitória, caso venho a conseguir para o jogo final bastará a simples comparência para se sagrar campeã. Quase toda a equipa esta reunida, assistem João Santos, Artur Bernardes, Paulo Constantino e Rui Batalha que deverão constituir o “Quatro” para a última ronda caso este jogo corra de feição aos Bombarralenses.

A Equipa do Xeque-mate de São Martinho do Porto apresenta-se apenas com 3 jogadores, dando o seu quarto tabuleiro falta de comparência, começa bem a CPB a vencer por 1-0.

António Severino abandona, é o 1-1.

André Pinto vence e a CPB volta a liderar o encontro, 2-1.

Contra todas as expectativas GG perde e a CPB empata 2-2

Com este resultado a CPB precisará de pelo menos um empate na ronda final para se sagrar campeã. O adversários soma por derrotas os jogos realizados, mas até ao lavar dos cestos é vindima!

Segue-se a já tradicional almoçarada na CPB desta vez com a equipa visitante como convidada, o que já tinha acontecido nas rondas anteriores com a equipa da Academia de Xadrez da Benedita.

Casa do Povo do Bombarral (2,5 – 1,5) A. T. Cores (Caldas da Rainha)
António Severino (1831) Guilherme Gaboleiro (1981) Ricardo Pais (1867) Rui Batalha (1806)
0,5 1 1 0
Cyril Carvalho (0000) Jesus Grijelmo (0000) Rui Inácio (0000) Samuel Rebelo (1587)
(+0,00) (+0,00) (+0,00) (-11,70)

“ O Filme do Jogo”

Dado o percalço na ronda anterior a CPB decide não facilitar, João Santos, Artur Bernardes e Paulo Constantino colocam o seu lugar na convocatória á disposição.

André Pinto que por motivos pessoais almoçou mais cedo, ainda enquanto se disputava o encontro anterior não poderá estar presente e está incrédulo face ao resultado conquistado pela CPB, achando-se mesmo vítima de uma partida da sua própria equipa.

A CPB entrará para o “jogo do título” com António Severino, Guilherme Gaboleiro, Ricardo Pais e Rui Batalha.

António Severino e o seu adversário estão em vias de repetir a posição e acordam o empate, se todos conseguirem o mesmo a CPB conquistará o seu 4º título consecutivo.

Guilherme Gaboleiro vence e é o 1,5-0,5, falta meio ponto!

Rui Batalha perde, 1,5-1,5 continua a faltar meio ponto, toda a pressão do titulo fica agora nas costas de Ricardo Pais, que necessitará de um empate.

Toda a equipa sofre, e André Pinto vai sendo informado telefonicamente que a equipa tem hipóteses de perder a Taça, … mas não acredita novamente!

Apesar de ter sido o jogo mais “moroso”, Ricardo Pais finaliza com uma miniatura de 18 lances, a CPB vence por 2,5-1,5 e sagra-se Tetracampeã!!!

A AXB demonstrou o seu favoritismo frente á equipa de São Martinho do Porto, terminando assim na segunda posição. No jogo do pódio a equipa leiriense dos Corvos do Lis bateu a Benedita e conquista assim um brilhante terceiro lugar!

O pódio está atribuído entre as equipas que não deram uma única falta de comparência em qualquer tabuleiro, logo foi um justo prémio para estas três equipas.

Destaque nestas rondas finais para Pedro Rodrigues de São Martinho do Porto que com duas excelentes vitórias fará um “bloco” Fide digno de respeito!

Uma palavra final para Rodrigo Basílio dos Corvos do Lis (a segurar a Taça da CPB na foto), … grande jogador se está a preparar em Leiria!!!

Classificação Final

Casa do Povo do Bombarral

4-1-0 14 pontos 16,5-3,5

Academia de Xadrez do Bombarral

4-0-1 13 pontos 12,0-8,0

C. C. D. Corvos do Lis

2-1-2 10 pontos 9,0-11,0

X. M. S. Martinho do Porto

1-2-2 9 pontos 8,0-11,0

A. P. Cavalgante da Benedita

2-0-3 9 pontos 7,5- 11,5

Associação Tabuleiro de Cores

0-0-5 5 pontos 6,0-14,0

 

 

 

Convocatória Olímpica (Noruega 1 a 14 de Agosto)

not olimpiadas

A Selecção Nacional Masculina será composta por Rui Dâmaso (2402), Sérgio Rocha (2400), Paulo Dias (2397), Jorge Ferreira (2376) e a surpresa Hugo Lima Santos (2252). Nenhum GM a representar a selecção nacional, parte com baixas expectativas a equipa lusa, pode ser que alguma norma individual venha a dar algum colorido a mais uma participação olímpica.

De fora ficam nomes como: Luís Galego (2462), Diogo Fernando (2475), Ruben Pereira (2417) e António Fernandes (2361).

A Selecção Nacional Feminina será composta por Margarida Coimbra (2072), Maria Inês Oliveira (1970), Sara Monteiro (1825), Sandra Correia (1769) e Rita Jorge (1663). O que deverá constituir uma das mais fracas selecções em termos de cotação elo que representaram Portugal nos últimos anos.

Catarina Leite (2145), Ana Baptista (2128), Maritza Valdez (2070) e Ariana Pintor (2030), Sofia Henriques (2023) Ana Ferreira (1823) e Inês Lima Santos (1788) são alguns dos nomes indisponíveis ou não convocados.

 

Karpov foi atração surpresa!!!

 

Anatoly Karpov (2619) jogou 2 jogos na Bundesliga, o campeonato nacional alemão, empate de brancas face a 2493 e vitória de pretas frente a 2664.

 

 

 

 

Zé Bomba – Episódio 49 

“Uma ida ao ginásio”

Caros Amigos, acabei de completar 49 anos. Para comemorar o momento a minha mulher ofereceu-me um voucher de uma semana num dos melhores ginásios. Estou em excelente forma mas achei boa idéia diminuir a minha "barriguinha". Fiz a marcação desta semana no ginásio, a personal trainer que me vai seguir chama-se Carina, tem 26 anos, é monitora de aeróbica e modelo.

Recomendaram-me que escrevesse um diário para documentar o meu progresso, que transcrevo a seguir: 


Segunda-feira

Com muita dificuldade levantei-me às 6 da manhã. O esforço valeu a pena, a monitora parece uma deusa grega: loira, olhos azuis, grande sorriso, lábios carnudos e corpo escultural. Ela é um "avião"!

Primeiro mostrou-me todos os aparelhos de ginástica. Comecei pela bicicleta, ao fim de 5 minutos mediu as minhas pulsações e ficou alarmada porque estavam muito aceleradas. Mas não era da bicicleta: era por causa dela, por estar vestida com uma malha de lycra justíssima que lhe moldava as formas todas. Gostei do exercício, ela consegue dar-me imensa motivação.

Ps: Começo a sentir uma dor constante na barriga de tanto a encolher.

Terça-feira

Tomei o pequeno almoço e fui para o ginásio. A monitora estava melhor que nunca! Comecei por levantar uma barra de metal, depois ela atreveu-se a pôr pesos!!!  Tinha as pernas fracas mas consegui completar UM QUILÓMETRO na passadeira. O sorriso arrebatador que a monitora me deu no fim da manhã convenceu-me de que todo este exercício vale a pena... É uma vida nova para mim.

Ps: A monitora é uma deusa...aí se ela quisesse me dar uma massagem...

Quarta-feira 

A única forma de conseguir escovar os dentes foi segurar na escova com os cotovelos apoiados no lavatório e mexer a cabeça de um lado para o outro. Conduzir também não foi fácil!

Estender os braços para meter as mudanças foi um esforço digno de Hércules. Dói-me o peito, as plantas dos pés doem de cada vez que carrego nos pedais. Fisicamente diminuído, estacionei o carro no lugar reservado para deficientes, até porque só consigo andar a coxear. A monitora estava com a voz um pouco aguda... Quando grita incomoda-me muito. Quando me pôs um arnês para fazer escalada todo o corpo me doeu. A monitora disse-me que este exercício me ia ajudar a ficar em forma, ou a gozar a vida...

Ps: Para que é que alguém inventa um aparelho para fazer escalada quando isso ficou obsoleto desde a  invenção dos elevadores?

Quinta-feira

A monitora estava à minha espera com os seus dentes de vampiro horríveis. Cheguei meia-hora atrasado: foi o tempo que demorei para conseguir calçar os sapatos. A desgraçada pôs-me a trabalhar com os pesos. Quando se distraíu, fui-me refugiar na casa de banho, mas a gaja mandou um outro monitor ir buscar-me. Como castigo pôs-me na máquina de remar... Estou todo rebentado. Seguem-se os abdominais … a monitora afinal é uma cabra!

Ps: Logo vingo-me, por cada abdominal será uma imperial!!!

  

Sexta-feira

Odeio essa desgraçada. Estúpida, magra, anémica, chata e feminista sem cérebro! Se houvesse uma parte do meu corpo que eu pudesse mexer sem sentir uma dor excruciante, partia ao meio esta sacana. Quis que eu trabalhasse os meus trícipetes... EU NEM SABIA O QUE ERA ESSA COISA DOS TRÍCIPETES!!! E se não bastasse colocar-me pesos nos braços, pôs-me aquelas tretas das barras... Desmaiei na bicicleta. Acordei numa maca. Uma nutricionista, uma idiota com cara de estúpida, deu-me uma seca sobre alimentação saudável. A monitora é um esqueleto nojento..

Ps: Não me permitem oferecer os restantes dois dias a outra pessoa, dasse!

Sábado

A filha da p... deixou-me uma mensagem no telemóvel com a sua vozinha de lésbica assumida a perguntar por que é que eu não apareci. Só de ouvir aquela vozinha fiquei com ganas de partir o telemóvel, mas não tive forças para o levantar. Carregar nas teclas do comando da televisão para fazer zapping está a ser um esforço tremendo...

Ps: A mãe da PT de 78 anos consegue levantar 65 kg … grande coisa … ontem levantei 5 vezes 20 kilos … ora toma 100-65!

Domingo

Não me consigo levantar. Pedi a um amigo meu para agradecer a Deus por mim na missa por ter sobrevivido a esta semana que felizmente já acabou. Rezei para que a monitora morra depressa e que no ano que vem a desgraçada da minha mulher me dê qualquer coisa um pouco mais divertida, como um tratamento dentário, um cateterismo ou até mesmo um exame à prostata….

Ps: A gaja mandou-me uma sms a prometer-me que se eu perder 10 kg em 2 meses convida-me para jantar e para ir beber um copo. Esta nunca me enganou, é uma Personal Trainer a sério! Já tenho as marcações para os próximos 2 meses agendadas, decidi ir todos os dias … não vá alguma grama tramar-me!

 

Estou empenhadíssimo!

 

 

Fotos CPB encontradas noutros sites

CPB no Nacional de Rápidas 2014 (Foto FPX) CPB na Gafanha da Encarnação (Foto Gafanha)
CPB na Taça AXL 2014 (Foto AXL) Assembleia Figueirense x CPB

 

 

Calendário de Provas Oficiais da AX de Leiria 2013 – 2014

 

I Torneio de Xadrez Clássico do Oeste

 

Individual

FA

9 a 17 Novembro 2013

Bombarral

CN RÁPIDAS

 

Colectivo

Único

4 Janeiro 2014

2

 

CN RÁPIDAS

 

Individual

Único

4 Janeiro 2014

1

 

Torneio A Mamede Diogo

 

Individual

Único

1 Dezembro 2014

 

Bombarral

5ª Taça AX Leiria

 

Colectivo

1 e 2

11 Janeiro 2014

 4

S. M. Porto

CN Equipas II Divisão

 

Jornada

18 Janeiro 2014

 5

 

CN Equipas II Divisão

 

Jornada

1 Fevereiro 2014

5

 

 CN Equipas II Divisão

 

Jornada

15 Fevereiro 2014

5

 

5ª Taça AX Leiria

 

Colectivo

3

22 de Fevereiro

4

Bombarral

5ª Taça AX Leiria

 

Colectivo

4

?

4

S.M. do Porto

 CN Equipas II Divisão

 

Jornada

22 Março 2014

5

Concentrado

CN Equipas II Divisão 

 

Jornada

23 Março 2014

5

Concentrado 

5ª Taça AX Leiria

 

Colectivo

5

13 Abril 2014

4

Bombarral

CN Equipas II Divisão 

 

Concentrado

10 Maio 2014

5

Concentrado

CN Equipas II Divisão 

 

Concentrado

11 Maio 2014

5

Concentrado

CD Rápidas e Semi

 

Individual

Único

28 Junho 2014

1

Bombarral

CD Rápidas e Semi

 

Colectivo

Único

29 Junho 2014

4

 

Prioridade de 1= Não Prioritário a 5= Imprescindível

 

 

 Taça Nacional  das Associações

No dia 8 de Setembro de 2013, em Coimbra, decorreu um Encontro da Federação Portuguesa de Xadrez com as Associações Distritais onde foram abordados vários temas, entre eles a proposta CPB para a criação de uma Taça entre os vencedores das Taças Distritais.

“…Depois de ter sido lançada a ideia numa reunião técnica deste ano, as Associações foram convidadas a aderir à participação na Taça Nacional das Associações…”
A participação nesta Taça baseia-se na realização por cada Associação da Taça Distrital respetiva, apurando o vencedor para uma Final com todos os vencedores das Taças Distritais. A Final, realizada de forma concentrada num fim-de-semana em Coimbra, seria composta por eliminatórias, havendo apuramento de todos os lugares da classificação (por exemplo se forem 8 equipas, realização de 3 jogos por equipa), contudo dependente do número de equipas presentes.
Assim, é solicitado que as Associações confirmem o interesse em participarem nesta Taça Nacional das Associações com a equipa vencedora da Taça Distrital, confirmando para competicoes@fpx.pt até 31 de Outubro de 2013.

Ainda está tudo”muito no ar”, não se sabe ainda se é ou não para avançar, se a taça se realiza já na época 2013/2014 com os vencedores das Taças Distritais de 2012/2013 ou com os vencedores de 2013/2014 … pelo menos essa informação não chegou ao site da FPX.

Ficamos obviamente contentes, é mais uma prova coletiva, é mais uma Taça que fará mexer as Taças Distritais e por isso a competição, esperamos obviamente o sim por parte da Associação de Xadrez de Leiria. Quanto ao modelo … o tempo o dirá, para já a moda são os concentrados.

 

 

Mais um Triplete! … Mais um Triplete! … Mais um Triplete!

CPB já leva 3 anos de domínio distrital!!!

Quadro de Honra da A. X. Leiria 2012/2013

Clássicas Semi  – Rápidas Rápidas

Quadro de Honra da A. X. Leiria 2011/2012

Clássicas Semi  – Rápidas Rápidas

Quadro de Honra da A. X. Leiria 2010/2011

Clássicas Semi  – Rápidas Rápidas

 



Home page
 | Calendário de Provas | Organismos e Informativos | Associações e Clubes de Xadrez | Galeria de fotografias | Jogadores | Jogar online |
Ver partidas |

Quantcast
- Website optimizado para o navegador (web browser) Google Chrome