"Este Espaço pode ser seu"

"Este Espaço pode ser seu"

Constantinos - Oficina de Artesanato

cpbombarral@gmail.com

Seja Muito Bem Vindo!!!

 
 
 
Vencedores da Série E da 3ª Divisão 2011/2012

Vencedores da 3ª Taça AX Leiria

Campeões Nacionais 3ª Divisão 2011/2012

Campeões Distritais de Rápidas 2011/2012

Campeões Distritais de Semi Rápidas 2011/2012

Menus Actualizados 20/03/2015

  Sexy Chess

 

135 Episódios Publicados

Ás Sextas-Feiras 60 Episódios Publicados

Mensalmente

 

 

12 Entrevistas Publicadas Próxima: 2015 147 Episódios Publicados Às Sextas-Feiras

 

2ª Divisão 2015 / 2016

Zona Norte (Previsão)

Zona Centro (Previsão)

Zona Sul (Previsão)

1ª Divisão 2014/2015

A Amarelo estão as equipas “B” que militam na 2ª divisão nacional e que terão de descer automaticamente à 3ª divisão nacional caso a equipa “A” desça da 1ª Divisão para a 2ª Divisão.

Em relação à Zona Centro prespetiva-se uma série bem mais forte do que a deste ano, com a entrada da AX Portugal (de Carlos Carneiro) e o Clube dos Galitos (já com uma longa tradição no xadrez nacional e reforçada com o ex clube da AX Gafanha), são duas equipas e desculpem-nos os visados mais fortes do que as equipas que desceram de divisão.

A Presença da AX Portugal é um dado quase certo, já que a equipa do Santoantoniense FC é um dos mais fortes candidatos a descer de divisão e se tal acontecer irá ocupar a vaga em aberto na zona sul.

Outro fator que poderá vir a tornar esta serie muito mais forte é a saída da equipa da Casa do Xadrez e uma hipotética entrada da equipa “A” de Montemor … recorde-se que esta mesma equipa desceu o ano passado tendo sido repescada.

A ser assim a CPB terá mais uma época onde se apresenta como uma séria candidata à descida, parece cada vez mais óbvio que este ano foi … uma “oportunidade de uma vida”.

 

Jogaram-se os 1/8 e 1/4 de Final da Taça de Portugal por Equipas 2014/2015

A Norte a AX Gaia passou à tangente por vitória em tabuleiro superior a recem primo divisionária equipa de São João da Madeira com a jovem “Estrela” Henrique Aguiar (2172) a impor um empate face ao GM Dragan Paunovic (2442), o GDD Ferreira deu “Chapa 4”, o Clube dos Galitos que provavelmente disputará a mesma série da CPB em 2015/2016 demonstrou que é uma forte equipa ao perder à tangente, e por fim uma algo desfalcada equipa de Estarreja que este ano esteve quase a subir à 1ª Divisão perdeu frente à fortíssima equipa do Amanhã da Criança que este ano venceu a sua série na 3ª Divisão e será provavelmente um forte candidato a subir novamente na próxima época.

A Sul a equipa Açoriana surpreendeu ainda para mais deu uma falta de comparência no quarto tabuleiro, o Sporting deu “Chapa 4” aos “Cineastas”, e as duas grandes surpresas da ronda a surgiram na zona Sul … O Clube dos Galitos “B” derrotou a primo divisionária equipa da Mata de Benfica demonstrando mais uma vez o grande potencial desta equipa de Aveiro, que mais tarde ou mais cedo estamos em crer que o seu lugar será a primeira divisão. Surpresa também num confronto entre equipas da Primeira divisão, o “quatro” de Montemor eliminou os “Estudantes” num aguardado derby, por vitória em tabuleiro superior com Pedro Neves (MN – 2184) a vencer de pretas o MF Daniel Tábuas (2399)!

Quartos de Final onde Sporting e Montemor impuseram a lei do mais forte, na “final antecipada” entre o Campeão Nacional e vencedor da Taça 2013/2014 frente ao segundo classificado do campeonato e finalista vencido da Taça de Portugal, a vitória voltou a sorrir aos campeões, que se apresentaram muito desfalcados em relação à época anterior e não eram nada favoritos.

A Equipa do Amanhã da Criança foi outra das grandes protagonistas da ronda, empate frente a uma equipa da 1ª divisão com vitória em tabuleiro superior para desempatar, veio confirmar a grande qualidade desta equipa.

Sporting (2ª Divisão) e GD Dias Ferreira (1ª Divisão – Campeão e detentor da Taça) são agora os grandes favoritos à vitória na prova, não esquecendo que os Sportinguistas têm equipa de primeira divisão, onde irão estar presentes na época 2015/2016.

Meias-finais e Final a 20 e 21 de Junho

 

http://khantymansiysk2015.fide.com/

A duas rondas do fim um trio lidera a classificação e deverá ser daqui que sairá o vencedor desta etapa, mas o que interessa realmente neste Grand Prix é saber quem são os dois apurados para o Match de Candidatos … na luta a 3 entre Caruana, Nakamura e Tomashevsky parece que será o Russo a ficar de fora.

Na próxima ronda teremos um “escaldante” Caruana x Nakamura

 

Caruana segue na liderança mas já não esta invencível

17 Pontos a mais não chegam para vencer, it´s a LOL!

 

CPB é o assunto mais debatido nas conferências de Imprensa


Karjakin este André Pinto tem talento…
Sim bonito e inútil sacrifício!


Caruana, como viste o jogo do Mestre Severino?
Eu? Eu sempre fui Americanodollar desde pequenino


Em que linha achas que estava o Pedro Rodrigues a pensar?
Hummm … a Pensar?


E tu Nakamura, consegues ver a genialidade da manobra do Ricardo?
Está difícil, não estou a ver bem…


Repara Karjakin, o GG inventou uma abertura, é novidade teórica
Eheh os alucinógenos são lixados

Bem depois dos resultados das duas ultimas rondas o jogador do ano é sem dúvida …

 

 

Faleceu o Mestre Internacional Joaquim Durão

Faleceu o Mestre Internacional e Nacional Joaquim Durão, depois de dedicar os seus 84 anos ao Xadrez, ele que foi e será sempre um dos jogadores, dirigentes e personalidades mais emblemáticas do Xadrez nacional e internacional.

Com um historial invejável, foi o primeiro jogador português a conquistar o título de Mestre Internacional em 1975, tendo representado o país em 10 Olimpíadas de Xadrez. Tem no seu currículo 13 títulos de Campeão Nacional Individual Absoluto (entre 1954 e 1973), que até o ano passado era um recordo absoluto que perdurou durante 40 anos.

Foi Presidente da Federação Portuguesa de Xadrez durante quase 20 anos (1968-1973, 1988-1997 e 2005-2007) e membro do Comité Executivo da FIDE durante 14 anos (1982-1996), tendo sido Vice-Presidente nos dois últimos 2 anos de mandato.

Joaquim Durão recebeu do Presidente da República Jorge Sampaio a Ordem do Mérito Comendador.

No final da tarde, o corpo de Joaquim Durão estará em câmara ardente na Igreja de São João de Deus, na Praça de Londres, em Lisboa.

A missa de corpo presente realiza-se às 16:00 de sexta-feira, seguindo-se depois o funeral para o cemitério dos Olivais, em Lisboa.

Fonte: http://www.fpx.pt/web/comunicacao/noticias/72-destaques/761-mestre-internacional-joaquim-durao

A CPB endereça os votos de pesar a toda a família e à comunidade xadrezista nacional por esta irreparável perda, obrigado Mestre!

 

 

 

Mais Fotos da melhor equipa do Mundo


Campeões à mesa … as usual


Casa do Xadrez x CPB

Casa do Xadrez x CPB

Mais fotos agora só no episódio do Zé Bomba!!!

 

http://khantymansiysk2015.fide.com/

Caruana no último torneio sob a bandeira Italiana


Classificação no final da Ronda 7 de 11, o torneio disputa-se no sistema todos x todos a uma volta.

 

Boris Gelfand o eterno candidato a Mister Fotogenia

   

… Mas tem concorrente de peso!!!

 

Situação Caricata na Taça AX Lisboa?!

XXVI Taça de Lisboa - Época de 2014/2015

  ..

Mais uma situação a rondar o insólito …
A Associação de Xadrez de Lisboa publicou o seguinte regulamento sobre a Taça AX Lisboa

Desempates de acordo com o art.31 n.º4 do Regulamento de Competições que se transcreve: 

a) Pontos de tabuleiro [1]; b) Resultado entre as equipas empatadas, desde que tenham jogado entre si [11]; c) Buchholz corrigido [37] (1,0,N,N,0,N); d) Buchholz completo [37] (0,0,N,N,0,N); e) SonnebornBerger [35] (0,0,N,N,0,N,N); f) Sorteio. 

Ora o artigo 31 nº 4 do RC da FPX tem outra redacção!

4. Se, numa competição colectiva em sistema suíço, duas ou mais equipas obtiverem o mesmo número de pontos e o regulamento da competição não indique de outro modo, a respectiva classificação final será determinada por aplicação sucessiva dos seguintes critérios

a) Resultado entre as equipas empatadas, desde que tenham jogado entre si [14]; b) Pontos de tabuleiro dos jogos entre as equipas empatadas, desde que tenham jogado entre si [1]; c) Pontos de tabuleiro [1]; d) Buchholz corrigido [37] (1,0,N,N,0,N); e) Buchholz completo [37] (0,0,N,N,0,N); f) Sonneborn-Berger [35] (0,0,N,N,0,N,N); g) Sorteio, se outro não for o critério determinado pelo regulamento da competição

Resumindo, segundo o regulamento da AXL é o Sporting que está em primeiro … só que o regulamento remete para o regulamento da FPX que tem outra redação, e segundo esse seria a equipa da Mata de Benfica a primeira classificada já que no confronto direto venceram o Sporting Clube de Portugal


http://www.chess-results.com/tnr173968.aspx?lan=10

Segundo consta esta situação caricata fica a dever-se à desatenção de quem preparou o regulamento que fez o tradicional “Chapa 4” Edit Copy Edit Past do regulamento anterior não tendo verificado que entretanto os regulamentos federativos mudaram!

Pode ser que a sorte ajude e as equipas não fiquem empatadas (falta uma ronda), assim ficava resolvido!!!

 

 

 Sexy Chess 135

 

 

 

 

Zé Bomba – Episódio 60

Esclarecendo duvidas sobre como preencher o Modelo 3 do IRS

 

Caros Amigos,

Teem-me chegado diversos emails e cartas onde solicitam minha colaboração para ajudar os nossos leitores no preenchimento do vulgarmente chamado IRS.

Selecionei alguns deles que achei que poderiam oferecer mais duvidas e que poderiam aplicar-se a vários contribuintes, se bem que a maioria dos leitores certamente que não terá nada a declarar, já que o ano de 2014 foi mais um para esquecer.

   

João Pipocas (Rio Maior)

Caro Zé Bomba, em Julho do ano passado estava eu num wc publico com as calças na mão, quando de repente fui abordado por trás, senti-me violado, mas como até gostei nem gritei muito … mas não é isto que interessa, o cavalheiro ao acabar o ato a que me sujeitou deixou nas minhas costas uma nota de 50€, como declarar este rendimento?


Cara João Pipoca, tratando-se de um Ato Isolado deverá preencher o anexo B da Modelo 3 assinalar esse campo conjuntamente com Rendimentos Profissionais caso sinta que poderá vir a fazer profissão desta atividade, ou Rendimento Agrícola caso considere que alguns destes nomes possam ter estado incluídos no ato (Vaca, Tomates, Alface etc.)

Caso ache que este não foi um Ato Isolado ou que pelo prazer que sentiu o fará mais vezes, aconselho-o a abrir atividade com o código 6969 Atividades Wi

 

 

Paulo Piçov (Caldas da Rainha)

Viva Zé Pummmm, Aluguei dois quartos da minha casa a duas estudantes, o combinado foi que ambas teriam acesso a toda a casa, água, luz, gás, etc. etc. e não me pagariam nada, em troca ás 2ª feiras durmo com a Cátia, á 4ª feira durmo com a Vanessa e á 6ª feira com as duas.

Um amigo meu disse-me que deveria que passar recibo de rendimentos prediais e referir que foram recebidos em espécie, por sua vez as meninas inscreveriam a despesa no campo das despesas de educação.


Viva Caro Leitor, esta é uma situação grave!

Eu como bom cidadão serei obrigado a denunciar este ato á minha repartição de finanças, a menos que o Sr. me prometa não reiterar nessa situação. Para fazer prova efetiva do seu compromisso, por favor queira informar a Sr.ª Cátia e a Sr.ª Vanessa de que a minha casa tem piscina e de que ainda dispõe de uma boa rede de transportes para a universidade. Passo recibo como explicador ato que também farei 3 vezes por semana!

    

Rita Mocas (Leiria)

Lindo Zé Bomba, solicito a sua ajuda por favor.

Nas finanças sou considerada desempregada porque estou a receber subsidio de desemprego, isto porque depois de 12 meses de intenso trabalho, digo mesmo extrema dedicação á minha entidade patronal, e ele era tão giro …., fui trocada por uma rapariga de 20 anos, disse-me ele que era através de estagio profissional que ficava mais barata bla bla bla … nós sabemos como são os homens! Ora mas isto não interessa nada, estava eu a dizer que nenhuma mulher pode ser considerada desempregada tendo de tomar conta de um homem, é que os homens dão muito trabalho!

Assim sendo como preencher a minha declaração para as finanças?


Minha Linda Rita, efetivamente uma menina de 20 anos fica mais barata, vai menos vezes ao cabeleireiro, gasta menos dinheiro em cremes, e são muito mais funcionais …. Isto é doem-lhes menos a cabeça, vem com vontade de aprender etc. etc. pelo que tenho de concordar com a opção do seu patrão, homem com H grande já que lhe deu todas as condições para receber o subsidio de desemprego sobre uma actividade profissional não enquadrada na lei.

Como sempre, tirando esta excepção regressamos na 1ª Quarta-feira do Mês … sob o tema “O Concentrado de Montemor”, … até lá!

 

 

 

Resumo do comportamento dos jogadores da CPB na 2ª Divisão

 

Pedro Rodrigues vence nas Rápidas em Montemor

Mais uma vez a presença da CPB animou a vila de Montemor, 6 jogadores da CPB mais outros tantos de Montemor realizaram a já tradicional noite de rápidas no sistema de todos x todos a duas voltas, o estreante Pedro Rodrigues foi o vencedor. Desta vez o stock de cerveja não foi abaixo, motivo … cerveja quente não é connosco!

Agradecemos mais uma vez a hospitalidade demonstrada pelos jogadores da casa em particular pelo Sr. Carlos Mendes.

 
9.00 Ricardo Pais inicia a epopeia·                           9.40 Pedro Rodrigues entra a bordo
 
10.45 António Severino e Rui Batalha juntam-se à festa                             11.00 G Gaboleiro on board

13.00 André Pinto chega para a foto de família, vamos almoçar!!!


Domingo, dia de ressaca no xadrez, visita ao Castelo

Ricardo Pais x Pedro Rodrigues num braço de ferro com regras especificas

Ainda há mais …. Vamos publicando!

 

A Dark Horse chega aos cinemas europeus

O filme é baseado na história verdadeira; Potini era um treinador de xadrez excêntrico, mas excelente de descendência Maori que lutou contra o transtorno bipolar e faleceu em 2011. Ao treinar as crianças, ele esperava para dar-lhes um enfoque positivo na vida e dissuadi-los de se envolver em gangues e crime.

"Sem dúvida, o filme de xadrez com temática melhor de sempre", escreveu Ian Rogers GM sobre  The Dark Horse , um filme sobre a coragem e esperança (e xadrez!) que está jogando atualmente nos cinemas europeus.

O filme foi lançado 31 de Julho de 2014 na Nova Zelândia e ganhou vários prémios já:
Melhor Filme, Melhor Diretor, Melhor Roteirista, Melhor Ator, Melhor Ator Coadjuvante e Melhor Trilha Sonora em 2015 New Zealand Film Awards.

O segundo lugar no Prémio do Público de Melhor Filme no Festival de Cinema de Palm Springs. 

O primeiro lugar no Prémio do Público de Melhor Filme no 2015 Internacional Film Festival Rotterdam.

 

http://khantymansiysk2015.fide.com/

 

Ugra Chess Academy

 

Tomashevsky, Caruana e Nakamura “3 Galos para 2 Poleiros”

Após a quarta e última etapa do Grand Prix 2014/2015, a disputar em Khanty-Mansiyk na Rússia ficaremos a saber quais os dois jogadores que serão classificados por esta via para o Torneio de Candidatos de 2016.

Por sua vez o vencedor deste Torneio de Candidatos desafiará também em 2016 o atual campeão mundial Carlsen Magnus.

O Torneio de Candidatos será disputado no sistema de todos x todos a duas voltas entre 8 jogadores.

  • Um deles será Anand (Derrotado no último Match)
  • Dois serão via “Grand Prix”
  • Dois via Taça do Mundo de 2015
  • Dois via classificação elo
  • Um por escolha do organizador

 

É verdade que ainda quase todos se poderão qualificar … Giri ainda parece demasiado novo para poder vencer um torneio desta envergadura, Grischuk um dos “2800” precisa de fazer praticamente um torneio perfeito, Karjakin padece do mesmo “mal” de Giri, Jakovenko obteve um excelente 2º lugar mas acreditamos que tenha sido o “pico” da sua performance, Gelfand venceu a primeira etapa, conseguirá brilhar de novo ou a partir de agora é a fase descendente da carreira?

 

 

A Arte dos Tabuleiros de Xadrez 147

 

Xadrez Russo

Xadrez Peças de Origami

Xadrez Madeira Recortada

 

 

 

Guilherme Gaboleiro e Ricardo Pais no “Quatro” do ano da 2ª Divisão – Série B 

   

 

Os jogadores que mais pontuaram durante o campeonato

 

   

 

Os jogadores que mais pontuaram no seu respetivo tabuleiro

“Medalha de Bronze” para André Pinto!

“Medalha de Prata” para Guilherme Gaboleiro!!

“Medalha de Ouro” para Ricardo Pais!!!
Suplantando o 3º lugar da época passada

 

Maiores Subidas e Descidas de rating

Manuel Rocha (GXP Alverca 1798)

+35

Hugo Gomes (AA Coimbra 1663)

+33

João Cruz (CX Montemor 1737)

+31

 

 

Miguel Barriga (Casa do Xadrez 1919)

-34

António Ferreira (A Figueirense 2183)

-25

João Carvalho (CCT Novas 1776) 

-23

Continuaremos nos próximos tempos a comentar a 2ª Divisão Zona Centro

… com fotos exclusivas entre outros assuntos a comentar!

 

Fabiano Caruana deixa Itália e passa a representar os EUA

 

https://twitter.com/FabianoCaruana

"Estou absolutamente encantado por estar representando os Estados Unidos novamente e trabalhando com o clube de xadrez e Scholastic Centro de Saint Louis," 

Caruana nasceu em Miami, Florida, mas é de ascendência italiana.  Com dupla cidadania, ele poderia escolher uma das duas federações para jogar, e na última década representou a Itália.

"Quero aproveitar esta oportunidade para manifestar o meu apreço e gratidão pelo apoio dado ao longo dos últimos dez anos pela Federação de Xadrez italiana. Desejo-lhes tudo de melhor para o futuro ", finalizou Caruana no comunicado de imprensa.

 

 

3ª Divisão – Série D

SOM Repescado!

Saiu a “Sorte Grande” aos Marinhenses, a equipa principal do GX de São Marcos A desceu à 3ª divisão nacional o que obriga a equipa “B” a descer aos distritais, uma decepção para os próprios depois de uma época brilhante com a sorte grande da repescagem a sair ao SOM … sorte de uns azares de outros!

Esta repescagem poderá não acontecer caso por exemplo exista alguma desistência na 2ª Divisão – Série C que recupere a equipa “A” de São Marcos e aí o SOM já não seria repescado.
Obrigado Carlos Marques!

Na 6ª Ronda o ATV empatou face ao 2º classificado dando um passo importante rumo à manutenção, a AX Benedita ganhou ao GC Odivelas em jogo chave, o SOM perdeu naturalmente face aos lideres do grupo e São Martinho do Porto venceu a equipa dos Corvos do Lis colocando-se a salvo num jogo onde ambas as equipas deram falta de comparência no quarto tabuleiro.

Ronda 7 e os vencedores da série alcançam o pleno com 7-0-0; ATV vence São Martinho e coloca-se a salvo de quaisquer complicações matemáticas se é que as havia; GC Odivelas vence o segundo classificado no único resultado possível para evitar a despromoção (foi necessário chamar Ana Baptista) e a fava a sair ao SOM que dependia dele próprio mas que perdeu mais um derby distrital para a equipa da Benedita que assim se salvou e ainda atingiu o pódio.

Alberto Negrão (Corvos do Lis +43), Eurico Fonseca (AX Benedita +66) Tomás Oliveira (AX Benedita +60) foram os grandes destaques do distrito.

Com as duas equipas do Bombarral a alcançarem a manutenção na segunda divisão, com a manutenção na 3ª divisão de AX Benedita, XM de S. Martinho do Porto, SOM, e Louriçal e com a descida da equipa dos Corvos do Lis que supomos seja substituída pela Associação Tabuleiro de Cores … foi apenas uma época mediana para o distrito.

 

 

 Sexy Chess 134

 

 

 

 

Série B – 7ª Jornada

10-05-2015 (Domingo)

Assembleia Figueirense 3,5 – 0,5 C. X. Montemor-o-Velho “B”
G. X. Peões de Alverca 2,0 – 2,0 A. Académica de Coimbra “B”
Casa do Povo do Bombarral 2,0 – 2,0 Academia de X. Bombarral
Cine Clube de Torres Novas 2,5 – 1,5 Casa do Xadrez de Alpiarça

 

Alverca e Montemor descem de divisão!

Assembleia Figueirense atinge pódio, …

  

Assembleia Figueirense   3,5-0,5   Circulo de X. Montemor-o-Velho "B"
Fernando Ribeiro 2292 1-0 1934 Pedro Cardoso
António Ferreira 2183 1-0 1826 João Saltão
Paulo Felizes 2055 0,5-0,5 1794 João Maduro
Miguel Babo 1848 1-0 1676 Carlos Mendes

A equipa da Figueira da Foz vestiu o seu melhor fato para este jogo decisivo e não deu quaisquer hipótese á equipa local que assim diz adeus à 2ª divisão nacional, caindo apenas na ultima ronda e não conseguindo fugir aos prognósticos feitos no inicio da época.

Fruto da imposição da derrota na véspera aos estudantes, os Figueirenses ainda conseguiram não só a manutenção como o melhor desempate para atingirem o pódio!

Destaque para: A manutenção e com pódio de uns e para a descida de outros

Grupo de Xadrez Peões de Alverca   2,0-2,0   Associação Académica de Coimbra "B"
António Vítor 2409 1-0 1967 César Domingues
Cláudio Guimarães 1945 0,5-0,5 1905 Miguel Fernandes
Manuel Rocha 1798 0,5-0,5 1944 Dominic Cross
Carlos Campos 1639 0-1 1915 João Sousa

Os estudantes não conseguiram segurar a 3ª posição do pódio e empurram os Alverquenses para a 3ª divisão nacional… um resultado que não interessou a ambos já que a Académica não desceria.

Face aos surpreendentes resultados registados na última ronda os Alverquenses foram os grandes prejudicados pela conjugação nefasta dos resultados … dependiam deles próprios mas não conseguiram triunfar … fazemos votos para um rápido regresso, quiçá a uma repescagem desta equipa constituída por gente simpática e de valor.

Destaques para: Aos Alverquenses saiu a fava.

Cine Clube de Torres Novas   2,5-1,5   Casa do Xadrez de Alpiarça
Paulo Costa 2110 0,5-0,5 2004 António Vinagre
António Reis 1840 0,5-0,5 2007 Victor Ferreira
João Carvalho 1776 0,5-0,5 1932 Carlos Nascimento
José Dias 1637 1-0 1919 Miguel Barriga

Aqui está surpresa da ronda ou talvez não … a equipa de Alpiarça jogou descomprimida e sem qualquer obrigação de pontuar, estreando Miguel Barriga na competição e acabou por perder a invencibilidade.

Para os “Cineastas” só a vitória interessava e acabaram por conseguira depois de três empates nas primeiras três mesas foi José Dias o “Herói” da manutenção!

Destaque para: A manutenção conseguida pelos “Cineastas” in estremis no derby

 

Classificação – 2ª Divisão – Série B

2ª Divisão - Série B - 2014/2015       Pontos Pontos    
Clubes Vitórias Empates Derrotas a favor contra Sessões Pontos

Casa do Xadrez de Alpiarça

5 1 1 17,5 10,5 7 18

Casa do Povo do Bombarral

3 3 1 18,0 10,0 7 16

Assembleia Figueirense

3 1 3 14,0 14,0 7 14

Associação Académica de Coimbra “B”

1 5 1 14,0 14,0 7 14

Academia de Xadrez do Bombarral

1 4 2 12,0 16,0 7 13

Cine Clube de Torres Novas

2 2 3 13,0 15,0 7 13

Grupo de Xadrez "Peões de Alverca"

2 2 3 13,0 15,0 7 13

Clube de X. Montemor - o - Velho “B

2 0 5 10,5 17,5 7 11

 

Primeiro empate nos derbys salvou a Academia da Descida!

 CPB (3-1-2) AXB

      

Casa do Povo do Bombarral           2,0 - 2,0      Academia de Xadrez do Bombarral

André Pinto (1994) Pedro Rodrigues (2011) Guilherme Gaboleiro (1965) Ricardo Pais (1872)
0,5 0 1 0,5
Ucha Outerelo (2182) Daniel Bray (2147) Fernando Silva (1672) José Bray (1882)
4,80 -6,40 3,00 0,20

 

“ O Filme do Jogo”

14.45 Horas

Mais um derby mais uma história, desta vez a CPB segue e terminará num tranquilíssimo segundo lugar da tabela, enquanto que a Academia terá de fazer pela vida se não quiser descer ao terceiro escalão nacional da modalidade.

Em relação à véspera na equipa da CPB duas novas convocatórias, Rui Batalha e Ricardo Pais … Rui Batalha prefere ficar de fora, entra Ricardo Pais e sai António Severino que tão boa conta deu de si na véspera.

Na equipa da AXB aí esta o melhor fato da época, Ucha é chamado para salvar a AXB!

 “El Capitan” Rui Batalha e António Severino assistem!

 

15 Horas
Já são conhecidas as constituições das equipas:

Na Mesa 1
André Pinto de Brancas defrontará o espanhol Ucha, quase 200 pontos de diferença dão favoritismo ao espanhol … mas alguém terá de pagar pelo que aconteceu na véspera …

Na Mesa 2
Pedro Rodrigues também não será nada favorito frente a Daniel Bray, rating e cores dão favoritismo ao jogador da Academia. Ambos brilharam na véspera!

Na Mesa 3
Guilherme Gaboleiro de Brancas é claramente favorito, também aqui espera-se que seja cobrada a fatura da véspera… mas não será fácil.

Na mesa 4
Ricardo Pais de Pretas defrontará José Bray, rating e cores darão uma ligeiríssima vantagem para o jogador da Academia.

Alteramos assim a previsão inicial favorável à CPB de 40-30-30 para 30-30-40 favorável á AXB

 

17.00 Horas

André Pinto parece melhor mas propõe empate face ao Espanhol, não deixará de ser um bom resultado para atenuar o de véspera, tempo de regressar mais cedo a casa e de recuperar algum rating, o jogo “é a feijões” … empate aceite é o (0,5-0,5)

18.00 Horas

Pedro Rodrigues tenta suster Daniel Bray, Ricardo Pais tenta fazer o mesmo face a José Bray e Guilherme Gaboleiro esta igual, terá de inventar para tentar ganhar, não está fácil a vida para a CPB.

18.30 Horas

Peões iguais, final de Bispos de cor contrária … nada a fazer apesar da insistência de ambos os jogadores que tentaram vários caminhos para a vitória, é acordado o empate entre Ricardo Pais e José Bray é o (1,0-1,0)

18.45 Horas

Pedro Rodrigues deteriora a sua posição quiçá mesmo de forma irremediável, GG não encontra nenhuma chave para entrar no castelo adversário.

19.00 Horas

Pedro está perdido mas não desiste!
Guilherme Gaboleiro vai ter de inventar … só a vitória interessa!

19.15 Horas

GGG insiste, volta a insistir e triunfa, mai nada!!! É o (2,0-1,0) e a CPB já não perde!!!

19.20 Horas

Pedro abandona, não havia nada a fazer, lutou com bravura à CPB! É o (2,0-2,0)

O empate nada acrescenta à classificação da CPB, apenas confirma a melhor época realizada em relação ao seu rival, já para a Academia o empate salvou a época, a derrota colocaria a Academia na terceira divisão nacional.

Curiosamente a Academia de Xadrez do Bombarral consegue alcançar a manutenção sendo a segunda equipa com menos pontos de tabuleiro e a única que apenas venceu por uma vez!

Ficam aqui dados os nossos parabéns para o clube rival e para os jogadores do seu plantel por terem alcançado os seus objetivos

Já a CPB foi curiosamente a equipa com mais pontos de tabuleiro e aquela que menos pontos cedeu, terminando destacadíssima na segunda posição

Ps: Horas não obrigatoriamente correctas, apenas dão uma ideia do desenrolar dos acontecimentos

Continuaremos nos próximos tempos a comentar a 2ª Divisão Zona Centro

 

3ª Divisão – Série D

Correu muito mal para o distrito, o SOM obteve a sua terceira despromoção consecutiva e a equipa dos Corvos do Lis terminou em ultimo lugar … fazemos votos para um rápido regresso, estamos crentes que serão repescados, voltaremos brevemente ao tema.

Benedita, Torres Vedras, São Martinho do Porto e Louriçal a salvo!!!

 

 

Sem título 

Série B – 6ª Jornada

09-05-2015 (Sábado)
             

C. X. Montemor-o-Velho “B” 3,0 – 2,0 Cine Clube de Torres Novas
Casa do Xadrez de Alpiarça 2,5 – 1,5 Casa do Povo do Bombarral
Academia de X. Bombarral 2,0 – 2,0 G. X. Peões de Alverca
A. Académica de Coimbra “B” 1,5 – 2,5 Assembleia Figueirense

 

Casa do Xadrez sobe à Primeira Divisão!!!

No jogo da época a Casa do Xadrez assegurou a vitória na série vencendo assim incontestavelmente a mesma. A CPB assegurou também o segundo lugar, a AA Coimbra cedeu pela primeira vez e todas as restantes equipas poderão vir a descer … rodada final de nervos para 5 equipas!

Círculo de X. Montemor-o-Velho "B"   3,0-1,0   Cine Clube de Torres Novas
Pedro Cardoso 1934 1-0 2110 Paulo Costa
João Saltão 1826 0,5-0,5 1840 António Reis
João Cruz 1737 1-0 1776 João Carvalho
Carlos Mendes 1676 0,5-0,5 1637 José Dias

Os locais ainda não se quiseram despedir da 2ª divisão e convidaram agora os “Cineastas” para descerem em conjunto … ambos isolados no último lugar da tabela.

Alguma destas equipas se safará? Ou desceram as duas?

Destaque para: Pedro Cardoso leva Montemor a acreditar!

Academia de Xadrez do Bombarral   2,0-2,0   Grupo de Xadrez Peões de Alverca
Daniel Bray 2147 1-0 2409 António Vítor
Fernando Silva 1672 0-1 1945 Cláudio Guimarães
José Bray 1882 0-1 1798 Manuel Rocha
Carlos Baptista 1534 1-0 1639 Carlos Campos

Ponto conveniente para ambas as equipas que vão assim para a última ronda aflitas mas com todas as chances de permanência e fora dos dois últimos lugares provisórios.

Destaque para: Daniel Bray vence Mestre Internacional!

Associação Académica de Coimbra "B"   1,5-2,5   Assembleia Figueirense
César Domingues 1967 0-1 2292 Fernando Ribeiro
Miguel Fernandes 1905 0-1 2183 António Ferreira
Dominic Cross 1944 0,5-0,5 2055 Paulo Felizes
João Sousa 1915 1-0 1828 João Marques

Os “Estudantes” perderam a invencibilidade e deverão estar a salvo da descida, os Figueirenses tiraram a corda da garganta e vão agora para a última ronda com todas as chances de manutenção.

Destaque para: A perda da invencibilidade dos estudantes

 

Classificação – 2ª Divisão – Série B

2ª Divisão - Série B - 2014/2015       Pontos Pontos    
Clubes Vitórias Empates Derrotas a favor contra Sessões Pontos
Casa do Xadrez de Alpiarça 5 1 0 16,0 8,0 6 17
Casa do Povo do Bombarral 3 2 1 16,0 8,0 6 14
Associação Académica de Coimbra “B” 1 4 1 12,0 12,0 6 12
Grupo de Xadrez "Peões de Alverca" 2 1 3 11,0 13,0 6 11
Academia de Xadrez do Bombarral 1 3 2 10,0 14,0 6 11
Assembleia Figueirense 2 1 3 10,5 13,5 6 11
Clube de X. Montemor - o - Velho “B 2 0 4 10,0 14,0 6 10
Cine Clube de Torres Novas 1 2 3 10,5 13,5 6 10

 

Acabou o sonho …

index_clip_image016   mudar-para-2ªPSDrouxo[1]   cpbombarral  simbolo

       Casa do Xadrez                     2,5 – 1,5               Casa do Povo do Bombarral

seq 008 SAM_3896 DSC02920 2015032323250700
André Pinto (1994) António Severino (1846) Pedro Rodrigues (2011) Guilherme Gaboleiro (1965)
0 0,5 1 0
António Vinagre (2004) Victor Ferreira (2007) C. Nascimento (1932) Pedro Diogo (1954)
-9,80 4,20 7,80 -10,40

 

472819-Filmes-para-dar-de-presente-no-Dia-dos-Pais-1

“ O Filme do Jogo”

14.45 Horas

Ai esta o jogo do ano a poucos minutos do seu começo

CPB e Casa do Xadrez queixam-se da pouca luz na sala de jogo, outros encontros estarão melhores, a luminosidade está longe de ser uniforme em toda a sala de jogo …. Este por sinal o mais importante da ronda fica á “Média Luz”.

Casa do Xadrez e CPB mandam também trocar os tabuleiros, as desgastadissimas peças pretas confundem-se com as peças brancas, e se juntarmos o facto de ser à média luz … pior!

Preferem jogar em tabuleiros de plástico!

Já são conhecidas as equipas, táticas ao rubro!!!

A Casa do Xadrez aposta todas as “fichas” no primeiro tabuleiro, caso António Vinagre volte a não perder e caso vençam como se espera no 2º tabuleiro bastará mais meio ponto no 3º ou 4º tabuleiro.

A CPB faz fé que o seu primeiro tabuleiro vença ou empate, e aposta forte nos tabuleiros inferiores.

15.00 Horas

Na Mesa 1
André Pinto jogará de Pretas frente a António Vinagre
Jogo de tripla, as cotações são semelhantes, ao facto do jogador da Casa do Xadrez jogar de brancas e de ter vencido André Pinto na época passada, o jogador da CPB contrapõe com o seu actual momento de forma … pode dar para qualquer lado (30-40-30)

Na Mesa 2
António Severino da Brancas defrontará Victor Ferreira
Claro favoritismo do jogador da Casa do Xadrez, o elemento mais forte da equipa da Casa do Xadrez defronta o elemento menos forte da CPB (dados do presente campeonato) … resta-nos esperar que o Mestre Severino a gozar de um excelente momento de forma possa ter um daqueles dias … (10-30-60)

Na Mesa 3
Pedro Rodrigues de Pretas defrontará Carlos Nascimento
Boa notícia para a CPB num tabuleiro onde se presumia ir encontrar Victor Ferreira, assim melhoram ligeiramente as possibilidades. A curta diferença de rating é atenuada pelas cores e pela falta de ritmo de Pedro Rodrigues (30-40-30)

Na Mesa 4
Guilherme Gaboleiro de Brancas defrontará Pedro Diogo
Outro tabuleiro onde as hipóteses parecem ter melhorado, ratings semelhantes mas Pedro Diogo não está rodado e GG esta invencível (40-30-30)

17.45 Horas

António Severino acorda empate com Vítor Ferreira, excelente começo para a CPB que anula o mais forte tabuleiro adversário naquele que era o jogo mais difícil da tarde!!! É o (0,5-0,5)

18.30 Horas

É o balde de água fria da tarde, Guilherme Gaboleiro perde para Pedro Diogo é o (0,5-1,5)
GG que protagonizou uma excelente época sem o qual a CPB não teria chegado a este jogo de sonho, cedeu.

Pedro Rodrigues parece igual e André Pinto está a sofrer … já se apela ai milagre!

18.45 Horas

André Pinto está com Rei e Torre contra Rei Torre e Cavalo, supomos que conseguirá segurar o empate.
Pedro Rodrigues força a posição.

19.00 Horas

André Pinto não conseguiu segurar a posição numa altura em que Pedro Rodrigues ganha vantagem, novo balde de água fria … lá se vai o 2-2 … é o (0,5-2,5).
Época soberba de André Pinto um dos causadores máximos da CPB estar a lutar pelo título acaba de ceder.

 

19.15 Horas

Pedro Rodrigues finaliza em grande estilo é o (1,5-2,5)

Está de parabéns toda a equipa pela soberba época realizada, amanhã não andaremos de calculadora na mão a ver se descemos ou não, será dia de derby sem pressão adicional.

Parabéns também à equipa da Casa do Xadrez, foi uma justa vencedora.

A quem parece ter saído a sorte grande com este resultado é à equipa de Torres Novas, agora a Casa do Xadrez não precisa sequer de pontuar na última ronda e os Cineastas precisam de vencer … Derby condicionado!

Ps: Horas não obrigatoriamente correctas, apenas dão uma ideia do desenrolar dos acontecimentos

 

 

 Sexy Chess 133

 

 

 

O Jogo da Subida – Parte 6

  

Encerramos hoje esta rubrica composta por seis capítulos. Dedicamos a mesma e as imagens que se seguem a todos os que fazem parte da CPB, aos familiares e amigos que torcem por nós e que foram compreensivos connosco durante esta época, permitindo que fosse possível podermos sonhar. Sabemos que foram os grandes prejudicados com a nossa ausência mas viram-nos certamente mais felizes.

Valeu a pena qualquer que seja o resultado final, obrigado a todos!

 

 

Zé Bomba – Episódio 59

Taça CPB

O episódio de hoje é dedicado à 6ª Taça da Associação de Xadrez de Leiria e pretende não só homenagear os vencedores como também poupar no futuro algum trabalho organizativo à Associação de Xadrez de Leiria.

Comecemos desta vez para variar pelo princípio, sim porque o final é sempre o mesmo e torna-se um pouco repetitivo e monótono falar sempre do mesmo, então vamos ao princípio.

A Taça ALX desta vez teve 4 participantes, aos três do costume juntou-se o clube organizador, ainda se colocaram algumas dúvidas sobre a sua participação, mas jogando em casa deve ter ajudado um bocadinho.

  

No discurso inicial o presidente da AXL Mário Canaverde fez votos para que desta vez a Taça fosse ganha por um clube diferente do habitual, para ver se os tradicionais vencedores paravam de se gabar, discurso esse virado sobretudo para a equipa da casa, o Sport Operário Marinhense … e não é que quase acertou em cheio? Esteve perto, pertíssimo mesmo, antes da primeira ronda o SOM mantinha-se na luta ex-quo com a CPB disputando taco a taco a competição. Não fosse a competição ter começado e os desejos do presidente ter-se-iam realizado!

Uma menção também muito especial e honrosa para o seccionista da equipa da casa, o Sr. Mário Carvalho por toda a organização e competência demonstrada na competição, o que fez com que a mesma decorresse normalmente.

Apenas surgiu um pequeno aparte sem importância, que foi protagonizado pelo mesmo ao questionar José Cavadas sobre qual o custo para o SOM de dar uma falta de comparência num dos tabuleiros na ultima ronda, refira-se por outras palavras … qual seria o custo da coima.

A Falta de comparência seria dada pelo próprio, segundo disse “porque já tinha feito dois jogos, era o suficiente…”

Zé Bomba quer manifestar aqui o total seu apoio ao receio demonstrado, e compreende a apreensão da presença ou não no último jogo, o adversário era de peso!

  

Achamos que ao invés da Taça da Associação de Xadrez de Leiria andar sempre a mudar de nome, deveria chamar-se Taça CPB em homenagem ao melhor clube do distrito. Também temos duvidas se a competição se devesse realmente realizar, ao invés da AXL andar a gastar dinheiro em troféus, homologação de provas, e em preencher fins de semana que poderiam servir para a pratica do xadrez, deveria comprar apenas um troféu, colocar o nome da CPB e entregar directamente o troféu.

Vêem, que é amigo? Sempre a pensar nas poupanças para o distrito!
Claro que a proposta não é inocente, o Sr. João Santos já se queixa de falta de espaço para colocar os troféus que a CPB vence.

 

TAÇA DAS ASSOCIAÇÕES – ACESSO CONDICIONADO

 

Pelo segundo ano consecutivo a CPB vai ser o representante da Associação de Xadrez de Leiria na Taça Nacional das Associações. Percebo que os nossos leitores estejam habituados aos Tri, aos Tetra e aos Penta e por isso se questionem do porquê de ser apenas pelo 2º ano consecutivo? … É que a prova é uma “Prova Bebé” vai ainda apenas na segunda edição.

Fica aqui uma questão com direito a uma T Shirt do Zé Bomba para o leitor que se aproximar mais nesta questão. O representante da AXL na Taça das Associações que não a CPB, estrear-se-á em que ano nesta prova, antes ou depois de 2025?

 

A Manta vai crescendo…


 

 Prémio “Diarreia Mental”

Em vez do habitual prémio “Beleza” que consta em muitos torneios para premiar o aspeto artístico de um jogo, hoje decidimos atribuir o prémio “Diarreia Mental” para relembrar aqui uma derrota de um pupilo meu na Taça AXL … não vou divulgar o nome do vencedor, mas não será difícil de adivinhar, só dois deles é que perderam. Não havendo nada de interessante para comentar em relação à disputa da prova temos de nos virar para outros assuntos!

 

Posição 1:
A posição típica de um jogador da CPB, ou seja a sair da abertura com material a mais e consequentemente ganho.

Posição 2:
Vou trocar as torres, dominar a coluna etc e tal

 

Posição 3:
Ok pá aceito a tua troca, sobreviver uns lances frente a um jogador da CPB já é um feito louvável.

Posição 4:
É pá!!! Levei um cheque, o melhor é fugir com o rei!
Df1+ Rg3 e Tc3 parece tranquilo … onde esta o WC?

 

Parabéns ao meu Pupilo Campeão

 

Até para o mês que vem… e que mês!

 

 

Derbys * Derbys * Derbys * Derbys * Derbys * Derbys * Derbys * Derbys * Derbys * Derbys

       

Derbys * Derbys * Derbys * Derbys * Derbys * Derbys * Derbys * Derbys * Derbys * Derbys

Um derby é sempre um derby, mais do que uma verdade de la palice é um jogo em que todos gostam de participar. Infelizmente nem todos os clubes poderão um dia experimentar a emoção, o prazer e a adrenalina de disputar um derby, muitas são as localidades ou regiões que não tem equipas suficientemente próximas para isso.

E se um derby distrital tem toda esta carga, um derby local tem tudo isto ao quadrado.

Do nosso ponto de vista estes são os dois derbys mais “quentinhos” da nossa série, sem desprimor para o distrito de Coimbra onde parece que a rivalidade não levanta tanta fervura.

Ambos os derbys estão marcados para a última ronda do campeonato nacional da 2ª divisão – Zona centro.

No derby do Distrito de Santarém a equipa dos “Cineastas” é quem tem dado nas vistos e tomado a liderança nos últimos anos, chegando mesmo a estar pertíssimo da 1ª divisão na época 20212/2013. Comandadas pelo MF Diogo Alho ainda estão presentes na Taça de Portugal mas o campeonato não lhes tem corrido de feição, estão a lutar pela sobrevivência no segundo escalão do xadrez nacional.

A equipa da Casa do Xadrez que desceu de divisão com o 7º lugar obtido na época passada acabou milagrosamente repescada, já todos sabíamos que tinha sido uma época atípica e muito abaixo do real valor da equipa, mas do repescamento à luta pela subida à primeira divisão nacional foi mesmo o passar do 8 ao 80, é certamente um dos momentos mais brilhantes do historial do clube.

Na época passada o resultado foi um curiosíssimo 2-2, e dizemos curiosíssimo por que foi obtido através de 4 empates, tendo todos os tabuleiros conseguido anularem-se mutuamente.

Derby é derby e este poderá marcar uma nova época de domínio distrital caso a Casa do Xadrez suba ao 1º escalão nacional, moeria certamente por dentro aos “Cineastas” terem de assistir aos seus rivais pela “TV”.

No derby Bombarralense assiste-se a mais um capitulo da história destes dois clubes, com uma rivalidade intensa tipo “Sporting x Benfica”

A CPB tem dominado claramente o distrito nos últimos anos, onde conquistou 14 dos 15 títulos distritais contra zero dos rivais. Na época 2011/2012 quando ambas lutavam pela subida de divisão ao segundo escalão nacional a CPB também defrontava a AXB na ultima ronda, a AXB estava preparava para fazer a festa em casa do rival com a sua imponente “Armada Espanhola” vieram 3 para defrontar a CBP!

Só que azar dos azares foi investimento para o “Galheiro” a CPB chegou á ultima ronda já com a subida assegurada e apresentou uma equipa composta pelos jogadores menos rodados nessa época, foi um momento de puro prazer que valeu mais do que uma vitória com os campeões a receberem o rival em sua casa em dia de festejar a subida, de estrear a sua bandeira e de observar o esforço financeiro feito pelo rival … em vão.

Para esta época temos um novo panorama, para já a AXB luta para não descer mas poderá chegar ao derby já com essa situação resolvida jogando sem pressão adicional.

Caso a CPB perca na véspera será possível à AXB ultrapassar os seus rivais mesmo na reta da meta o que certamente lhes daria um prazer extra, mas para isso terão também de vencer na véspera… o que poderá ser uma realidade já que as ultimas “off records” apontam para a vinda da “Armada Espanhola”.

O Panorama para a CPB é diferente, vêem-se involuntariamente na luta pela subida de divisão e já sem qualquer aflição na tabela. Caso vençam ou empatem na véspera deverão jogar certamente com o seu melhor 4 para tentarem alcançar uma inesperada subida de divisão, caso a equipa perca na véspera a CPB deverá fazer alinhar um 4 disponível fora dos habituais titulares.

Para a CPB a hipotética descida de divisão do rival não seria festejada, era má para a CPB, má porque se acabavam os intensos derbys e comentários ao longo da época, má porque existe sempre a possibilidade das equipas se defrontarem numa das três primeiras rondas evitando assim uma deslocação e os inerentes custos.

E para quem pergunta, acham que isto é justo para as restantes equipas?

A resposta é simples e já nos foi dada por outros, a CPB fará o que é o melhor para a sua equipa, e o melhor é manter todos os jogadores motivados, logo a jogarem e quantos mais melhor.

O “quatro“ que “entrar em campo” nestas circunstâncias ou em quaisquer outras jogará sempre para ganhar, nunca a CPB jogou de outra forma.

Resumindo aqui fica um provérbio popular muito atual em jeito de aviso à navegação:

“Quem vai para o Mar avia-se em terra!” … ou seja: dependam apenas de vós próprios e não estejam à espera de resultados alheios!

PS: Nada de comparações com criticas nossas anteriores, a diferença será que nós compareceremos e lutaremos pela vitória!

 

 

Open Internacional da Queima das Fitas 2015

http://www.chess-results.com/tnr157371.aspx?lan=10

 

André Pinto volta a somar!

Mais uma edição do clássico open Queima das Fitas de Coimbra, André Pinto, José Cavadas, José Lopes entre outros são já repetentes nesta prova e tem dados excelentes referencias sobre o open, desde a qualidade do torneio em si, às condições e ambiente do mesmo.

Chegou a estar inscrito mas desistiu posteriormente Rui Dâmaso, ele que iria certamente ser o centro das atenções do torneio, foi uma pena, o torneio seria mais prestigiado ainda e os fãs da modalidade gostariam de verificar a aproximação de Rui Dâmaso á “meta” dos 2500.

Kevin Spraggett foi o cabeça de cartaz mas não compareceu, Jorge Ferreira e Óscar Prado também não … demasiadas ausências face às expectativas iniciais.

Num total de 1.865€ de prémios com o 400€ para o 1º, 300€ para o segundo e 200€ para o terceiro entre outros. A Inscrição base era de 25€. A participação quase que atingiu o patamar dos 130 participantes, André Pinto (2030 – CP Bombarral) partiu na 24ª posição, menos se considerarmos as desistências e terminou em 19º.

André Pinto somou mais 19 pontos com 4-2-1, vitória para Dragan Paunovic (Croácia – GM – 2442), voltaremos ao tema para a semana.

 x

André Pinto (2030 – CP Bombarral) alcançou mais um feito histórico na sua carreira ao empatar frente ao Mestre Internacional Alemão Michael Hammes (MI – 2346 – A A Coimbra)

 

Russian Team Championship (2015) 

Alexei Shirov de regresso à elite dos 2700

http://www.chessgames.com/perl/chessgame?gid=1791147

 

 

 

2ª Divisão – Série B – Previsão 6ª Jornada

Ultima oportunidade para a equipa de Montemor!!!

Podia ser este o titulo de um qualquer comentário sobre a antevisão deste jogo, é disso mesmo que se trata, uma vitória e um empate neste concentrado devem ser insuficientes para a manutenção da equipa da casa, pelo que ou vencem ou dizem adeus à 2ª Divisão Nacional, não é dramático é apenas a realidade da competição.

Para os “Cineastas” é uma excelente oportunidade de carimbarem praticamente de vez a manutenção, mas podem nem precisar dos 3 pontos.

Casa do Xadrez e Casa do Povo do Bombarral vão disputar o jogo da época, simplesmente o jogo mais importante de todas as jornadas da série. Já foi praticamente tudo dito sobre este jogo em comentários anteriores, estão de parabéns as duas equipas pela excelente época que realizaram independentemente do resultado final, a verdade é que todas as equipas gostariam de ter chegado a ter esta oportunidade, bom jogo para todos!

Academia e Peões de Alverca disputam o jogo mais importante da jornada em questões de manutenção, quem vencer obtém a manutenção, quem perder fica em “maus lençóis” para a ronda final e por fim o empate aparentemente não salva ninguém mas será um forte contributo para a manutenção, beneficiará sobretudo a Academia.

Estudantes a salvo e em luta pelo pódio, não saberemos como irão encarar este concentrado, se aproveitam para rodar jogadores ou se lutam afincadamente pelo 2º e 3º lugares do pódio… fará toda a diferença para se poder antever algo com a mínima segurança.

Para a equipa da Figueira uma vitória carimbará quase por certo a manutenção, já que são nitidamente favoritos na última ronda face ao último classificado.

O empate também poderá servir a ambos, mas não é certo.

 

2ª Divisão – Série B – Previsão 7ª Jornada

Jogo dependente dos resultados da véspera, pode ser o jogo “da salvação” para a equipa local caso tenha vencido na véspera a equipa de Torres Novas, para os Figueirenses é certamente o tal “jogo da salvação”, só a vitória deverá interessar.

Mais um jogo muito dependente dos resultados do dia anterior, os Alverquenses muito provavelmente precisam de 1 vitória e 1 empate para assegurar a manutenção, pelo que este jogo será certamente decisivo.
Para a Académica será mais um jogo sem pressão adicional, pelo puro prazer do xadrez.

Derby Bombarralense!!!

Para a CPB caso tenham empatado ou vencido na véspera deverão disputar este derby na máxima força com vista á obtenção ou da subida ou de alguma escorregadela alheia …. Caso tenham perdido na véspera é muito provável que façam rodar os jogares menos utilizados.

Para a Academia este jogo também esta muito dependente do resultado do dia anterior, poderão estar a salvo e simplesmente quererem passar os rivais na tabela, ou poderão ter mesmo que pontuar para alcançarem a manutenção … imprevisível!

Se os três jogos anteriores estão dependentes dos resultados da véspera, este ainda mais … a Casa do Xadrez poderá sentar-se já campeã fazendo rodar a equipa, ou se tiver mesmo que vencer jogará certamente na máxima força.
Para os “Cineastas” a história é parecida, depende de precisarem ou não de pontuar para alcançarem a manutenção.

 

 

 Sexy Chess 132

 

 

 

CPB Triunfa na Benedita!

A Casa do Povo do Bombarral venceu o Torneio 25 de Abril realizado pela Associação Peão Cavalgante da Benedita com ponto e meio de vantagem sobre a concorrência.

A CPB liderou sempre a classificação conforme se pode verificar no quadro que se segue tendo decidido a vitória na 5ª Ronda onde foi perfeita fazendo 4 pontos enquanto que o seu perseguidor na tabela, a APC da Benedita fez 0 pontos.

    

   

  • André Pinto com 4-0-2 foi 4º classificado
  • Artur Bernardes com 4-0-2 foi 9º classificado
  • António Severino com 3-1-2 foi 10º classificado
  • Rui Batalha com 3-0-3 foi 14º classificado

 

Destaque para os sempre apetecíveis derbys internos:

  • Artur Bernardes 0-1 Rui Batalha
  • André Pinto 1-0 Artur Bernardes

Curiosamente Artur Bernardes perdeu os derbys e venceu toda a restante concorrência.

Entre 29 Participantes com vitória para Luís Ferreira (2132 – Clube EDP) com 5-1-0, seguido de Viktor Ulyanosvkyy (2346 – FC Barreirense) com 4-2-0 e a fechar o pódio Francisco Cavadas (1641 – APC Benedita) com 4-1-1.


2º Memorial Vugar Gashimov – Magnus Again!

https://shamkirchess.az/

 

Mais um para Magnus que subiu mais 13 pontos, tantos quantos Anand que ficou em 2º lugar.

 

 

 

Grand Prix da FIDE já tem concorrência!

Kasparov vai somando apoios…

(Vídeo só começa aos 8.35)

O Grand Chess Tour terá 8 dos 10 Top´s mundiais e será composto nesta primeira época por 3 provas onde os 8 estarão presentes, o 9º será divulgado em breve e o 10º será escolha de cada um dos organizadores da prova, variando em cada uma das 3 provas.

Os 8 nomes já conhecidos são:

Magnus Carlsen, Caruana, Nakamura, Anand, Topalov, Grischuk, Giri e Aronian

  • Noruega Chess 2015 – Stavanger, Noruega, 15 de Junho – 26 de Junho de 2015
  • Sinquefield Cup – Saint Louis, EUA, 21 de Agosto – 03 de Setembro de 2015
  • London Chess Classic – Londres, Inglaterra, 3 de Dezembro – 14 dez 2015

 

Taça “Amizade do Oeste”

      

Adiado para¨3 Outubro ás 15 horas em Torres Vedras

A CPB respondeu positivamente a mais um pedido de adiamento por parte do clube de Torres Vedras, fica assim adiado para 15 dias antes da 2ª Taça das Associações.

 

 

 

O Jogo da Subida – Parte 5

  

Parte 5… e cada vez mais nos aproximamos do grande jogo, hoje vamos especular sobre possíveis alternativas ao “Quatro Base” de ambas as equipas e ver quais os cenários que se colocam a ambas as equipas consoantes os resultados que obtiverem.

 

Tácticas para surpreender 

 

Estas são as alternativas mais credíveis aos “Quatros Base”.

Da parte da CPB com as ausências de Ricardo Evangelista e de Pedro Rodrigues (ambos no estrangeiro) e que pouco ou nada jogaram esta época, as alternativas ainda são algumas, não só pelo número de jogadores que compõem o plantel como pela forma como tem rodado os mesmos.

Na Tática 2 A CPB arriscaria o primeiro tabuleiro mas teria como contrapartida ter um segundo tabuleiro mais forte a capaz de discutir o jogo taco a taco.

Na Tática 3 o mesmo cenário da tática 2 mas arriscando também o tabuleiro 3 para tornar o tabuleiro 4 mais forte.

Na Tática 4 aproveitando o bom momento que Artur Bernardes atravessa expresso em resultados, o tabuleiro 2 ficaria muito mais forte e disputado taco a taco o tabuleiro 3 ficaria mais fraco e o tabuleiro 4 não deveria ficar em pior situação do que aquela em que já estava … algumas alternativas para refletir e aplicar caso beneficiem a equipa ou caso surja alguma indisponibilidade momentânea.

Para a equipa da Casa do Xadrez as alternativas são muito escassas, salvo algum impedimento de ultima hora a equipa deverá mesmo ser aquela que disputou todo o campeonato até agora. A única alternativa que nos parece viável e também utilizada esporadicamente a época passada, e que costuma também ser utilizada na Taça de Portugal por diversas vezes é a utilização de Pedro Diogo.

As consequências seriam um primeiro tabuleiro mais forte que teria jogo equilibrado face a André Pinto, recorde-se que na época passada António Vinagre derrotou André Pinto!

O segundo e terceiro tabuleiros seriam fortes onde quer que joguem, neste caso o 2º tabuleiro deveria ter franca vantagem sobre António Severino, no 3º tabuleiro o equilíbrio seria a nota dominante e o 4º tabuleiro ficaria aparentemente ligeiramente mais fraco, mas estamos a referir-nos a ficar mais fraco por comparação entre Carlos Nascimento e Pedro Diogo, esta mais fraco não significaria quase nada para a CPB já que o jogador tem jogo e cotação para se bater com qualquer 4º tabuleiro da CPB.

 

 

Cenários CPB

  • Se a CPB vencer por mais do que 2,5-1,5 bastará o empate na última ronda
  • Se a CPB vencer por 2,5-1,5 bastará o empate 2-2 caso a Casa do Xadrez não vença na última ronda por 4-0, se vencer por 4-0 não sabemos responder de momento quem subirá.
  • Se a CPB empatar terá de fazer melhor do que a Casa do Xadrez na última ronda, ou seja, se a CX perder terá a CPB de empatar, se a CX empatar terá a CPB de Ganhar, se a CX ganhar sagrar-se-á Campeã
  • Se a CPB perder ficará sem qualquer chance de alcançar o primeiro lugar da tabela.

Cenários Casa do Xadrez

  • Se a Casa do Xadrez vencer será Campeã a uma ronda do fim
  • Se a Casa do Xadrez empatar, terá na ultima ronda de fazer pelo menos igual ao que a CPB fizer, ou seja se a CPB perder pode a CX perder, se a CPB empatar poderá a CX empatar, se a CPB ganhar terá a CX de ganhar.
  • Se a Casa do Xadrez perder, depende dos números, mas terá de fazer melhor do que a CPB na última ronda, ou seja, se a CPB perder à CX poderá chegar o empate, se a CPB empatar poderá à CX bastar vencer, se a CPB vencer sagra-se Campeã.

Ao Cenário mais estranho não sabemos responder mas prometemos estudar a questão, que seria a CPB vencer por 2,5-1,5 e na ultima ronda empatar e a Casa do Xadrez ganhar por 4-0, ficariam ambas as equipas com 18 pontos e 19,00-9,00

 

 

2º Memorial Vugar Gashimov

https://shamkirchess.az/

É o Torneio do momento, com 10 jogadores no sistema de todos x todos a uma volta, ao fim de 6 rondas Magnus lidera a tabela e vai subindo mais 7,7 pontos

 

Magnus Carlsen vs Shakhriyar Mamedyarov

 

 

                   

Aqui fica o sorteio dos 1/8 de Final a realizar de forma concentrada em 2 locais diferentes, a 23 e 24 de Maio (1/4 Final).

Os jogos da Zona 1 serão realizados em São João da Madeira e da Zona 2 serão realizados em Torres Novas.

 

Mais fotos dos Campeões …

 

  

 

 Sexy Chess 131

 

 

 

Hoje é dia de Bandeira!!!

CPB – Penta Campeã da Taça A X Leiria

4º Triplete Consecutivo

14 Troféus em 15 possíveis!!!

    
Casa do Povo do Bombarral          (3,0 – 1,0)       A. Peão Cavalgante da Benedita
André Pinto (2030) António Severino (1849) Rui Batalha (1779) Ricardo Pais (1885)
1 1 0 1

Primeira Ronda, António Severino faz o 1-0, Ricardo Pais 2-0, André Pinto carimba a vitória e faz o 3-0, seguiu-se derrota de Rui Batalha 1-3.

A Equipa do Sport Operário Marinhense apontada como a mais forte concorrente a poder retirar algum protagonismo à CPB empata frente à equipa dos Corvos do Lis atrasando-se na luta pelo titulo e com este resultado a CPB é já líder isolada no final da primeira ronda.

André Pinto assinala novo recorde provisório de Elo, António Severino assina a sua sexta vitória consecutiva, Rui Batalha continua em queda, Ricardo Pais iguala o seu máximo histórico.

    
Casa do Povo do Bombarral           (3,0 – 1,0)       C. C. D. Corvos do Lis de Leiria
André Pinto (2030) António Severino (1849) Rui Batalha (1779) Ricardo Pais (1885)
1 1 1 0

Ricardo Pais perde é o 0-1 e a equipa fica em sentido, António Severino vence 1-1. André Pinto faz o 2-1 e a CPB já não perde, e por fim Rui Batalha carimba a vitória, segue a CPB com 2 em 2!

A equipa local do SOM é goleada pela Benedita 3,5-0,5 e com estes resultados até uma eventual derrota na última ronda poderá vir a dar o título à CPB.

André Pinto novo máximo, António Severino assina a sétima vitória consecutiva!

    
Casa do Povo do Bombarral           (3,5 – 0,5)             Sport Operário Marinhense
André Pinto (2030) António Severino (1849) Rui Batalha (1779) Ricardo Pais (1885)
1 1  0,5 1

André Pinto assina miniatura e faz o 1-0, Ricardo Pais faz o 2-0 e assegura o título, António Severino faz o 3-0 e Rui Batalha empata assinando a goleada 3,5-0,5.

No sempre apetecido clássico distrital a CPB demonstrou mais uma vez o porquê de estar a liderar o distrito em termos desportivos, conquistando nos últimos 5 anos 14 dos 15 troféus distritais em disputa!
A equipa dos Corvos do Lis venceu a Benedita por 2,5-1,5 e alcançam assim o 2º lugar da classificação.

Terceiro e último lugar do pódio com direito a troféu foi para a Benedita que colecciona mais um troféu, de fora do pódio ficaram os locais com o seu quarto lugar.

          

Classificação Final      
Casa do Povo do Bombarral 3-0-0 9 pontos 9,5 – 2,5
C. C. D. Corvos do Lis 1-1-1 6 pontos 5,5 – 6,5
A. P. Cavalgante da Benedita 1-0-2 5 pontos 6,0 – 6,0
Sport Operário Marinhense 0-1-2 4 pontos 3,0 – 9,0

 

Taça de Portugal 2014/2015

http://chess-results.com/tnr154973.aspx?lan=10&art=2&rd=2&wi=821

Algumas notas de destaque que vão para:

A Falta de Comparência dada pela equipa da AX Algarve que preferiu não arcar com a despesa de se deslocar a Montemor;

A Equipa da Casa do Xadrez foi eliminada, mas parece ter dado luta 1,5-2,5 com três dos habituais titulares em jogo e com nenhum deles a conseguir triunfar.

Um dos Históricos, o FC Barreirense foi eliminado não tendo apresentado nenhum dos habituais titulares

Os “Cineastas” são a única equipa da 2ª Divisão Série B que se mantém em prova, eliminado o anterior “carrasco” da CPB por claros 3-1

 

 

O Jogo da Subida – Parte 4

  

Parte 4 hoje deixamos aqui a título de curiosidade os únicos três jogos disputados entre ambas as equipas, foram 3 vitórias para a Casa do Xadrez, duas delas por goleada… grande “Borrego” terá a CPB de matar se quiser sonhar com a subida!

Outros “confrontos” existiram entre os jogadores, mas a equipa adversária na altura chamava-se Grupo de Xadrez de Santarém.

Vamos também dar uma vista de olhos pelas competições onde os clubes estão inseridos aparte da segunda divisão nacional.

Ambos os clubes estarão em competição neste fim-de-semana!

17/04/2010 – Campeonato Nacional da 3ª Divisão

http://www.xadrez64.com/resultados/245/4

18/01/2014 – Campeonato Nacional da 2ª Divisão

http://www.xadrez64.com/resultados/1513/1

22/02/2014 – Taça de Portugal

http://www.xadrez64.com/resultados/1536/2

 

O que resta da Época aos Clubes excluindo a Segunda Divisão

A época de ambos os clubes não se resume à segunda divisão nacional, ainda existem várias provas coletivas para disputar no ritmo clássico para ambas. Todas elas de segundo plano comparadas com a segunda divisão, mas não deixam de poder proporcionar importantes conquistas para as mesmas.

Enquanto que a Casa do Xadrez preparará este fim-de-semana o jogo da subida com a sua participação na Taça de Portugal, a CPB estará a disputar a Taça da Associação de Xadrez de Leiria.

 

37ª Taça de Portugal (18 de Abril)

A CPB participou mais uma vez na Taça de Portugal e mais uma vez foi o único clube do distrito que o fez. Foi eliminada logo na primeira ronda (1/32) pela equipa do Grupo de Xadrez de São Marcos (2ª Divisão – Zona Sul) por 1-3.

A equipa da Casa do Xadrez deslocou-se a Aveiro para defrontar a equipa “B” do Clube de Xadrez do Colégio Português e venceu por 3-1.

Seguem-se agora os dezasseis avos de final onde a Casa do Xadrez receberá a equipa primo divisionária da Mata de Benfica, certamente que será um excelente jogo de preparação para a segunda divisão nacional, com um nível de dificuldade elevadíssimo.

 

Taças Distritais (18 e 19 de Abril Taça A X Leiria)

A Casa do Xadrez não participou em qualquer prova distrital o ano passado fruto da má organização da Associação de Xadrez de Santarém que não realizou qualquer prova coletiva, provavelmente este ano será mais do mesmo … um distrito difícil de gerir e sem voz de comando.

A CPB disputará este fim-de-semana a 6ª Taça da Associação de Xadrez de Leiria, é o vencedor em título e tentará mais uma vez alcançar a Taça que permite o acesso direto à Taça Nacional das Associações.

 

Apuramento do Campeão Nacional da 2ª Divisão (15 e 16 de Agosto - Matosinhos)

Aqui apenas existirá lugar para uma, a vencedora da série.
A Tarefa não se avizinha nada fácil…

Na Zona Norte o Grupo de Xadrez 113 e Clube Recreativo de Estarreja lutam taco a taco pela subida de divisão, seguem ambos com 4-1-0 tendo empatado entre eles.
CR Estarreja diga-se de passagem é uma equipa por quem a CPB nutre especial simpatia, são clientes fiéis!

Na Zona Sul o Sporting é o grande favorito, é verdade que ainda terá de jogar frente ao segundo classificado mas só uma grande surpresa impedirá os Leões de conquistarem a subida de divisão. Serão também os destacadíssimos favoritos à conquista do título nacional de campeões nacionais da segunda divisão.

O segundo lugar nesta fase final será possível para ambas as equipas, mas partirão qualquer uma delas com expetativas do terceiro lugar caso seja o Grupo de Xadrez 113 a subir já que o seu 4 apresenta jogadores todos eles acima dos 2000.

 

2ª Taça Nacional das Associações (17 e 18 de Outubro – Local a definir)

E por fim a “nova” competição coletiva que ditará o encerramento da época 2014/2015.

A CPB conseguiu o apuramento para a primeira edição da prova, tendo ficado em 5º lugar entre seis clubes, num fim de semana bem passado que soube a prémio para os Bombarralenses pela boa época protagonizada, este fim de semana saberemos se conseguem o apuramento para a segunda edição da prova.

O Distrito de Santarém não participou na primeira edição da prova por não ter realizado a Taça Distrital, ficarão novamente de fora?

 

 

 Sexy Chess 130

  

  

 

 

 

 

       

Mestre António Severino sagrou-se Campeão Distrital sub 50
(Foto Jorge Barrento x António Severino)

 

VI TAÇA DISTRITAL DE EQUIPAS – ÉPOCA 2014-2015

           

A Taça AXL vai para a sua 6ª Edição, a CPB venceu as últimas cinco edições da prova, todas elas em ritmo clássico, a primeira edição da prova disputou-se no ritmo semi rápido sem a presença da CPB e foi conquistada por uma selecção da AX Leiria.

Como curiosidade o domínio distrital da CPB começou na época 2010/2011 num ano onde a equipa da Marinha Grande se sagrou campeã de semi rápidas e a CPB campeã de rápidas, no tira teimas disputado na sede do Sport Operário Marinhense a CPB venceu por 3-1 iniciando assim um domínio que já vai no quinto ano consecutivo qualquer que seja o desfecho da 6ª Taça AXL.

Esta prova poderá vir a proporcionar mais um triplete à CPB, seria o quarto consecutivo e a conquista do seu 14º título em 15 possíveis a nível distrital. Se tal não for possível a marca de 13 em 15 será certamente um recorde difícil de bater no futuro.

Mas se um triplete e mais uma Taça são fatores altamente motivantes, mais será o facto do vencedor ter direito a participar na 2ª Taça Nacional das Associações a disputar em Outubro entre todos os vencedores das Taças distritais.

Sabemos que não podemos ganhar sempre, mas também sabemos que lutaremos sempre pela vitória!

Via email a AXL informou de que estão inscritos os quatro clubes identificados como símbolo na parte superior deste texto, existindo apenas uma duvida em relação à participação da Academia de Xadrez do Bombarral.

  

Foi assim no ano passado…

 

Classificação Final

Casa do Povo do Bombarral

4-1-0 14 pontos 16,5-3,5

Academia de Xadrez do Bombarral

4-0-1 13 pontos 12,0-8,0

C. C. D. Corvos do Lis

2-1-2 10 pontos 9,0-11,0

X. M. S. Martinho do Porto

1-2-2 9 pontos 8,0-11,0

A. P. Cavalgante da Benedita

2-0-3 9 pontos 7,5- 11,5

Associação Tabuleiro de Cores

0-0-5 5 pontos 6,0-14,0

 

 

Aqui ficam mais umas fotos da nova Campeã do Mundo, desta feita as fotos da consagração. Também é interessante de verificar como é que uma miúda tão gira consegue ficar extremamente banal depois de horas extras num salão de cabeleireiro …

 

António Severino Campeão Distrital S 50

5 Vitórias em 5 jogos!!!

 

http://www.chess-results.com/tnr168733.aspx?lan=10

O Campeonato Distrital de Veteranos na categoria sub 50 teve este ano uma excelente participação, foram 10 os jogadores inscritos com a Academia de Xadrez do Bombarral a ser o clube com mais representantes, cinco aos quais somou mais dois na categoria sub 65.

Carlos Dias era o favorito (1860) seguido de perto por António Severino da Casa do Povo do Bombarral (1849), ambos com mais de 150 pontos de distância da concorrência, mas como se sabe as surpresas estão sempre ao virar da esquina.

António Severino começou por vencer Carlos Baptista (1515), seguiu-se o sempre difícil Jorge Barrento (1689), na terceira ronda Fernando Sena Silva (1676) que tem dado boa conta de si nos últimos anos, e na quarta ronda finalmente o embate frente a Carlos Dias (1860) quando seguiam ambos com 3-0-0, Severino jogou de pretas e venceu abrindo caminho para se sagrar campeão … última ronda contra Rui Feio (1677), bastaria o empate mas Severino decidiu fazer o pleno 5-0-0!!!

Para finalizar a cereja no topo do bolo, conquistou mais 29 pontos FIDE passando a cotar nos 1878!!!

João Santos e Ricardo Pais deram uma espreitadela nas obras de arte do Mestre.

Na categoria sub 65 apenas dois jogadores, José Bray (1880) 3-0 Rui Rogado (1637)

 

Escândalo no Campeonato dos Estados Unidos!

Mau Árbitro, Má conduta do jogador ou Maus regulamentos?

http://www.uschesschamps.com/

Jogava-se a nona ronda do campeonato dos Estados Unidos quando no jogo entre o GM Wesley Então e o GM Varuzhan Akobian, quando Akobian reclamou que Wesley Então estava a tomar notas numa folha de papel separada da panilha que estava debaixo da mesma, e que isso o perturbava distraindo-o. O árbitro avisou o jogador por duas vezes que este estava a violar as regras e avisou-o após a segunda infracção de que uma terceira violação desta regra resultaria em perda da partida. Wesley decidiu testar a paciência do árbitro… e o resultado foi o esperado o árbitro atribui-lhe a derrota neste jogo.

O jogador nascido nas Filipinas está no Top 10 Mundial e neste momento cai 18 pontos da 8ª para a 9ª posição.

Wesley seguia na 3ª posição a 1,5 pontos de Nakamura com 4-1-3 e Akobian (2622) seguia na 10ª posição entre 12 participantes com 1-4-3

(Foto não referente à questão mencionada)

Wesley Então (GM 2788 USA – nº 8 do Mundo – 21 Anos)

A discussão está ao rubro nos fóruns da net, todo o mundo tem algo para dizer

  • GM Varuzhan Akobian:
    "Eu nunca vi isso na minha vida... Eu sinto-me muito mal também, mas essas são as regras"
  • "Isso é exatamente o que disse Wesley, há três anos", "Ele sempre escreve notas para si mesmo. Nós dissemos a ele isso e que era contra as regras da FIDE... Discutimos esta questão, pelo menos uma dúzia de vezes. Ele tinha um sorriso na cara e pensou que ninguém vai reclamar sobre isto."
  • Natalia Pogonina:
    Existe mesmo uma regra sobre isto ser ilegal? Eu já vi muitos jogadores desenhar na folha de anotação, fazendo anotações de tempo, etc.
  • Parece claro que Wesley violou as regras - mas a punição não é proporcional ao crime. Existem outras sanções para além da derrota.
  • As regras do xadrez permitir o árbitro tomar outras acções do que a derrota = bom senso.
  • 12.2 O árbitro deverá agir no melhor interesse da competição." Bom senso”.
  • GM Naka:
    "Eu nunca vi ninguém ficar perdido por isso... Se Wesley foi avisado, então eu acho que é culpa sua"
  • A única maneira Akobian ia bater Wesley Então era fazê-lo perder, e é claro que ele está no comité de apelações também. Ele só está abusando de sua posição e de ser mesquinho.
  • Eu acho que se Então foi avisado, ele deveria ter parado. Mas eu acho que eles deveriam ter reduzido tempo do seu relógio, só para fazer uma declaração sobre o quão sério eles eram. Eu estou supondo que seria o critério do árbitro. Se ele perder contra um adversário inferior classificado (relativamente falando, é claro) não parece justo, e parece injusto para o público também.
  • Se ele recebeu tantos avisos como ele fez, eu não vejo o que o árbitro tinha escolha.
  • O árbitro deve ser executada de ser um árbitro durante um ano para perder alguém por tal razão trivial! E, doravante, nenhum membro de qualquer comissão devem ser autorizados a jogar no mesmo!
  • 8.1b A planilha deverá ser usada apenas para anotação dos lances, dos tempos dos relógios, oferta de empate, as questões relativas a um crédito e outros dados relevantes.  
    Então, definitivamente não estava escrevendo na ficha de pontuação, por isso, esta regra não violados.
  • Isso é estúpido. Todos devem se revoltar, trazendo pastéis para a mesa de xadrez. E Carlsen pode fazer desenhos de Mickey Mouse!


O jogo durou apenas 6 lances!

 

 

O Jogo da Subida – Parte 3

  

Parte 3 e vamos sair um bocadinho do xadrez praticado no tabuleiro, assunto a que regressaremos no próximo capítulo, para espreitarmos os sites de ambos os clubes e recordar o celebre (por maus motivos) Artigo 36º que transformou estes dois clubes em “Companheiros de Luta”.

 

Companheiros de luta contra o Artigo 36º

Ambas as equipas e os seus respetivos sites foram ferozes inimigos do Artigo 36º do regulamento de competições que obrigava literalmente os clubes a terem formação, a contornarem os regulamentos fabricando crianças ou …desciam de divisão, no máximo poderiam disputar a terceira e não poderiam subir, qualquer que fosse a classificação final… chegando-se ao ridículo de se saber qual a equipa que iria subir numa série, já que nessa mesma série existia apenas um único clube com formação e com o respetivo numero mínimo de jovens praticantes, ou seja, o campeonato seria uma farsa sendo indiferente a classificação final obtida.

Ruben Elias chegou na altura a questionar porque razão não se fazia um regulamento que obrigasse os clubes a terem jogadores com o cabelo pintado de Laranja!

E a verdade é que perante a passividade dos restantes clubes o regulamento passou e entrou em vigor … aí os clubes tomaram consciência do que tinham deixado passar e os protestos não se fizeram esperar.

Mas este tarde acordar teve como consequências a subida e descida de divisão de várias equipas fora do critério do mérito desportivo e competitivo … que sirva de exemplo para que no futuro sejamos todos mais céleres e eficazes na defesa do xadrez.

http://casadoxadrez.blogspot.pt/2010/02/52-campeonato-nacional-por-equipas.html

http://cpbombarral.comuv.com/artigos/zeBomba/01/zeBomba09.html

 

 

Vamos agora espreitar os sites…



O site da CPB e o site da Casa do Xadrez apresentam algumas diferenças mas o tema é comum, a paixão que nos move, o Xadrez!

No Site da CPB a grande maioria das reportagens exibidas são feitas por nós, mostram o nosso ponto de vista sobre os diversos temas, não deverá ser difícil constatar a paixão com que relatamos os nossos jogos, as nossas conquistas, e tudo o que envolve este fantástico grupo de amigos.

As entrevistas exclusivas vieram em momentos oportunos dar voz a quem nós achámos que tinha interesse para opinar, foi a nossa entrada “no mercado”, ou seja a forma encontrada para captar outros leitores.

Outro exclusivo do site é “Zé Bomba”, talvez o “Campeão de vendas” do site, gozão por natureza mostra um outro olhar sobre o xadrez e sobre outros temas. A fama pelos emails que nos chegam poderia ser compactada numa frase que também nos chegou … “…Todos querem ler mas ninguém quer dele fazer parte…”
O dia da publicação é normalmente o dia com mais visitantes, apesar de nem sempre publicado conforme anunciado, ou seja na primeira 4ª feira do mês.

Mas o site da CPB não pretendeu, não pretende, e o futuro a Deus pertence, ser um site distrital nem tão pouco nacional, pretende ser o diário da CPB feito por nós e para nós.

Por isso é raríssima a semana em que não sai qualquer notícia sobre a melhor equipa do mundo, no nosso site Nós somos a noticia!

http://casadoxadrez.blogspot.pt/

O Site da Casa do Xadrez é um site mais de cariz nacional do que “clubistico”, fora o escasso acompanhamento à equipa realizado na 2ª Divisão Nacional e na Taça de Portugal, são poucas as vezes em que o próprio clube é noticia em si mesmo.

Pela estratégia seguida, pela antiguidade do mesmo e pela sua qualidade, sem sabermos o número de visitantes acreditamos que dará goleada ao site da CBP.

Outra característica, quiçá mesmo a mais importante, é a de que o blog publica sempre qualquer coisa todos os dias, seja um simples edit copy edit past de uma tabela do chess results, seja uma imagem.

Ora este trabalho titânico deve ser louvado, é muito meritório alguém dedicar todos os dias uma parte do seu tempo ao xadrez, por isso mesmo a CPB entrevistou há tempos atrás o seu autor Miguel Barriga, que desde aí continuou e continuou e continuou a publicar, tal como as pilhas alcalinas, força Miguel!


http://cpbombarral.comuv.com/artigos/perguntas.html

No fundo tão diferentes e tão iguais que são estas duas equipas alicerçadas num grupo de amigos onde não é fácil entrar, equipas essas que partiram como candidatas à descida e que assinariam de cruz a manutenção, e que se vêem agora a disputar a subida ao primeiro escalão nacional.

Duas equipas históricas sem duvida!

 

 

 Sexy Chess 129

 

 

 

 

http://sochi2015.fide.com/

Muzychuk faz história aos 22 anos!

2,5 1,5
Mariya Muzychuk (2526 – Ucrânia)   Natalija Pogonina (2456 – Rússia)

A Nova Campeã do Mundo Mariya Muzychuk venceu o campeonato do mundo contra todas as expetativas, nem sequer se poderia pensar que a irmã mais nova do clã Muzy pudesse obter esta conquista antes da sua irmã Anna Muzychuk (2552 – 25 anos). Depois de um empate na primeira ronda com pretas, seguiu-se uma vitória com brancas, novo empate com pretas e por fim um tranquilo empate com brancas… Pogonina desta fez não conseguiu fazer a revirada que tanto a caracterizou neste campeonato.

Com a tenra idade de 22 anos não deixa de ser um feito ainda mais notável. Aguardam agora os adeptos da modalidade um salto evolutivo para sabermos se estará num futuro próximo ao nível de Hou Yifan (2686 a cotar em máximos) ou de Judit Polgar (2675 com o máximo de 2735).

 

* 

  

 

Taça “Amizade do Oeste”

      

10 Janeiro às 15 horas no Bombarral

2 Maio às 15 horas em Torres Vedras

A segunda mão desta amigável competição foi alterada de 25 de Abril para 2 de Maio a pedido de Carlos Marques para que a sua equipa pudesse estar presente no torneio de semi rápidas da Benedita, a CPB anuiu.

 

 

O Xadrez na Pintura 38

  

  

 

 

O Jogo da Subida – Parte 2

  

Hoje vamos dar uma vista de olhos sobre as equipas previsíveis, sem sabermos se serão estes os “Quatros” que serão apresentados, mas supondo e perspectivando pelo que ambas as equipas têm feito no decorrer desta época.

 

V

E

D

Elo

 

 

V

E

D

Elo

André Pinto

1994

3

1

0

30

António Luís

1842

2

1

2

29

António Severino

1846

2

0

2

8

António Vinagre

2004

2

1

1

-4

Guilherme Gaboleiro

1965

3

1

0

6

Vítor Ferreira

2007

3

2

0

12

Ricardo Pais

1872

3

1

0

17

Carlos Nascimento

1932

3

1

1

-1

Na equipa da Casa do Povo do Bombarral destaca-se:

  • Todos os jogadores estão a subir de cotação o que presume um bom momento de forma
  • O facto de existirem 3 jogadores ainda invencíveis no decorrer do campeonato
  • O ponto forte será André Pinto a 1º tabuleiro a subir 30 pontos
  • O ponto fraco será António Severino no 2º tabuleiro, imprevisível!

Na equipa da Casa do Xadrez de Alpiarça destaca-se:

  • Pouco preocupados em vencer por 4-0 ou 2,5-1,5 são muito pragmáticos, se a equipa vence abdicam rapidamente dos seus jogos selando a vitória independentemente das percas de rating individuais.
  • António Luís tem dado muito boa conta do recado a 1º tabuleiro com 50% e uma subida de 29 pontos.
  • O ponto forte será Vítor Ferreira o único invencível da equipa
  • A equipa não parece apresentar grandes pontos fracos, mas já se provou que é possível António Vinagre e Carlos Nascimento cederem.
  • Apesar da boa performance do primeiro tabuleiro não deixa de ser uma fraqueza na equipa.

Perspetivando os confrontos individuais e tendo em atenção o que se passou na época passada

Mesa 1
António Luís x André Pinto

A boa campanha de António Luís a primeiro tabuleiro e o facto de jogar de brancas atenuará a diferença de rating entre ambos os jogadores, mas André Pinto estará provavelmente a atravessar o seu melhor momento e é o destaque da equipa pelo que atribuímos favoritismo ao Bombarralense, apesar de se antever um confronto muito duro e que poderá vir a não ser ganho pelo Bombarralense 20-30-50

Mesa 2
António Severino x António Vinagre

Severino tem sido o ponto mais inconstante da equipa, a diferença de rating dá claro favoritismo ao jogador da Casa do Xadrez. Não serão obviamente favas contadas, Severino jogará para ganhar, com ele não existem empates, joga-se para ganhar, umas vezes ganha-se outras vezes perde-se. 30-20-50 Favorável ao jogador da Casa do Xadrez.

Mesa 3
Vítor Ferreira x Guilherme Gaboleiro

Vítor Ferreira é o grande destaque da equipa, tem mais elo fide e joga de brancas, por aqui seria justo dar um ligeiro ascendente ao jogador da Casa do Xadrez. Por outro lado Vítor Ferreira também já cedeu dois empates e Guilherme Gaboleiro está também ele invencível, a juntar a estes dados o confronto que se realizou na época passada que terminou em empate. Atribuímos assim tripla para este jogo 30-40-30.

Mesa 4
Ricardo Pais x Carlos Nascimento

Na memória ainda estará certamente o jogo da época passada, se é que se chegou a jogar, a “sova” foi tão grande que Ricardo Pais só não abandonou a partida e com miniatura por respeito aos seus colegas de equipa.

As cores deverão atenuar a diferença de rating e o favoritismo do experiente jogador da Casa do Xadrez, a invencibilidade do Bombarralense também deverá servir como atenuante mas também na época passada o Bombarralense só cedeu uma vez e foi neste jogo, pelo que atribuímos 20-30-50 Favorável ao jogador da Casa do Xadrez.

André Pinto 50 30 20 António Luís

1

António Severino 30 20 50 António Vinagre

2

Guilherme Gaboleiro 30 40 30 Vítor Ferreira

x

Ricardo Pais 20 30 50 Carlos Nascimento

2

 
  130 120 150  

 

 
CP Bombarral 1,5 x 2,5 Casa do Xadrez

 

CP Bombarral 30 30 40 Casa do Xadrez

 

Pelos resultados esperados a equipa de Alpiarça ganharia por 2,5-1,5

Pelos somatórios dos jogos individuais o equilíbrio deverá ser a nota dominante com ligeiro ascendente para o “Quatro” de Alpiarça com 30-30-40

… Vida difícil para as Cores Bombarralenses!!!

 

http://sochi2015.fide.com/

Final Inesperada dará ao Mundo uma Nova Campeã   

Mariya Muzychuk (2526 - Ucrânia)  3-5-2   Natalija Pogonina (2456 – Rússia)    5-2-3

 

Derby de Leste Rússia x Ucrânia, com a Rússia a jogar em casa. O Campeonato Mundial Feminino não tem o mesmo prestígio do que o campeonato do Mundo por vários motivos, o principal é que o campeão mundial engloba ambos os sexos, e outro é a forma de o conquistar. No campeonato Feminino as jogadoras tem de estar muito bem preparadas para os desempates semi rápidos, muito ou quase tudo neste torneio se decide nos desempates semi rápidos, o que não honra muito a modalidade. Apenas 2 jogos por eliminatória até chegar à final tem muito de sorte e não apresenta ao mundo a melhor jogadora do mundo mas sim a que melhor se adaptou a este modelo.

A nova campeã do mundo terá aqui o ponto mais importante da sua carreira, ainda longe muito longe do prestígio da Chinesa Hou Yifan que não estava para aqui virada.

  

Chegámos à final Muzychuk obteve dois empates face a Dronavalli seguiu-se desempate semi rápido com vitória por 2,5-1,5, foram necessários 4 jogos no desempate semi rápido, eliminando assim as duas mais fortes jogadoras Indianas e vingando-se da derrota imposta por Dronavalli no campeonato do mundo de 2010 também nos desempates, atingindo assim o ponto mais alto de toda a sua curta carreira, já que conta apenas com 22 anos.

    
A Gaffe de Dronavalli que permitiu o empate a Muzychuk no 3º jogo do desempate

 

Pogonina (30 anos) tem mostrado uma força mental fora de série, este por 3 vezes neste campeonato do mundo a perder por 0-1 e conseguiu reverter o encontro a seu favor eliminando as oponentes nos desempates semi rápidos, assim foi nestas meias-finais.

Já foi medalha de bronze nos campeonatos do mundo femininos juniores, em 2012 pela selecção sénior feminina foi campeã com 6-1-1 ganhando também a medalha de ouro individual pelo seu desempenho no tabuleiro 5, em 2014 novamente o ouro.

Não esta certamente entre o top 3 das jogadoras Russas, mas um título desta dimensão dar-lhe-ia o prestígio que nunca teve junto dos seus pares.

 

 

  

 

https://ratings.fide.com/topfed.phtml?ina=1&country=POR

#

Name

Title

Fed

Rating

G

B-Year

 1

 Dâmaso, Rui

 m

 POR

 2451

 11

 1968

 2

 Galego, Luís

 g

 POR

 2445

 13

 1966

 3

 Ferreira, Jorge Viterbo

 m

 POR

 2432

 11

 1994

 4

 Pereira, Ruben

 m

 POR

 2424

 0

 1991

 5

 Vítor, António

 f

 POR

 2411

 1

 1975

 6

 Dias, Paulo

 m

 POR

 2397

 3

 1979

 7

 Rocha, Sérgio

 m

 POR

 2387

 0

 1972

 8

 Fernandes, António

 g

 POR

 2369

 0

 1962

 9

 Santos, Luís

 m

 POR

 2342

 8

 1955

 10

 Frois, António

 m

 POR

 2327

 9

 1962

Rui Dâmaso já é o Português mais cotado do rating FIDE, ás recentes subidas do MI Luís Galego responde com quedas. Jorge Ferreira devagarinho mas lá vai ele a bater novo máximo. O MI do Barreirense vem acumulando subidas desde Julho de 2012 onde estancou as quedas nos 2365, o seu máximo é de 2463 obtido em Julho de 2006.

André Pinto entrou no Top 100 para o 99º lugar, Ricardo Evangelista não consta na lista dos jogadores activos, está em 82º considerando os jogadores inativos esta época.

 

 

Zé Bomba – Episódio 58

O Vinho no Bombarral anda alterado?

Esta é a notícia do momento, não existe canal televisivo público ou privado que não se questione sobre a performance dos Bombarralenses na presente época. Soube de fonte segura que a Casa do Xadrez exigiu à FPX o controlo anti doping para a 6ª ronda desta competição.

A Invencibilidade da equipa principal do Bombarral, do distrito e não sejamos modestos … do país, logo da Europa do mundo e do universo e arredores é um “case study” a nível mundial que estará a ser acompanhado muito de perto pelas grandes multinacionais farmacêuticas. Os mesmos jogadores, a mesma constituição fizeram a CPB na época passada andar a contar os pontinhos todos para permanecer e agora vêem-se a lutar por uma hipotética subida de divisão.

O segredo segundo consegui apurar esta na nova droga (leia-se composto químico) usada pelos jogadores da CPB dá pelo nome de EDEM, mais à frente revelarei em que consiste.

 

      

C. X. Montemor o Velho “B”       0,5 – 3,5              Casa do Povo do Bombarral

O grande destaque dos meus pupilos neste concentrado foi sem duvida nenhuma o GGG leia-se Grande Guilherme Gaboleiro.

A sua arte de fazer a diferença começou logo no primeiro jogo, ao mostrar-se compreensivo, diria mesmo que solidário para com a equipa adversária, eu também sou da opinião de que não se deve dar 4-0 a ninguém …bem a quase ninguém, J , e assim quis marcar a diferença neste encontro, nota-se em GGG ou G ao cubo como preferirem uma certa tendência para o protagonismo, para a diferença, como tal quis ser diferente a assinalou o único empate do encontro.

Também devo confessar que meti uma cunha neste parcial, repetir o título “Chapa 4” poderia vir a afugentar o próximo adversário, senão e qualquer dia não temos ninguém que queira jogar contra nós.

 

      

Cine Clube de Torres Novas        2,0 - 2,0          Casa do Povo do Bombarral

Mais um jogo e novamente a CPB sem perder, este EDEM resulta mesmo!!!

Não existe muito a dizer sobre este encontro a não ser claro … GGG … como não poderia deixar de ser, já estamos habituados, quando não se passa nada GGG gosta de assumir o protagonismo e ser o centro das atenções.

Mais uma vez, já tinha acontecido na célebre final da 3ª divisão entre estas mesmas equipas, cujo título se expõe com pompa e circunstancia na galeria de Taças da CPB, GGG chamou o Rei adversário para o centro do tabuleiro como quem diz …. Anda anda, “I have a surprise for you!” … e lá veio ele todo imponente e comilão, até que caiu para não levar mate em 1.

Aqui temos a destacar 2 factos:

  1. A Grande melhoria demonstrada pelo jogador de Torres Novas que defronta GGG, na final da 3ª divisão levou mesmo mate, enquanto que agora abandonou quando faltava um lance para levar mate. Ora pelo andar da carruagem prevê-se que em 2369 o adversário possa estar perto do empate.
  2. GG já foi avisado para não voltar a repetir a gracinha, qualquer dia a equipa do CCTN interpõe um requerimento junto da FPX para passar a jogar sem Rei no tabuleiro, e depois é que eu quero ver como é que vai ser!

 

  

Aqui está GG na pose típica (foto nº1) como que a dizer “Vês, eu bem te avisei para deixares o Rei quietinho”
Na foto nº 2 a usufruir do composto EDEM

Na foto 3 com a pose típica “Olha mais um engraçadinho que se vai sentar aqui à frente, a este vou comer-lhe o rei!”

 

EDEM = Estamos a Desfrutar este Momento!

  

Estamos a saborear a sensação de não ter de andar com calculadora atrás para sabermos se nos mantemos ou não, e por aí tudo bem?

Até para o mês que vem, provavelmente para gozarmos com nós próprios, calha a todos!

 

 

http://sochi2015.fide.com/

Dronavalli Harika (2492 - Índia) Mariya Muzychuk (2526 - Ucrânia)

 

D. Harika (2492 - Índia)

2-0 # 1-1 (1,5-0,5) # 1-1 (1,5-0,5) # 1,5-0,5

Passou tranquilamente a primeira ronda, na 2ª e 3ªs rondas teve de ir a desempates semi rápidos tendo eliminado uma ex campeã do mundo Alexandra Kosteniuk (2529 – Rússia).

Já obteve uma derrota frente a Kosteniuk, mas foi a única jogadora nos quartos de final a não precisar de desempate. Dizem os especialistas que ainda não está ao nível da sua compatriota Humpy Koneru, … mas continua em prova!

Mariya Muzychuk (2526 - Ucrânia)

1-1 (1,5-0,5) # 1-1 (2-0) # 1,5-0,5 # 1-1 (1,5-0,5)

A mais cotada candidata ao título mundial Humpy Koneru ia com o score de 6-0 (!!!) até que apanhou a Ucraniana, Mariya venceu o primeiro jogo e perdeu o segundo, desempate semi rápido e vitória por 1,5-0,5, nada esperado, consegue agora sair da “sombra” da irmã que foi eliminada nos Quartos de Final.

Nas duas primeiras rondas precisou de desempate semi rápido, tenho inclusive obtido uma derrota logo na primeira ronda, ronda 3 e elimina uma concorrente de peso, A. Stefanova e por fim a grande surpresa do campeonato… ninguém dá grande crédito a uma hipotética vitória da Ucraniana mas a verdade é que tem subido de forma de eliminatória para eliminatória.

 

Natalia Pogonina (2456 – Rússia) Pia Cramling (2495 – Suécia)

 

Natalia Pogonina (2456 – Rússia) 

1,5-0,5 # 1,5-0,5 # 1-1 (2-0) # 1-1(1,5-0,5)

Segura nas duas primeiras rondas, na terceira ronda teve de ir a desempate semi rápido depois de obter a sua primeira derrota numa eliminatória onde todas as jogadoras Russas foram eliminadas, excepto Pogonina, e por fim nova derrota e novo desempate face à fortíssima jogadora Chinesa Zhao Xue que acalentava a esperança dos Chineses em manterem o trono mundial feminino.

Dizem que a campeã sairá da outra meia-final … mas a Rússia une-se para recuperar o título!

Pia Cramling (2495 – Suécia)

2-0 # 1,5-0,5 # 1,5-0,5 # 1-1 (2,5-1,5)

Aqui está uma jogadora cujas casas de aposta a colocam em 4º, mas vejamos … brilhante nas três primeiras rondas, só nos Quartos de Final precisou de desempate semi rápido frente a Anna Muzychuk quando já a começavam a dar como finalista antecipada, a somar a isto é das quatro jogadoras a única que ainda não averbou qualquer derrota … está feita a apresentação!

Humpy Koneru (2581 - Índia) Anna Muzychuk (2552 - Ucrânia) Xue Zhao (2527 - China)

Outros nomes foram caindo ao longo da prova Antoaneta Stefanova (2522-Bulgária) nos 1/8 por M. Muzychuk (0,5-1,5), Anna Ushenina (2486 – Ucrânia) nos 1/16 frente a Marie Sebag (2482 – França) depois de dois empates, chegou tarde ao primeiro desempate semi rápido confundida pelas horas … tolerância Zero e no segundo jogo empatou, sendo assim eliminada, Ju Wenjun (2557 – China) e uma das potenciais vencedoras caiu logo nos 1/16 frente a Natalija Pogonina (2456 – Rússia) por (0,5-1,5) … entre outras estrelas nomeadamente as Russas. 

29 e 30 de Março Meias Finais 31 Break

Final 2,3,4 e 5 dia 6 para desempates rápidos

 


Lista Elo de Abril 2015

  

André Pinto fixa novo Máximo!!!

Com a subida de 16 pontos passa agora a cotar 2030 batendo o seu anterior recorde de 2022

  

Pedro Rodrigues fixa novo Máximo!!!

Mais 6 pontos e a passar para os 2017 batendo em 1 ponto o seu máximo histórico anterior.

  

Guilherme Gaboleiro em fase ascendente!

Somou mais 9 pontos na última lista passa agora a cotar 1982 quebrando o ciclo de descidas, vamos a novos máximos (2011)?

  

Ricardo Pais aproxima-se de máximos!

Mais 18 pontos obtidos e passa a cotar nos 1885, muito perto de bater o seu máximo nos 1888.

  

António Severino em ciclo ascendente!

Somou 5 pontos e passa agora para os 1849, ainda longe do seu máximo de 1901 mas mantém o ciclo de subidas.

   

Todos Juntos Somos a Força CPB!

      

Ricardo Evangelista segue inalterado nos 2129, Rui Batalha segue inalterado nos 1779, Paulo Constantino perdeu 2 pontos para os 1609, Artur Bernardes ainda não tem rating fide, tem o total de 7 jogos disputados, precisa de 9 e não sabemos se alguns já prescreveram...

 

 

Campeonato Nacional Feminino 2014/2015

http://www.chess-results.com/tnr161465.aspx?lan=10 

 

Nas rápidas (3m+2s) Margarida Coimbra sagrou-se campeã entre 22 participantes com Maria Inês Oliveira a não ir além de um 4º lugar.

Nas semi rápidas (15m+10s) foi Ana Meireles (1717) que se sagrou campeã, deixando Margarida Coimbra em 3º e Maria Inês Oliveira em 4º, entre 23 participantes.

Nas clássicas Mariana Silva (1735) é a favorita com os grandes nomes afastados da prova, leia-se as jogadoras tituladas e da selecção nacional, sendo assim provavelmente o campeonato mais fraco dos últimos anos.

 

 

II Azores International Chess Open

http://www.chess-results.com/tnr158696.aspx?lan=10

  

Mais um para Rui Dâmaso (2451) com 6-1-0, empate com o MI Luís Santos, somou mais 5 pontos passando a cotar nos 2456.

Luís Galego (2461) perderá 7 pontos na próxima lista passando para os 2454.

 

 

 Sexy Chess 128

 

   

 

 

 

O Concentrado da Benedita

Mais uma vez um clube do distrito apresentou a sua candidatura à disputa de uma jornada concentrada, a CPB fica mais uma vez grata à Associação Peão Cavalgante da Benedita pela disponibilidade demonstrada que beneficia logicamente os clubes do distrito.

As condições foram boas, mesas, cadeiras, peças, iluminação, barulhos exteriores, acesso ao WC etc, fica a comunidade xadrezista mais uma vez agradecida e em divida para com José Cavadas, a sua generosidade, disponibilidade e arte de bem receber fazem com que seja a Quilómetros luz de distância a grande figura do distrito leiriense no que diz respeito ao xadrez.

Por parte da FPX a simpatia e disponibilidade demonstrada por André Couto, a constante atualização via chess results e via facebook da FPX permitiu a todos os amantes da modalidade, familiares e amigos, acompanhar de perto e quase em tempo real o que se ia passando. Se existe algo inquestionável que esta direcção da FPX mudou é sem duvida a comunicação institucional para com os seus associados, estão neste campo obviamente de parabéns.

E por fim uma palavra para a equipa de arbitragem, apesar dos poucos ou nenhuns casos os bons árbitros também se vêem quando não existem casos, a atenção na renovação das folhas de jogo, o afastar de jogadores que estavam demasiado em cima dos acontecimentos sobre jogadores que disputavam as partidas revelam atenção e sabedoria, neste caso os parabéns vão para Madalena Silva – Árbitra Nacional da A. X. Aveiro.

Foi bom rever amigos e conhecidos, até para o ano no mesmo local!

 

O Jogo da Subida – Parte 1

  

A Casa do Povo do Bombarral partiu para este campeonato na 7ª posição da “pole position”.
Com Ricardo Evangelista ausente deste e do campeonato passado e com o novo reforço Pedro Rodrigues a realizar apenas um jogo esta época, a CBP manteve praticamente inalterada a composição da sua equipa e a ordem da mesma. O objectivo não poderia ser outro, apenas o da manutenção. Manutenção essa a que escapou por pouco na época passada, com o 6º lugar obtido.

A Casa do Xadrez manteve também a sua equipa e partia para este campeonato na 6ª posição da grelha de partida (grelha essa elaborada por nós e que vale o que vale). Depois de na época anterior ter descido de divisão com o 7º lugar obtido a equipa foi repescada por desistência de uma equipa da série.

Não deixa de ser intrigante e curioso como é que duas equipas que lutaram arduamente para não descer surgem agora como candidatas à subida. Na equipa da Casa do Xadrez notou-se uma mudança tática que fez toda a diferença em relação à época transacta, colocaram o seu 4º tabuleiro em 1º lugar dando “à morte” o mesmo e fortaleceram substancialmente o 2º 3º e 4º tabuleiros que desceram todos uma posição. E foi isto suficiente? Valeu certamente muito mas não só, é que o 1º tabuleiro, o tal que foi atirado aos “monstros” para salvar a equipa, tem pontuado e ajudado a equipa na sua caminhada.

Já o caso da CPB é bem mais curioso, a equipa não se alterou com entrada ou saída de jogadores e manteve exatamente o mesmo escalonamento da equipa base da época anterior. É possível que todos os jogadores tenham subido tão abruptamente de forma de uma época para a outra? Normalmente isso é possível em equipas jovens em franca ascensão de conhecimentos, o que não é o caso … intrigante!

Nesta primeira parte vamos rever os resultados de ambas as equipas e comparar os mesmos.

A CPB tem feito iguais ou melhores scores contra todos os adversários que ambas as equipas já jogaram. E o que conta isto? Nada, praticamente nada, apenas e só em caso de empate pontual entre as equipas e caso tenham empatado 2-2 entre si. O primeiro critério de desempate que voltou a vigorar depois de uma pausa na época passada, é o do confronto direto, logo nos scores em desempates a dois, são praticamente iguais a obtenção de vitórias por 2,5-1,5 ou por 4-0.

Esta mudança de critério parece-nos justa, um desempate entre equipas em igualdade pontual deve ser feito no confronto direto e sem interferência de terceiros, caso contrário estaria aberta uma porta para a suspeição de resultados em ronda finais com scores volumosos.

A grande diferença entre as duas equipas é conforme se verifica na tabela a seguinte:

A CPB no máximo poderá fazer tanto quanto a Casa do Xadrez fez contra a AXB, ou seja ganhar.

A Casa do Xadrez pode fazer pior, igual ou melhor do que a CPB fez contra a equipa do CC de Torres Novas.

Resumindo a Casa do Xadrez tem essa hipótese, a de fazer melhor, algo que a CPB não tem nas suas mãos, por isso foram tão importantes quiçá decisivos os resultados da ultima ronda, enquanto que a uns o empate pode servir a outros não interessará certamente.

Voltamos ao tema na próxima 6ª Feira, até lá!

 

 

Série B – 5ª Jornada

22-03-2015 (Domingo)

A. Académica de Coimbra “B” 2,5 – 1,5 C. X. Montemor-o-Velho “B”
Assembleia Figueirense 2,0 – 2,0 Academia de X. Bombarral
G. X. Peões de Alverca  1,5 – 2,5 Casa do Xadrez de Alpiarça
Casa do Povo do Bombarral 2,0 – 2,0 Cine Clube de Torres Novas

 

Casa do Xadrez é Líder isolada!

A equipa de Alpiarça foi a grande vencedora deste concentrado, a única a somar duas vitórias nos dois jogos disputados, com o consequente prémio: A Liderança Isolada!

A CPB cedeu nesta luta mas continua invencível tal como a Associação Académica de Coimbra “B” que finalmente não empatou.

Assembleia Figueirense e Montemor são por agora as equipas que ocupam os lugares de descida.

Associação Académica de Coimbra "B"

 

2,5-1,5

 

Circulo de X. Montemor-o-Velho "B"

Miguel Fernandes 1905 0-1 1934 Pedro Cardoso
Dominic Cross 1944 1-0 1826 João Saltão
Bruno Moreira 1879 1-0 1794 João Maduro
Hugo Gomes 1663 0,5-0,5 1737 João Cruz

Em jogo antecipado, finalmente os “estudantes” não terminaram empatados um jogo, mas a verificar pelos parciais deve ter sido por pouco!

Continuam invencíveis e na terceira posição, mas já parece demasiado tarde para alcançar o primeiro posto da tabela … mas nunca se sabe.

A equipa de Montemor obteve duas derrotas no concentrado, ocupa o último posto da tabela classificativa e foram a única equipa a perder frente á Académica …. Coincidências a mais para poderem almejar escapar a uma descida anunciada, mas matematicamente é possível.

Destaque para Pedro Cardoso na equipa de Montemor que consegue manter acesa a chama da esperança na equipa, muito bem secundado por João Cruz com 1-4-0 a subir 20 pontos. Nos “Estudantes” novamente Hugo Gomes a confirmar a vitória para os locais, segue invencível com 1-2-0 a subir 33 pontos

Assembleia Figueirense   2,0-2,0   Academia de Xadrez do Bombarral
António Ferreira 2183 0-1 2142 Daniel Bray
Paulo Felizes 2055 1-0 1672 Fernando Silva
Miguel Babo 1848 0-1 1882 José Bray
João Marques 1828 1-0     0000 Jorge Silva

Empate com sabor a vitória para o “Quatro” da Academia que assim se mantém à frente de um concorrente direto. Ainda não estão a salvo e portanto na luta pela manutenção.

Para a Assembleia Figueirense foi um mau desfecho que resulta na sétima posição da tabela, para já com acesso à descida mas com todas as possibilidades de assegurarem a manutenção.

Destaque: Bray´s carregam novamente AXB ás costas.

Grupo de Xadrez Peões de Alverca   1,5-2,5   Casa do Xadrez de Alpiarça
António Vítor 2409 1-0 1842 António Luís
Nuno Lino 1972 - / + 2004 António Vinagre
José Santos 1872 0,5-0,5 2007 Victor Ferreira
Manuel Rocha 1798 0-1 1932 Carlos Nascimento

Vitória importantíssima para os homens de Alpiarça que assim se instalam no topo da tabela estando agora a um pequeno passo de fazerem história.

A equipa de Alverca foi uma das equipas que tiveram um fim-de-semana desastroso ao somarem duas derrotas em dois jogos e colocam-se perigosamente perto dos lugares de acesso à 3ª divisão nacional.

Veio também de Alverca o mais triste acontecimento deste concentrado, pela segunda vez neste campeonato jogaram apenas com 3 jogadores podendo vir a desvirtuar a classificação numa altura em que Casa do Xadrez e CPB lutam taco a taco pela subida.

Obviamente sem qualquer culpa para os adversários que defrontam nestas situações.

Destaque: Para a falta de comparência de um jogador.

 

Classificação – 2ª Divisão – Série B

2ª Divisão - Série B - 2014/2015     Pontos Pontos  
Clubes Vitórias Empates Derrotas a favor contra Sessões Pontos
Casa do Xadrez de Alpiarça 4 1 0 13,5 6,5 5 14
Casa do Povo do Bombarral 3 2 0 14,5 5,5 5 13
Associação Académica de Coimbra “B” 1 4 0 10,5 9,5 5 11
Cine Clube de Torres Novas 1 2 2 9,5 10,5 5 9
Academia de Xadrez do Bombarral 1 2 2 8,0 12,0 5 9
Grupo de Xadrez "Peões de Alverca" 2 0 3 9,0 11,0 5 9
Assembleia Figueirense 1 1 3 8,0 12,0 5 8
Clube de X. Montemor - o - Velho “B 1 0 4 7,0 13,0 5 7

 

CPB “obrigada” a lutar pela subida!

       

Casa do Povo do Bombarral        2,0 - 2,0          Cine Clube de Torres Novas

P. Constantino (1616) António Severino (1846) Guilherme Gaboleiro (1965) Ricardo Pais (1872)
0 0 1 1

“ O Filme do Jogo”

12.00 Horas
Hora em que tudo se começa a decidir, André Pinto por motivos de força maior não poderá comparecer ao jogo de hoje, não é um balde de água fria é o Pólo Norte que acaba de desabar sobre a CPB.

14.55 Horas
Já são conhecidas as constituições das equipas:

  • Na Mesa 1
    Paulo Constantino defrontará o Mestre FIDE Diogo Alho, saúda-se mais uma estreia por parte da CPB no presente campeonato. O Favoritismo é totalmente do adversário.
  • Na Mesa 2
    António Severino defrontará Paulo Costa, 264 pontos de diferença dizem tudo … só um milagre fará a CPB pontuar nos tabuleiros cimeiros.
  • Na Mesa 3
    Guilherme Gaboleiro é favorito face a Francisco Cruz, mas com apenas 86 pontos de diferença nas cotações não se adivinha uma tarefa fácil.
  • Na mesa 4
    Ricardo Pais defrontará José Lopes, mais de 200 pontos dão total favoritismo ao Bombarralense.

Não há muito a saber, a CPB não tem praticamente qualquer hipótese de vencer e para empatar terá de não ceder sequer meio pontos nos últimos tabuleiros.

Assistem: João Santos, Rui Batalha e Artur Bernardes

Face ás constituições das equipas, onde se destacam algumas alterações face á previsão, alteramos assim a previsão de 20-40-40, para 10-30-60, pioraram substancialmente as hipóteses da CPB. 

16.30 Horas
Konsta sacrificou peça por dois peões e já aprece pior.
Severino esta a aguentar muito bem!
Gaboleiro e Ricardo Pais a saírem da abertura.

17 Horas
Konsta deteriora a posição.
Severino esta em grande nível!
Gaboleiro oferece Torre em troca de Bispo e Cavalo
Ricardo decide fazer 0-0-0 para animar o jogo!

18 Horas
Konsta perde, é o (0,0-1,0)
Severino parece poder vir a ganhar, esta a fazer um grande jogo!!!
Guilherme Gaboleiro chama o Rei adversário para o centro do tabuleiro dá cheque e será mate a seguir … é o (1,0-1,0)

18.15 Horas
António Severino falha lance decisivo de vitória e começa a deteriorar a posição.
Ricardo Pais pode repetir 3º lance e fechará o empate, está apenas com 9 minutos no relógio e o tempo a passar à espera que Severino resolva o seu jogo.

18.30 Horas
Acabou o sonho, Severino perde é o (1,0-2,0) mas não deixa de estar de parabéns pelo jogo efetuado!
Ricardo Pais não pode agora repetir o lace de empate e tem de partir para variante perdedora à espera do erro do adversário, é o chamado fazer “Omeletas sem ovos”, joga-se Cavalo contra Bispo.

18.45 Horas
O Adversário vai errando e o Cavalo está selvagem e a provocar danos irreparáveis, erro final para ajudar e é o (2,0-2,0)

A CPB continua invencível e conquista o máximo a que parecia poder aspirar quando se iniciou a partida.

Se é verdade que a CPB teve sorte neste desfecho final não é menos verdade que teve muito azar no 2º tabuleiro, podíamos perfeitamente ter ganho por 2,5-1,5 com 0 – 1 – 1 – 0,5 … podia portanto ter dado para os dois lados pelo que temos de aceitar o resultado como justo.

Foi o primeiro empate entre estas equipas mas foi mais do mesmo com os Cineastas a serem mais fortes na parte superior da equipa e os Bombarralenses na parte inferior da mesma … sentimos a tua falta André!

Não podemos deixar mais uma vez de saudar Diogo Alho, é sempre um prazer rever uma pessoa que sabe estar tanto na vitória como na derrota … é uma pena ter feito vida para os lados de Torres Novas, encaixaria que nem uma luva no espírito de grupo da nossa equipa!

Ps: Horas não obrigatoriamente correctas, apenas dão uma ideia do desenrolar dos acontecimentos

 

3ª Divisão – Série D

 

Numa jornada onde existiam claros favoritos parece sempre uma surpresa, desta feita a honra coube à equipa de São Martinho do Porto que “sacou” um empate ao favorito SOM.

A duas rondas do final a AX Portugal já pode festejar, o primeiro lugar destacado a que se junta a aparente impossibilidade da equipa “B” de São Marcos poder subir para a mesma divisão onde se encontra a sua equipa “A” … sinceramente não sabemos de uma equipa “B” pode subir caso a equipa “A” desça de divisão.

O SOM aparenta tranquilidade ao estar no pódio, mas é mesmo apenas e só aparente, falta-lhe jogar com o 1º classificado e partindo do principio que poderá perder, jogará a manutenção no derby frente à APC da Benedita … esperava-se muito mais dos Marinhenses.

A Equipa de São Martinho do Porto está melhor do que aquilo que se antevia, falta defrontar a sempre difícil equipa de Torres Vedras e a equipa dos Corvos do Liz em novo derby distrital onde muito de poderá decidir.

A APC da Benedita terá de resolver a questão da manutenção já na próxima ronda frente á equipa de Odivelas, aparentemente o empate poderá vir a ser suficiente, em caso de derrota depois terá de jogar o tudo ou nada frente ao SOM

Académico de Torres Vedras que nos habituamos a ver sempre nos lugares do pódio está agora em fortes apuros, ainda tem de defrontar o 2º classificado e provavelmente decidirá tudo em mais um derby do oeste frente a São Martinho do Porto.

A Equipa dos Corvos do Lis que tão brilhante época fez em 2013/2014 aparenta estar já condenada à descida de divisão … ainda tem de defrontar o 1º classificado.

São portanto 5 as equipas, do 3º ao 7º classificados que tentarão fugir ao 7º lugar da tabela e consequente despromoção … promete emoções fortes!

 

O Jogo da Subida – Reportagem 1 na próxima 6ª Feira

  

Voltaremos na 6ª Feira a falar deste concentrado iniciaremos pela importância do assunto para a CPB a cobertura antecipada e semanal do “Jogo da Subida” entre a CPB e a Casa do Xadrez, focando diversas curiosidades, estatísticas etc, até lá!

 

 

   

  

Série B – 4ª Jornada

21-03-2015 (Sábado)

C. X. Montemor-o-Velho “B” 0,5 – 3,5 Casa do Povo do Bombarral
Cine Clube de Torres Novas 2,5 – 1,5 G. X. Peões de Alverca
Casa do Xadrez de Alpiarça 3,0 – 1,0 Assembleia Figueirense
Academia de X. Bombarral 2,0 – 2,0 A. Académica de Coimbra “B”

 

Duo não desarma na Liderança

Jornada que se antevia ser das mais importantes para o destino e reprogramação de objectivos de várias equipas. A CPB e a Casa do Xadrez disseram um adeus definitivo a qualquer percalço e seguem na liderança.

“Cineastas” estão de volta e Figueirenses colocaram-se em apuros.

Para não variar os “Estudantes” voltaram a empatar.

 

Cine Clube de Torres Novas   2,5-1,5   Grupo de Xadrez Peões de Alverca
Diogo Alho 2288 1-0 1945 Cláudio Guimarães
Paulo Costa 2110 1-0 1872 José Santos
Hugo Ribeiro 1886 0-1 1798 Manuel Rocha
António Reis 1840 0,5-0,5 1489 Abílio Martins

Os “Cineastas” estão de regresso conforme previsto e são agora candidatos a terem um “fim-de-semana de luxo”, para já abandonam os lugares da despromoção.

Os “Peões” abandonaram a luta pela subida e em sentido contrário são candidatos a um “fim-de-semana de pesadelo”.

Destaque: Para o 3º e 4º tabuleiros dos Alverquenses… mas foi curto!

Casa do Xadrez de Alpiarça   3,0-1,0   Assembleia Figueirense
António Luís 1842 0-1 2183 António Ferreira
António Vinagre 2004 1-0 2055 Paulo Felizes
Victor Ferreira 2007 1-0 1848 Miguel Babo
Carlos Nascimento 1932 1-0 1815 Mário Mourato

A Equipa de Alpiarça carimbou de vez a permanência e assume-se agora como o mais forte candidato à subida de divisão. Seguem em primeiro ex équo com a CPB e com fortes perspetivas de saírem da Benedita em 1º lugar isolados.

Os Figueirenses abandonam de vez o sonho da subida e provavelmente do pódio, mais uma vez terão de “suar” para saírem da zona de despromoção.

Destaque para a Tática da presente época da Casa do Xadrez, a fazer toda a diferença.

Academia de Xadrez do Bombarral   2,0-2,0   Associação Académica de Coimbra "B"
Daniel Bray 2142 1-0 1899 Luís Rodrigues
Fernando Silva 1672 0-1 1905 Miguel Fernandes
José Bray 1882 0,5-0,5 1944 Dominic Cross
Rui Feio   0,5-0,5 1879 Bruno Moreira

Mais um jogo e mais um empate, segue a AAC com 0-4-0 com o seu quarto empate consecutivo em termos de calendário.
Com mais este “atraso” deverá ser muito difícil lutar pelo primeiro lugar da tabela mas nunca se sabe! Para já o pódio esta perfeitamente ao alcance.

Para os Homens da Academia foi mais um precioso ponto rumo à manutenção, o suficiente para saírem dos lugares de despromoção. Os objetivos centram-se agora única e exclusivamente na manutenção

Destaque para Rui Feio que assegurou o empate que mantem a AXB fora da despromoção

 

Classificação – 2ª Divisão – Série B

2ª Divisão - Série B - 2014/2015   Pontos Pontos  
Clubes Vitórias Empates Derrotas a favor contra Sessões Pontos

Casa do Povo do Bombarral

3 1 0 12,5 3,5 4 11

Casa do Xadrez de Alpiarça

3 1 0 11,0 5,0 4 11

Associação Académica de Coimbra “B”

0 4 0 8,0 8,0 4 8

Grupo de Xadrez "Peões de Alverca"

2 0 2 7,5 8,5 4 8

Academia de Xadrez do Bombarral

1 1 2 6,0 10,0 4 7

Cine Clube de Torres Novas

1 1 2 7,5 8,5 4 7

Assembleia Figueirense

1 0 3 6,0 10,0 4 6

Clube de X. Montemor - o - Velho "B"

1 0 3 5,5 10,5 4 6

 

Manutenção assegurada, segue-se pódio!

        

C. X. Montemor o Velho “B”           0,5 – 3,5             Casa do Povo do Bombarral

André Pinto (1994) António Severino (1846) Guilherme Gaboleiro (1965) Ricardo Pais (1872)
1 1 0,5 1

 

 

“ O Filme do Jogo”

14.45 Horas
A equipa da CPB joga praticamente em casa, é sempre um prazer regressar à Benedita. A CPB entra para este jogo com a permanência à sua mercê contra um rival direto, a vitória selará em definitivo a questão da permanência e “empurrará” a CPB para a disputa de outros voos, depois de conquistado este objetivo seguir-se-á o pódio como próximo patamar para o qual “lutar”, mas claro que para isso é preciso fazer o mais difícil … vencer! O empate também garantirá a permanência aos Bombarralenses mas não deixará de ser um pequeno tropeção para mais altos objectivos. Já a derrota colocará a CPB de sobreaviso, perder com um concorrente direto será sempre muito mau, …e na ronda anterior o clube rival do Bombarral cedeu precisamente face a este adversário.

Para a equipa de Montemor todos os jogos são uma final, a derrota colocará o clube muito perto da despromoção, o empate só mais tarde se sabe se servirá, e a vitória coloca a equipa muito perto da manutenção. Veremos se a palavra Bombarral serve de talismã a esta equipa na presente temporada.

Nota-se alguma preocupação nas hostes da CPB pelos últimos resultados obtidos pelos Montemorenses, sabendo de antemão que anteciparam uma jornada e que perderam, e que este jogo será quase que “de vida ou de morte” para a equipa de Montemor. Se os Bombarralenses estão pressionados pelo lugar que ocupam na tabela classificativa que não esperariam de todo, mais pressionado deverá estar o adversário.

 

15 Horas
Já são conhecidas as constituições das equipas, a maior novidade será a ausência de João Saltão que vem alterar quase toda a ordem da equipa, assim os Montemorense não se apresentam na sua máxima força pelo que alteramos a previsão inicial de 20-50-30 para 20-30-50, melhor … muito melhor! Apesar dos muitos perigos que estão à espreita.

Assistem: Família de GG

  • Na Mesa 1
    André Pinto de pretas defrontará Pedro Cardoso, as cores atenuarão a curta diferença de cotação (60 pontos), e na memória estará também o recente empate de Pedro Cardoso face a Daniel Bray e a vitória frente a Manuel Fernandes, pelo que o jogo deverá ser muito difícil e equilibrado. No entanto a CPB deposita aqui fortes esperanças que o bom momento de André possa vir a resolver a questão.
  • Na Mesa 2
    António Severino de brancas defrontará João Maduro, 52 pontos favoráveis ao Bombarralense dão-lhe algum favoritismo, mas estará longe, muito longe mesmo se ser fácil.
  • Na Mesa 3
    Guilherme Gaboleiro de pretas defrontará João Cruzo, a diferença de 228 pontos e o momento de forma de GG parecem dar-lhe claro favoritismo, mas o jogador de Montemor esta a ser a figura da equipa este ano e segue invencível com 1-3-0 a subir 14 pontos e acabou de oferecer a vitória no último encontro à sua equipa ao vencer José Bray
  • Na mesa 4
    Ricardo Pais de brancas defrontará Carlos Mendes, os quase 200 pontos de diferença dão favoritismo ao Bombarralense.

16 Horas
Tudo abaixo dos 15 lances, mas António Severino já se lança sobre o Rei adversário, estará ganho, bons sinais para a CPB!|

16.30 Horas
Severino concretiza em 23 lances, é o (1,0-0,0) e o primeiro ponto do concentrado no que diz respeito à 2ª Divisão Zona B. Vitória Chave que deixa os seus colegas com maior margem de erro.


17 Horas
Ricardo Pias vence é o (2,0-0,0) a CPB assegura a manutenção!!!!
A CPB sairá com a sua invencibilidade intocável desta partida, já só falta mais meio ponto para a vitória, este foi o 2º ponto de todo o concentrado da 2ª B, uma miniatura de 19 lances.

17.37 Horas
André Pinto Finaliza e carimba a vitória da CPB (3,0-0,0) atestando o bom momento que atravessa individual e coletivamente.

17.38 Horas
Guilherme Gaboleiro acorda empate (3,5-0,5) não valerá a pena estar a gastar mais neurónios, contínua invencível na presente temporada e assina a segunda goleada consecutiva da CPB!

Amanhã será certamente um dos jogos mais duros da época, vamos mas é dormir!

P.s.: Horas não obrigatoriamente correctas, apenas dão uma ideia do desenrolar dos acontecimentos

 

3ª Divisão – Série D

APC Benedita vence derby do Oeste e foge da despromoção, ao invés os Torrienses colocam-se em dificuldades e nos lugares de despromoção.

AX Portugal vence tangencialmente e já festeja a subida!

São Martinho pode ter decidido época neste jogo, a despromoção está agora bem mais longe e coloca os Odivelenses em pressão.

No derby do distrito o SOM parece ter dito adeus a apuros finais, ao invés a equipa Leiriense dos Corvos parece cada vez mais condenada.

 

 

 Sexy Chess 127

 

   

 

 

                                                                                             

30º Reykjavik Open 2015

http://www.reykjavikopen.com/

L’ami Erwin (Holanda 2605) venceu incontestavelmente e a uma ronda do fim com o score impressionante de 8-1-1 e mais 27 pontos de rating, tendo derrotado inclusive o nº 1 do torneio Mamedyarov em apenas 21 lances. Luís Galego (GM Portugal 2461) obteve 4-3-2 e um bye, dizendo adeus a mais 7 pontos e ficando apenas com mais 3 que Rui Damaso. Magnus esteve presente “como turista” o que atesta a grandiosidade deste Open, participando ainda em algumas iniciativas.

  

 

Campeonato do Mundo Feminino 2105

http://sochi2015.fide.com/en/main-page

Começou o Campeonato do Mundo Feminino 2015, são sessenta e quatro jogadoras que disputam o título sob o “louco” sistema eliminatório de apenas dois jogos até à final que será disputada em quatro jogos de 2 a 7 de Abril. São esperados muitos desempates em ritmos mais rápidos, Koneru é a favorita com 2604, aqui ficam as primeiras fotos.

 

 

Nova área de jogos online da FIDE, a não perder!!!

http://www.fide.com/component/content/article/1-fide-news/8539-fide-online-arena-enters-a-new-era.html

 

 

A Arte dos Tabuleiros de Xadrez 146

 

Xadrez Caixa de Chocolate

Xadrez Ratos Embalsamados

Xadrez Arte Esferovite

 

 

 

2ª Divisão – Série B – Previsão 4ª Jornada

A Equipa de Montemor parte para este concentrado numa posição delicada e não poderá perder os dois jogos sob pena da recuperação não ser possível, jogará certamente sob forte tensão. Motivados pela vitória na ronda anterior, veremos se a palavra “Bombarral” será talismã para a corrente época.

Os Bombarralenses tem aqui excelente oportunidade de consolidarem a manutenção, mas deverão estar alerta face ao que se passou na última ronda.

A Previsão foi calculada com o 4 que a CPB presume apresentar e tentando adivinhar a constituição adversária.

Os “Cineastas” tem potencial para somarem duas vitórias neste concentrado e partirem com outro ânimo para o concentrado final, mas do potencial à concretização do mesmo vai a distancia que separa a vitória da derrota … sob brasas!

Os Alverquenses estão apenas a um ponto da liderança e a uma vitória de alcançarem a manutenção … excelente oportunidade!

A Previsão foi calculada com a presença de Diogo Alho e sem a presença de António Vítor. Uma alteração nestes pressupostos poderá equilibrar mais a contenda.

Jogo grande da jornada, os locais seguem na liderança partilhada e tem agora um teste de fogo face ao que se espera seja a constituição da equipa da Figueira da Foz.

Para os Figueirenses todos os pontos contam, para já para consolidarem a manutenção e mais tarde logo se verá até onde poderão ir.

A Previsão foi feita com o melhor 4 dos Figueirenses, se tal não acontecer as chances mudam substancialmente.

A Academia tem um duro teste frente a uma das três equipas invencíveis do campeonato, conseguirão ser os primeiros a derrotar os “estudantes”? Ou os primeiros a perder com eles? Ou será mais do mesmo com novo empate?

Para os estudantes parece ter chegado a hora de definir o que querem fazer, lutar pelos lugares de cima ou pela manutenção? Este jogo redefinirá provavelmente os objectivos da equipa.

A previsão foi feita sem a “Armada Espanhola”, com ou sem ela os “Estudantes” vão ter de apresentar uma forte equipa se não pretendem ser surpreendidos.

2ª Divisão – Série B – Previsão 5ª Jornada

Caso os “estudantes” não tenham perdido o jogo de véspera também não deverá ser aqui que perderão a invencibilidade. São favoritos mas como em qualquer jogo desta série … longe de serem favas contadas.

Para a equipa de Montemor cada jogo será uma final e este será mais uma!

Mais um jogo muito condicionado pelo que as equipas fizeram na véspera, o vencedor do jogo Assembleia Figueirense x Academia de Xadrez do Bombarral dificilmente descerá de divisão, quanto a outros objectivos … só para quem vencer!
A previsão está muito condicionada pelos cálculos efectuados onde assumimos os Figueirenses com o seu melhor 4 ou perto disso e a equipa da Academia sem os jogadores espanhóis… caso contrário tudo pode “virar”.

Este poderá vir a ser um jogo entre lideres ou entre equipas classificadas no ou perto do pódio, será assim o jogo da jornada. Decisivo portanto para as ambições de Alverquenses e Alpiarcenses.

Estamos em crer que sem uma equipa de Alverca no seu melhor a equipa de Alpiarça passará este teste com maior ou menor dificuldade.

Para o 4 de Alverca caso obtenham duas derrotas neste fim-de-semana os sinos de alarme começarão a tocar.

Casa do Povo e “Cineastas” já se defrontam vai pelo menos para três anos consecutivos, a tradição diz que os “Cineastas” costumam ganhar quer para o campeonato quer para a Taça, excepção feita à final da 3ª Divisão cuja vitória deu o título à CPB, será este jogo uma final?

A sobrevalorizada classificação dos Bombarralenses e a subvalorizada classificação da equipa de Torres Novas não reflete o valor nem de uma nem de outra equipa, por isso não será qualquer surpresa a obtenção da primeira derrota para a CPB.

3ª Divisão

Ronda 4 cheia de atractivos, com derby do Oeste, encontro entre líderes e novo derby distrital.
Ronda 5 com claros favoritos, quem surpreenderá?

 


Campeonato Nacional Individual Absoluto - Fase de Apuramento 2014/2015

http://www.chess-results.com/tnr161506.aspx?lan=10&art=2&rd=1&turdet=YES&flag=30&wi=984

 

Jogou-se em Lisboa a Fase de Apurado do Campeonato Nacional Individual Absoluto 2014/2015 com 39 jogadores, números ligeiramente acima da época anterior mas longe, muito longe dos números apresentados à duas épocas atrás quando o apuramento foi disputado no Estádio de Alvalade. Nesta fase jogou-se para a obtenção de um lugar no pódio que dava acesso para a Fase Final da prova maior nacional, aos que se irão juntar 2 apurados do Torneio Nacional de Mestres, os 3 primeiros da edição do ano passado e os 2 jogadores com melhor rating FIDE.

A MF Feminina Margarida Coimbra (Palma e Arredores - 2125) abandonou a prova ao fim da 2ª ronda onde seguia com 0-1-1 e a perder 26 pontos.

O Mestre FIDE João Cordovil (FPX - 2151) seguia com 4-3-1 e a ganhar 6 pontos quando não foi emparceirado para a última sessão, seguia no lote dos 3ºs classificados com todas as chances de poder vir a ser apurado.

O Mestre Nacional António Vasques (Sporting - 2237) a uma ronda do fim já tinha conquistado a vitória na prova, terminou com 6-3-0 e a subir 41 pontos, cada vez mais próximo do título de Mestre FIDE.

Qualificaram-se ainda em 2º Vasco Diogo (AAC – 2270) com 5-3-1 e menos 5 pontos e em 3º Pedro Rego (Sporting – 2254) com 5-3-1 e mais 12 pontos.

Do Distrito Daniel Bray (AXB – 2096) esteve mais uma vez na luta mas ainda não foi desta que se qualificou para a disputa do titulo nacional, terminou com 3-5-1 e mais 12 pontos, parece agora ter estancado a descida de rating, nota-se uma melhoria de forma ao nível dos resultados numa altura em que a sua equipa precisa dele como de “pão para a boca”. Também José Bray esteve presente terminando com 3-3-3 e menos 7 pontos.

Tadeu Sousa (Mata de Benfica 1725) protagonizou a maior subida de rating com mais 69 pontos, José Dias (1665) da equipa de Torres Novas que integra a nossa série também parece estar em forma ao somar 28 pontos!



30º Reykjavik Open 2015

http://chess-results.com/tnr143563.aspx?lan=1

Este ano a bater o recorde ao nível de participações com 274 participantes, e com 5.000€ para o primeiro classificado, a Trigésima edição da Prova conta com o cabeça de cartaz Mamedyarov (2756) e com Luís Galego (GM Portugal 2461) que está a realizar para já uma má prova apesar de invencível com 2-3-0, mas a perder 6 pontos.

 

 

  

 

 

 

2ª Divisão – Jogo Antecipado - 5ª Jornada

Associação Académica de Coimbra "B"

 

2,5-1,5

 

Circulo de X. Montemor-o-Velho "B"

Miguel Fernandes

1905

0-1

1934

Pedro Cardoso

Dominic Cross

1944

1-0

1826

João Saltão

Bruno Moreira

1879

1-0

1794

João Maduro

Hugo Gomes

1663

0,5-0,5

1737

João Cruz

Em jogo antecipado da 5ª Jornada evitando uma deslocação à Benedita para ambas as equipas, os “Estudantes” venceram finalmente um jogo e seguem agora com 1-3-0, invencíveis e longe de quaisquer preocupações em questões de descida de divisão, vão agora lugar por um lugar no pódio, estão ainda todos em aberto.

A equipa de Montemor jogou mais uma “final”, com esta derrota o jogo frente à CPB assume carácter de mais uma final, nova derrota colocará a equipa de Montemor muito perto da descida de divisão, a CPB está mais do que avisada para a subida de forma dos Montemorenses expressa nos resultados.

Refira-se a título de curiosidade que também se defrontaram as equipas “C” de ambos os clubes, também em jornada antecipada da 3ª Divisão Série C com vitória para os “Estudantes” por 3,5-0,5

Destaque para Pedro Cardoso na equipa de Montemor que consegue manter acesa a chama da esperança na equipa, muito bem secundado por João Cruz com 1-3-0 a subir 14 pontos. Nos “Estudantes” novamente Hugo Gomes a confirmar a vitória para os locais, segue invencível com 1-2-0 a subir 33 pontos

 

 

 

Zé Bomba – Episódio 57

Episódio Solidário

Caros Amigos, venho dar-vos a minha visão sobre o comportamento dos meus ragazzi na presente época, mais propriamente a continuação da mesma. Não é por a conjuntura ser favorável que nos esquecemos dos amigos, por isso também neste episódio dou a minha solidariedade a quem a merece, os amigos são assim!

 

A continuação da época dos meus rapazes

  1-3    

 

A CPB obteve a sua primeira derrota da época ao perder por 1-3 contra a equipa do Grupo de Xadrez de São Marcos. Sem querer arranjar desculpas esfarrapadas, inventar prolegómenos, encapotar responsabilidades ou quaisquer outros semelhantes, até porque não queremos fazer perder tempo aos nossos leitores, leitores esses que são preciosos para nós, tal como o ar que respiramos… por falar em ar vai ali a passar um avião, entenda-se um rabinho bem curvado. Já que estamos a falar em curvas poderia muito bem escrever-vos um pequeno texto sobre o estado das estradas nas cidades, mas não temos muito tempo para isso já que gostamos de ser precisos e concisos, tal como a ciência, ohhhh tanto que haveria para falar sobre a ciência, mas mais uma vez não temos muito tempo pelo que falaremos antes do oposto, da crença e dos milagres que levaram a CPB a optar por não provocar os Santos, neste caso São Marcos!

 

  

CPB Conquista mais uma “Dobradinha” e vão 5 anos de domínio distrital!

A CPB sagrou-se Penta Campeã distrital de rápidas, e Tetra campeã distrital de semi rápidas por equipas! Qualquer que seja o desfecho da 6ª Taça AXL esta será a 5ª Época consecutiva de domínio distrital dos Bombarralenses!

Não passou despercebida a distinção feita pela AXL entre a prova individual e a coletiva … atente-se aos cartazes!

Face ao Histórico apresentado em anos anteriores, a minha questão é:
Não seria mais justo avisar os adversários e no cartaz da prova coletiva manter o mesmo critério da prova individual com o dizer:

Há sempre uma que se destaca!!!!!

Ps: O pormenor inocente dos cinco pontos de exclamação é meu!

  0-4    

Devo dizer aqui que sou um forte opositor à forma como esta direcção da FPX gere as provas. Tal como os governos servem para que a riqueza seja mais e melhor uniformemente distribuída, também a FPX deveria fazer o mesmo entre os clubes. Não deveria ser permitido “Peões” jogarem contra “Bispos e Cavalos”, todos nós que jogamos xadrez sabemos da diferença de valor entre as peças. Fica aqui o reparo para que a direcção da FPX faça o seu trabalho protegendo os mais fracos.

Ainda neste jogo 2 factos a registar:
A Estreia de Pedro Rodrigues e o puxão de orelhas dado pelo capitão a certo jogador, Zé Bomba apoia e esteve, esta e estará sempre ao lado do nosso capitão!

  

 

A Tradição ainda é o que era …

Carta Aberta aos Xadrezistas que a quiserem ler…

O meu nome é Carlos Baptista.

Vamos oferecer este de barato e sem contestação

o meu maior contributo, foi como organizador de provas, que é aquilo que melhor sei e posso fazer.

Não gostam de vir à AX do Bombarral/CCMB, o que estão no seu direito,

É lamentável que o nosso esforço vá por água abaixo, por falta de inscritos!...

No que a mim me toca, servirá de exemplo: não será tão cedo, que iremos promover um Torneio FIDE desta envergadura, promovido pela AX do Bombarral/CCMB …

Carlos Manuel Maximiano Baptista
49 Anos, Antropólogo. Dirigente Associativo há mais de 36 anos e xadrezista de IX Categoria ou menos…

Bombarral, 7 de Novembro de 2013.

 

 

Eis que surge novo cancelamento, depois de uma ausência para descanso e reflexão em 2014, desta feita o Campeonato Distrital Individual de Rápidas e de Semi Rápidas em 2015.

Vem “Zé Bomba” por este meio solidarizar-se com o Sr. Carlos Baptista, não há direito que aquilo que melhor sabe fazer resulte sempre mal. Não tenho duvidas que se trata de alguma conspiração, um complot, quiçá mesmo à escala interplanetária, prometo investigar mais a fundo. Fica aqui o meu sentido abraço solidário, um xi coração apertadinho deste seu amigo de estimação.

 

 

 

http://www.eicc2015.com/

http://www.chess-results.com/tnr157274.aspx?lan=10

Terminou mais um campeonato europeu e mais uma vez as altas esperanças lusitanas caíram por terra. Dâmaso terminou sem mexida no rating e Jorge Ferreira subiu 7 pontos ambos andaram sempre bem distantes das normas de Grande Mestre, notando-se em alguns jogos a falta que a presença assídua em eventos deste calibre faz. Há que continuar a tentar e acreditar que tudo acabará em beleza … ou seja, quiçá com Rui Dâmaso e Jorge Ferreira a sagrarem-se Grandes Mestres no 1º Portugal Open de Lisboa a disputar em Agosto e Setembro de 2015. O calendário está apertado para isso, mas tudo dependerá certamente da força de vontade e disponibilidade dos interessados.

 

Rui Dâmaso – Ainda não foi desta mas continuamos esperançados…

Evgeniy Najer (2634 – Rússia) 6-5-0 + 27 pontos sagrou-se Campeão Europeu

   

 

Estes foram os 23 jogadores qualificados para jogarem a World Cup 2015 entre eles um não titulado Ília Iljiushenok que obteve também norma de GM.

16.000€ foi o prémio para o vencedor para além do prestigiante titulo europeu

 

 

Foto tirada na sede do Grupo de Xadrez “Peões de Alverca” onde fomos muito bem recebidos, reconhecem-se Guilherme Gaboleiro, José Cavadas e Júlio Flores.

 

 

Classificação – 2ª Divisão – Série B

2ª Divisão - Série B - 2014/2015

    Pontos Pontos  
Clubes Vitórias Empates Derrotas a favor contra Sessões Pontos

Casa do Povo do Bombarral

2 1 0 9,0 3,0 3 8

Casa do Xadrez de Alpiarça

2 1 0 8,0 4,0 3 8

Grupo de Xadrez "Peões de Alverca"

2 0 1 6,0 6,0 3 7

Associação Académica de Coimbra “B”

0 3 0 6,0 6,0 3 6

Assembleia Figueirense

1 0 2 5,0 7,0 3 5

Clube de X. Montemor - o - Velho “B

1 0 2 5,0 7,0 3 5

Academia de Xadrez do Bombarral

1 0 2 4,0 8,0 3 5

Cine Clube de Torres Novas

0 1 2 5,0 7,0 3 4

 

 

O Rescaldo da “Dobradinha” da CPB

  

 

O Campeonato de Semi rápidas teve pouca história, tal foi a supremacia, mas o campeonato de Rápidas teve história....

  • A APC Benedita começa por ganhar por 4-0 à equipa dos Corvos do Lis.
  • Seguiu-se a CPB que conseguiu igualar o score dos Beneditenses também por 4-0.
  • Ronda 3 da 1ª Volta a CPB vence a APC tangencialmente 2,5-1,5.
  • Quarta Ronda e a APC vence novamente os Corvos do Lis por 3,5-0,5.
  • Caso a CPB vença por 4-0 já poderá perder por 1,5-2,5 com a Benedita ... mas a CPB vence apenas por 3,5-0,5 tal como a Benedita.

Uma vitória que no caso soa a mau resultado, agora a CPB se perder por 1,5-2,5 ficará exactamente igual em termos de pontos e parciais, mas o terceiro critério de desempate dará o título à equipa da Benedita!

Portanto a CPB precisará de pelo menos dois pontos, ou seja igualar a partida frente à equipa da Benedita (2-2)

 

Ultima ronda tudo em aberto... António Severino perde (0-1), Rui Batalha perde (0-2) e a Benedita precisará apenas de mais um empate para se sagrar campeã, ao invés a CPB terá de fazer 2 em 2 nos restantes tabuleiros.... Ricardo Pais está com peão e qualidade a menos, a derrota será apenas uma questão de técnica, mas... Dlim Dlang... acaba o tempo do relógio de Jorge Barrento, é o 1-2..... e por fim Gaboleiro vence no único resultado possível para a CPB conquistar o titulo, é o 2-2.

Grande destaque para GG a oferecer o título à CPB e a obter 8-0-0, também Artur Bernardes parece estar a atravessar um bom momento de forma.

Obrigado!

 

 

Hoje é dia de … Bandeira!

 

      

Rápidas: CPB Penta Campeã-Semi Rápidas: CPB Tetra Campeã  

Campeonato Distrital Equipas de Leiria 2014/15 - Semi_Rápidas

Nas semi rápidas a CPB obteve 4-0-0 não deixando margem para dúvidas em relação à sua superioridade e à justiça do Resultado

Campeonato Distrital Equipas de Leiria 2014/15 - Rápidas  

Nas Rápidas a emoção esteve presente até ao fim, com a equipa da Benedita a dar muita luta e a estar a um pequeno passo de “roubar” o título aos Bombarralenses que terminaram invictos com 3-1-0. Com André Pinto a assistir a mais uma vitória dos seus companheiros.

No conjuntos das duas provas a CPB alinhou com:

Guilherme Gaboleiro

8-0-0

Ricardo Pais

4-1-0

António Severino

3-2-2

Rui Batalha

2-3-1

Paulo Constantino

2-0-0

Artur Bernardes

4-0-0

Num total de 23-6-3 com ambas as competições a serem disputadas a duas voltas.

 

 

Lista Elo FIDE – A. X. Leiria

axLeiriaIMGP1866top 10999
jun/14   fev/15
João Francisco A. T. C. Caldas Rainha Novo   2145
Ricardo Evangelista C. P. Bombarral 2129 0 2129
Daniel Bray A. X. Bombarral 2169 -53 2116
Pedro Rodrigues C. P. Bombarral 2008 3 2011
André Pinto C. P. Bombarral 1992 7 1999
Guilherme Gaboleiro C. P. Bombarral 1978 -5 1973
Paulo Fernandes S. O. Marinhense 1948 0 1948
Alberto Negrão C. D. C. Corvos Lis 1768 146 1914
José Bray A. X. Bombarral 1885 7 1892
10º Daniel Silva S. O. Marinhense 1871 0 1871
11 Ricardo Pais C. P. Bombarral 1870 -3 1867
12 Carlos Dias C D Ginásio Louriçal 1859 -11 1848
13 António Severino C. P. Bombarral 1846 -7 1839
14 Mário Canaverde X. M. São Martinho 1809 0 1809
15 José Monteiro S. O. Marinhense 1805 0 1805
16 Inês Lima Santos A. T. C. Caldas Rainha Novo   1800
17 Pedro do Mar S. O. Marinhense 1799 -10 1789
18 Rui Batalha C. P. Bombarral 1795 -11 1784
19 Jorge Bastos A. X. Benedita 1797 -16 1781
20 Manuel Pereira X. M. São Martinho Reg   1780
21 Carlos Nobre S. O. Marinhense 1805 -66 1739
22 Francisco Cavadas A. X. Benedita 1708 16 1724
23 José Lopes X. M. São Martinho 1721 1 1722
24 Jorge Barrento A. X. Benedita 1716 -8 1708
25 Rui Feio A. X. Bombarral Novo   1702
26 André Belo A. X. Benedita 1679 15 1694
27 Fernando Sena A. X. Bombarral 1672 10 1682
28 João Silva  X. M. São Martinho Reg   1671
29 José Cavadas A. X. Benedita 1603 38 1641
30 Rui Rogado A. X. Bombarral 1637 0 1637
31 Samuel Rebelo A. T. C. Caldas Rainha 1633 -16 1617
32 Paulo Constantino C. P. Bombarral 1619 -3 1616
33 João Sousa A. Peão Cavalgante. Novo   1601
34 Ricardo Oliveira S. O. Marinhense 1617 -23 1594
35 Cyril Carvalho A. T. C. Caldas Rainha Novo   1570
36 Diogo Corte Real A. T. C. Caldas Rainha 1537 -2 1535
37 Eurico Fonseca A. X. Benedita 1466 54 1520
38 Carlos Baptista A. X. Bombarral 1534 -17 1517
39 Rodolfo Silva X. M. São Martinho Reg   1516
40 Tomás Oliveira A. X. Benedita 1434 80 1514
41 Paulo Maximiano C. D. C. Corvos Lis Novo   1498
42 Guilherme Duarte S. O. Marinhense Novo   1497
43 Marcelo Carreira C. D. C. Corvos Lis Novo   1479
44 Rodrigo Basílio C. D. C. Corvos Lis Novo   1471
45 Gonçalo Abreu C. D. C. Corvos Lis 1465 3 1468
46 Constança Rodrigues A. X. Benedita Novo   1351
47 Raquel Vinagre A. X. Benedita 1358 -37 1321
48 Rafael Bouroux C D Ginásio Louriçal Novo   1247

 

Desde a nossa ultima publicação (Junho 2014) muitas novidades com as inevitáveis subidas, descidas, as novas e saudadas entradas e por fim as alterações no sempre apetecível Top 10.

João Francisco, o Mestre FIDE Angolano é a grande novidade com entrada directa para o primeiro lugar da Lista, com esta entrada e com o regresso de Inês Lima Santos ao distrito, desta feita para o clube Caldense é com muita pena que não vemos o clube atuar no campeonato nacional da 3ª divisão.

Daniel Bray com uma acentuada descida de 53 pontos passou para a terceira posição.

Outro grande destaque como não poderia deixar de ser é a entrada de Alberto Negrão para a oitava posição fruto de uns espectaculares 146 pontos obtidos.

Inês Lima Santos entra para o “Grupo 1800” e Carlos Nobre abandona o mesmo.

Destaque ainda para as subidas de Eurico Fonseca (54 pontos) e Tomás Oliveira (80 pontos) ambos da APC da Benedita.

 

 

Calendário de Provas Oficiais 2014 – 2015

Competição Sistema Adversário Data P Local
Taça Nacional das Associações Fase Final Vários 18 Outubro 2014 4 Montemor
Taça Nacional das Associações Fase Final Vários 19 Outubro 2014 4 Montemor
Taça "Amizade do Oeste" 1ª Mão A.T. Vedras 10 Janeiro 2015 4 Bombarral
C N Equipas II Divisão 1ª Ronda A.A. Coimbra B 17 Janeiro 2015 5 Coimbra
C N Equipas II Divisão 2ª Ronda A. Figueirense 31 Janeiro 2015 5 Bombarral
Taça de Portugal 1/32   21 Fevereiro 2015 3 Bombarral
Rápidas AXL Equipas   Vários 22 Fevereiro 2015 4 Bombarral
Semi-Rápidas AXL Equipas   Vários 22 Fevereiro 2015 4 Bombarral
C N Equipas II Divisão 3ª Ronda Peões Alverca 28 Fevereiro 2015 5 Alverca
C N Equipas II Divisão  4ª Ronda Montemor B 21 Março 2015 5 Benedita
C N Equipas II Divisão 5ª Ronda C.C.T. Novas 22 Março 2015 5 Benedita 
6º Taça A. X. Leiria    Vários 18 Abril 2015 4 Marinha Grande
6º Taça A. X. Leiria    Vários 19 Abril 2015 4 Marinha Grande
Taça "Amizade do Oeste" 2ª Mão A.T. Vedras 25 Abril 2015 4 Torres Vedras
C N Equipas II Divisão 6ª Ronda Casa Xadrez 9 Maio 2015 5 Montemor
C N Equipas II Divisão  7ª Ronda A.X. Bombarral 10 Maio 2015 5 Montemor

Prioridade de 1= Não Prioritário a 5= Imprescindível

 

 

Taça “Amizade do Oeste”

      

C. P. Bombarral  (9,0 – 3,0)  A. Torres Vedras

A Casa do Povo do Bombarral recebeu a equipa do Académico de Torres Vedras na primeira mão da Taça “Amizade do Oeste”, a segunda mão realiza-se em Torres Vedras no dia 25 de Abril, para já os Bombarralense adiantaram-se com uma boa vantagem, mas estará certamente tudo em aberto para a segunda e última ronda desta “competição”

Clássicas – Ritmo (60m) + (30s)

A CPB aproveitou para dar ritmo ao “4” que irá jogar a ronda inaugural da 2ª Divisão, o ATV jogou supostamente com meia equipa titular. O resultado que não espelha de forma nenhuma a diferença entre as equipas, deu uma excelente vantagem á CPB para a conquista deste Match.

Semi Rápidas – Ritmo (15m) + (10s)

No rimo semi rápido o ATV jogou com nova equipa onde se incluem os outros 50% de “titulares”, já a CPB aproveitou para estrear o Sub Rodolfo Bernardino, nova vitória para a CPB que aumenta assim a sua vantagem para 7-1!

Rápidas – Ritmo (3m) + (2s)

Nas sempre animadas rápidas o resultado saiu empatado, terminou assim a 1ª mão deste Match com uma vantagem para os Bombarralenses de 6 pontos.

  

Seguiu-se um pequeno lanche para todos os presentes, aproveitamos para destacar a simpatia e paciência de todos os jogadores do ATV que foram dando ritmo ao nosso sub, ao José Cavadas por ter vindo dar uma espreitadela, e um destaque especial para duas pessoas sem as quais certamente este Match não se teria realizado: João Santos e Carlos Marques, o nosso muito obrigado!

Até Abril em Torres Vedras!!!

 

 

Taça “Amizade do Oeste”

"A equipa localizada mais a sul do distrito de Leiria encontra-se com a equipa localizada mais a norte do distrito de Lisboa"

      

 

Regulamento Base

Esta iniciativa tem como objectivos fortalecer os laços de amizade entre duas equipas vizinhas e o de preparar as equipas em duas fases decisivas da época (a inicial e anterior ao ultimo concentrado dos respetivos campeonatos nacionais)

A competição não é oficial, ou seja, não contará para rating FIDE

O Torneio é composto por duas mãos, em sistema casa/fora

Cada uma das mãos será jogada a 4 tabuleiros em cada ritmo:

  • 4 Partidas de clássicas (60 mts + 30 segundos)
  • 4 Partidas de semi rápidas (15 mts + 10 segundos)
  • 4 Partidas de rápidas (3 mts + 2 segundos)

As partidas semi rápidas iniciam-se 10 minutos depois de acabar o ultimo jogo de clássicas, e as partidas de rápidas iniciam-se 10 minutos depois de acabar o ultimo jogo de semi rápidas

Estarão em disputa 12 pontos por cada uma das mãos, sendo o valor de cada jogo igual, ou seja, 1 ponto conquistado nas rápidas valerá o mesmo do que 1 ponto conquistado nas clássicas.

O vencedor será aquele que obtiver mais pontos em disputa (24 no total das duas mãos), em caso de empate (12-12) não existirá qualquer desempate, o torneio terminará com esse mesmo resultado.

Não existe nenhuma pré inscrição de jogadores nem de escalonamento das equipas. O emparceiramento tabuleiro a tabuleiro será feito no local de jogo através de “sorteio puro”.

Podem jogar 4 jogadores de cada vez de cada equipa, sendo o limite máximo de 12 jogadores por clube em cada uma das mãos.

É possível a mudança de qualquer das datas indicadas no “cartaz” por motivos de força maior invocados pelos clubes, fato que anunciaremos neste site caso aconteça.

 

 

Mais um Triplete! … Mais um Triplete! … Mais um Triplete!

CPB já leva 5 anos de domínio distrital!!!

Quadro de Honra da A. X. Leiria 2014/2015

Clássicas Semi  – Rápidas Rápidas

Quadro de Honra da A. X. Leiria 2013/2014

Clássicas Semi  – Rápidas Rápidas

Quadro de Honra da A. X. Leiria 2012/2013

Clássicas Semi  – Rápidas Rápidas

Quadro de Honra da A. X. Leiria 2011/2012

Clássicas Semi  – Rápidas Rápidas

Quadro de Honra da A. X. Leiria 2010/2011

Clássicas Semi  – Rápidas Rápidas

 



Home page
 | Calendário de Provas | Organismos e Informativos | Associações e Clubes de Xadrez | Galeria de fotografias | Jogadores | Jogar online |
Ver partidas |

Quantcast
- Website optimizado para o navegador (web browser) Google Chrome